Quarta da Bibliotecária

22/01/2014

Boa tarde família! Hoje vamos dar a dica de um filme, onde a união, a determinação, a coragem e a paciência são qualidades altamente presentes. 

"Quando todo um país passava por dificuldades, ele inspirou pessoas a nos dar esperança." (O grande desafio - The Great Debaters)
 
Dirigido e estrelado pelo ator norte-americano Denzel Washington. Melvin Thompson (Denzel Washington) é um brilhante professor e amante das palavras. Embora tenha convicções políticas que possam atrapalhar sua carreira, ele decide apostar nos seus alunos para formar um grupo de debatedores e colocar a pequena Wiley College, do Texas, no circuito dos campeonatos entre as universidades. Mas o seu maior objetivo é enfrentar a tradição de Harvard diante de uma enorme platéia. Inspirado em fatos reais.

05/12/2014

Boa tarde família! Hoje nós vamos falar sobre a Revolução Constitucionalista de 1932, Revolução de 1932 ou Guerra Paulista, que foi o movimento armado ocorrido no Brasil entre os meses de julho e outubro de 1932, onde o Estado de São Paulo visava a derrubada do Governo Provisório de Getúlio Vargas e a promulgação de uma nova constituição para o Brasil.

A Revolução Constitucionalista de 1932

A Revolução Constitucionalista de 1932 aconteceu em São Paulo e foi uma insurreição contrária ao novo quadro político que se instaurou no país após a Revolução de 1930.
As elites paulistas, as classes mais favorecidas pelo sistema que vigorou na Primeira República, almejavam, com essa agitação, reaver o domínio político que haviam perdido com a Revolução de 1930. Além deste fato, a demora do governo provisório de Getúlio Vargas em convocar a Assembléia Constituinte suscitava muita insatisfação, especialmente no Estado de São Paulo. No começo do ano de 1932, o Partido Republicano Paulista (PRP) e o Partido Democrático (PD) lançam uma campanha a favor da Carta Constitucional do país e do término da interferência federal nos estados.

A repercussão popular é grande, o sentimento de patriotismo brota nos corações paulistas, tornando mais forte o ideal de liberdade e a disposição de se lutar por ele. No dia 23 de maio de 1932, durante a realização de um ato político no centro da cidade de São Paulo, a polícia coíbe os manifestantes, ocasionando a morte de quatro estudantes. Em homenagem a esses quatro jovens, o movimento passa a chamar-se MMDC – iniciais de Martins, Miragaia, Dráusio e Camargo, os mortos – e amplia a base de apoio entre a classe média. Em 9 de julho começa a rebelião armada, está deflagrada a Revolução Constitucionalista. 
Os comandantes militares, Isidoro Dias Lopes, Bertoldo Klinger e Euclydes Figueiredo, no entanto, sabiam que as forças federais eram superiores. Eles contam com a união e a ajuda garantida por outros estados, como Rio Grande do Sul e Minas Gerais. Mas o apoio não chega, e São Paulo é cercado pelas tropas legalistas. Após ajustes, envolvendo indulto aos rebeldes e facilidades para o exílio dos líderes civis e militares do movimento, os paulistas anunciam sua rendição em 3 de outubro de 1932.

19/02/2014

Boa tarde família! 

Hoje apresentaremos um pequeno texto, sobre o respeito às diferenças e singularidades de cada indivíduo, a forma abrangente de amar o próximo começa com o respeito às diferenças. E não esqueçamos que o mundo é composto de diversificações e suas inúmeras variedades.

“RESPEITAR O PRÓXIMO E AS SUAS DIFERENÇAS É AMAR AS PESSOAS COMO ELAS SÃO"

Somente respeitamos verdadeiramente o outro quando o aceitamos da forma como ele é. Aceitar é permitir a máxima manifestação, sem controles ou manipulações. E para aceitar plenamente o outro, precisamos ter maturidade espiritual. Atualmente, vivenciamos poucos elementos de espiritualidade nas relações e, como consequência, lutamos uns contra os outros. Agir respeitando a tudo e a todos é o resultado da própria evolução. É ter disposição para dar e receber e não julgar. É ter a capacidade de reconhecer a importância do outro, aprendendo a respeitar as diferenças, consciente de que tudo o que fazemos tem uma consequência, para o bem ou para o mal.
Quem respeita, compreende e aceita tudo e todos conhece a importância de cada atitude e passa a zelar por seus atos e palavras, procurando fazer de sua vida um exemplo de respeito ao próximo. Assim, a pessoa sempre age de forma responsável, com cooperação, solidariedade, cultivando valores espirituais e relacionamentos cosmoéticos, baseados no amor e no respeito mútuo.

05/03/2014

Boa tarde família!


Hoje nós vamos falar sobre a história da Guerra De Canudos, o líder Antônio Conselheiro, o Messianismo no Nordeste do início da República, conflitos sociais na História do Brasil. Vale ressaltar, que a história da guerra também se encontra no livro "Os Sertões" de Euclides da Cunha, que acompanhou de perto este triste episódio da história brasileira.

HISTÓRIA DA GUERRA DE CANUDOS

A situação do Nordeste brasileiro, no final do século XIX, era muito precária. Fome, seca, miséria, violência e abandono político afetavam os nordestinos, principalmente a população mais carente. Toda essa situação, em conjunto com o fanatismo religioso, desencadeou um grave problema social. Em novembro de 1896, no sertão da Bahia, foi iniciado este conflito civil. Esta durou por quase um ano, até 05 de outubro de 1897, e, devido à força adquirida, o governo da Bahia pediu o apoio da República para conter este movimento formado por fanáticos, jagunços e sertanejos sem emprego.

O beato Conselheiro, homem que passou a ser conhecido logo depois da Proclamação da República, era quem liderava este movimento. Ele acreditava que havia sido enviado por Deus para acabar com as diferenças sociais e também com os pecados republicanos, entre estes, estavam o casamento civil e a cobrança de impostos. Com estas idéias em mente, ele conseguiu reunir um grande número de adeptos que acreditavam que seu líder realmente poderia libertá-los da situação de extrema pobreza na qual se encontravam. 

Com o passar do tempo, as idéias iniciais difundiram-se de tal forma que jagunços passaram a utilizar-se das mesmas para justificar seus roubos e suas atitudes que em nada condiziam com nenhum tipo de ensinamento religioso; este fato tirou por completo a tranquilidade na qual os sertanejos daquela região estavam acostumados a viver. 

Devido a enorme proporção que este movimento adquiriu, o governo da Bahia não conseguiu por si só segurar a grande revolta que acontecia em seu Estado, por esta razão, pediu a interferência da República. Esta, por sua vez, também encontrou muitas dificuldades para conter os fanáticos. Somente no quarto combate, onde as forças da República já estavam mais bem equipadas e organizadas, os incansáveis guerreiros foram vencidos pelo cerco que os impediam de sair do local no qual se encontravam para buscar qualquer tipo de alimento e muitos morreram de fome. O massacre foi tamanho que não escaparam idosos, mulheres e crianças.

Pode-se dizer que este acontecimento histórico representou a luta pela libertação dos pobres que viviam na zona rural, e, também, que a resistência mostrada durante todas as batalhas ressaltou o potencial do sertanejo na luta por seus ideais. Euclides da Cunha, em seu livro Os Sertões, eternizou este movimento que evidenciou a importância da luta social na história de nosso país.

12/03/2014

Boa tarde família!


Hoje nós vamos falar de um renomado escritor brasileiro, Lima Barreto, grande defensor do território brasileiro.

LIMA BARRETO

#NomeCompleto 
Afonso Henriques de Lima Barreto

#Quemfoi
Lima Barreto foi um escritor e jornalista brasileiro. 

#Nascimento
Lima Barreto nasceu na cidade do Rio de Janeiro em 13 de maio de 1881.

#Morte
Lima Barreto morreu na cidade do Rio de Janeiro em 1 de novembro de 1922.

#Biografiaresumida:
- Filho de pais pobres, ficou orfão de mãe ainda na infância (quando tinha 6 anos).

- Estudo no Colégio Pedro II (curso secundário) e no curso de Engenharia da Escola Politécnica.

- Abandonou o curso para trabalhar e sustentar a família. Trabalhou como escrevente coopista na Secretaria de Guerra.

- Para aumentar a renda, escrevia textos para jornais cariocas.

- Era simpático ao anarquismo e militou na imprensa socialista da época.

- Alcoólatra, teve vários problemas relacionados à depressão. Chegou a ser internado algumas vezes com problemas psiquiátricos.

- Faleceu aos 41 anos de idade.

#Característicaseestiloliterário:
- Escreveu romances, sátiras, contos, textos jornalísticos e críticas.

- Abordou em suas obras as grandes injustiças sociais;

- Fez críticas ao regime político da República Velha.

- Possuía um estilo literário fora dos padrões da época. Seu estilo era despojado, coloquial e fluente.

- É um escritor de transição entre o Realismo e o Modernismo. 

#Principaisobras
- Recordações do escrivão Isaías Caminha (1909)

- Triste fim de Policarpo Quaresma (1915)

- Numa e ninfa (1915)

- Os bruzundangas (1923)

- Clara dos Anjos (1948)

- Diário Íntimo (1953)

#Frasesmarcantes

"O Brasil não tem povo, tem público."

"Tudo tem um limite e o football não goza do privilégio de cousa inteligente."

02/04/2014

DIA MUNDIAL DA CONSCIENTIZAÇÃO DO AUTISMO

Das cerca de um milhão de pessoas no Brasil diagnosticadas com autismo, apenas 100 mil recebem algum tipo de atendimento.

O autismo é uma disfunção que afeta a capacidade de comunicação das pessoas, alterando também a forma como ela se comporta e estabelece relacionamentos. 

Os problemas causados por esta desordem podem variar. Existem crianças autistas que possuem inteligência e fala intactas, já outras convivem com sérios problemas de desenvolvimento na sua linguagem. Segundo especialistas, o problema atinge cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo. 

O Dia Mundial da Conscientização do Autismo foi criado pela ONU, em 2007. Ele acontece anualmente em 2 de abril, e promove ações para chamar a atenção sobre o autismo.

A tonalidade azul foi escolhida como símbolo de luta contra o preconceito. Decretado pela ONU, monumentos do mundo inteiro são iluminados de azul, a cor do autismo (a cor deve-se ao fato de a síndrome incidir mais em homens que mulheres)
Caminhadas e palestras também são realizadas por pessoas usando roupas na cor azul, para ajudar na conscientização.

30/04/2014

Hoje daremos a dica de um filme, que mostra a dificuldade enfrentada por um jovem chamado Dexter, que por causa de um preconceito por sua doença ,vive uma vida solitária e vazia . Porém mostra também, que a amizade existe e consegue fazer as pessoas esquecerem seus preconceitos para viver em um mundo onde não existem barreiras para serem felizes.

A cura
(The cure)

Erik (Brad Renfro) é um garoto solitário que atravessa todas as barreiras que o preconceito ergueu e se torna amigo do seu vizinho Dexter (Joseph Mazzello), que tem AIDS. Erik se torna muito ligado a Linda (Annabella Sciorra), a mãe de Dexter, e na verdade fica mais próximo dela que da sua própria mãe, Gail (Diana Scarwid), que é negligente com ele e quase nunca lhe dá atenção. Quando os dois garotos leem que um médico de Nova Orleans descobriu a cura da AIDS, tentam chegar até ele para conseguir a cura. Juntos, eles enfrentam muitas dificuldades e descobrem uma grande amizade.

07/05/2014

Boa tarde!


O Brasil tem mais de 500 anos de história, e desde o descobrimento da nossa terra muitos fatos marcaram a identidade do povo brasileiro e ajudaram a construir a nação que temos hoje. Desde os tempos do Brasil Império até a consolidação da democracia, o Brasil viveu momentos históricos muito importantes e que determinaram os rumos do país.

Vamos conhecer uma breve cronologia sobre alguns dos principais fatos históricos que marcaram o Brasil:

22 de abril de 1500: Pedro Álvares Cabral e sua frota encontram as terras brasileiras.

23 de Abril de 1500: Pedro Álvares Cabral e sua frota desembarcam no Brasil e tomam as terras para a Coroa Portuguesa.

26 de abril de 1500: Celebração da primeira missa no Brasil.

1530: Dom João III institui o regime de capitanias hereditárias no Brasil.

1 de abril de 1641: Amador Bueno da Ribeira, D. João IV, é aclamado Rei do Brasil.

1808: D. João chega ao Brasil e assina o decreto da abertura dos portos.

24 de janeiro de 1808: Chegada da família real em Salvador, na Bahia.

12 de outubro de 1808: Dom João cria o Banco do Brasil.

7 de setembro de 1822: D. Pedro I proclama a independência do Brasil. O ato dá início ao período da república e coloca fim ao período monárquico, que durou 67 anos.

1888: É promulgada a Lei Áurea e extinta a escravidão no Brasil.

1891: É promulgada a primeira Constituição da República. Deodoro da Fonseca é eleito presidente da república.

1904: Acontece a Revolta da Vacina, no Rio de Janeiro.

1904: O médico sanitarista Osvaldo Cruz introduz a vacinação obrigatória contra a varíola.

1955: Juscelino Kubitschek é eleito presidente da República.

1956: O governo de Juscelino inicia uma série de ações desenvolvimentistas.

1960: JK inaugura Brasília, a nova capital federal.

1964: Um golpe militar derruba João Goulart da presidência e inicia um período de ditadura militar.

1985: Termina o regime militar brasileiro.

1989: Acontece a primeira eleição direta para presidente da república em 30 anos. O eleito é Fernando Collor de Mello.

1990: Fernando Collor de Mello toma posse como presidente eleito.

1992: O presidente Fernando Collor de Mello sofre um processo de Impeachment. Itamar Franco assume a presidência da República.

2002: Depois de três tentativas fracassadas de se tornar presidente do Brasil, em 1889,1994 e 1998, finalmente Luíz Inácio Lula da Silva vence as eleições para presidente e se torna o primeiro operário a ocupar o governo do país. Lula conseguiu se reeleger em 2006.

2010: A economista Dilma Rousseff é eleita presidente do Brasil. Ela se torna a primeira mulher a ocupar a presidência do país. Dilma é a 36ª presidente da República.

21/05/2014

Bom dia família! 

Hoje daremos a dica de um filme com uma grande herança histórica e verídica. Braveheart (Coração Valente - título no Brasil) é um filme norte-americano de 1995, estrelado e realizado por Mel Gibson. Estreou nos cinemas no dia 15 de Dezembro de 1995. Braveheart recebeu dez indicações para o Oscar, ganhou em cinco categorias, incluindo Melhor Filme e Melhor Direção (Para Mel Gibson). 

Coração Valente

No século XIII, após a brutal morte de sua esposa, o escocês William Wallace (Mel Gibson) jura vingança contra aqueles que lhe tiraram a sua razão de viver. Tal vingança acaba sendo o ponto de partida para uma rebelião dos escoceses contra o tirano rei inglês Edward I (Patrick McGoohan), tendo como principal objetivo libertar a Escócia para sempre do domínio da Inglaterra.
Algumas pessoas podem não saber, mas William Wallace realmente existiu, e foi um ícone na luta pela independência da Escócia. Tanto que a atmosfera do filme é baseada nisso, em como ele se tornou um ícone, sejam os fatos aí retratados totalmente verdadeiros ou não.
O filme vale ser visto por se tratar de história, mas não apenas de uma história que está nos livros, mas sim a história do nascimento de um ícone, de um personagem que não somente foi real, mas que transcendeu a sua morte.

28/05/2014

Boa tarde família!

Hoje daremos uma dica de leitura, o romance "Trem Noturno para Lisboa" é um dos maiores best-sellers recentes da Europa e coleciona elogios da crítica.

" Trem Noturno para Lisboa"
de Peter Bieri ( pseudônimo: Pascal Mercier.)

O romance "Trem Noturno para Lisboa" é um dos maiores best-sellers recentes da Europa e coleciona elogios da crítica. A autora chilena Isabel Allende, por exemplo, o classificou como "um deleite para a alma, um dos melhores livros que li nos últimos tempos".
Numa ambiciosa trama sobre amor, vida e literatura, o romance acompanha o professor de línguas Raimundo Gregorius, morador de Berna, na Suíça. Numa manhã qualquer, Gregorious impede que uma mulher se jogue de uma ponte. Ele não consegue entender uma palavra do balbucio da suicida frustrada, mas se encanta com a musicalidade daquele idioma misterioso.
Ao descobrir que se trata do português, o professor imediatamente compra um livro do autor Amadeu Inácio de Almeida Prado. Seu encanto pela obra e pelo idioma o levará a largar sua rotina bem organizada na Suíça e pegar um trem noturno para Lisboa. Nas vielas da capital portuguesa, ele conhecerá a história do país, a luta contra a ditadura de Salazar, e redescobrirá a si próprio.

04/06/2014

Aprendi que a orientação adequada é fundamental para o sucesso do aleitamento materno”

Por Juliana, mãe da Luisa e do Davi.

A gravidez de meu segundo filho, Davi, foi uma experiência muito intensa. Engravidei mais de oito anos após o nascimento de Luisa e foi surpreendente viver de novo os vários momentos da gestação, agora sabendo o que era ser mãe.

Aos poucos, fui percebendo que essa nova oportunidade de gerar uma vida também significava uma chance de superar algumas experiências que vivera anos antes. Foi assim com o parto e com a amamentação.

Embora realmente desejasse o parto normal (e até humanizado, de que tinha pouca informação), Luisa nasceu de cesárea, indicada após a bolsa romper com mecônio. O sonho de amamentar minha filha, embora parcialmente realizado, foi permeado por alguns percalços e por vários sentimentos de frustração, que eu precisava superar.

Na época, não tive a orientação apropriada dos profissionais que me atenderam e, aos três meses de Luisa, a pediatra me deu um ultimato: se, em dois dias, ela não atingisse determinado peso, eu teria que complementar o leite materno com fórmula. E ela foi logo avisando que, com a mamadeira, Luisa iria desmamar.

Nos dois dias seguintes, dediquei-me a amamentar minha pequena como se fosse um caso de vida ou morte. E ela parece ter entendido, pois mamava dia e noite, como se pudesse “salvar” sua mãe.

A sentença, no entanto, já estava dada. Dois dias depois, entrei com o complemento. Mas, ao contrário do estigma apregoado por aquela médica (que troquei logo em seguida), segui amamentando até quase os dez meses de Luisa. Ela nunca abandonou o peito, mesmo usando mamadeira, que era sempre dada por mim, após a mamada.

Embora a amamentação de Luisa tenha sido um marco na construção de nossa relação mãe e filha, eu queria mais: sonhava com outra chance, especialmente de amamentar exclusivamente o bebê até os seis meses de idade.

Essa possibilidade somente pôde se materializar porque buscamos a humanização do parto e do nascimento de nosso filho, trocando de equipe médica no final da gestação, após frequentarmos (eu, meu marido Alexandre e Luisa) alguns encontros de gestantes.

Pouco depois, Davi nasceu de 38 semanas, em um parto normal humanizado. A mais intensa e indescritível felicidade foi tê-lo em meus braços logo após o nascimento e poder amamentá-lo por mais de uma hora, sem pressa, sem protocolos. Ficamos ali perdidos um no olhar do outro, nos reconhecendo, num momento inesquecível de minha vida, simplesmente divino.

Mas, depois daquela sensação mágica, também tivemos nossos momentos de dificuldade, especialmente no início. Fissuras, peito empedrado, cansaço. Pequenos problemas que foram sendo superados aos poucos, com o apoio e a orientação da minha querida doutora que é especialista em amamentação.

Mas o maior desafio, aquele que colocaria meu sonho em risco, viria um pouco mais tarde, aos três meses de Davi (uma coincidência!). Realizando exames de rotina, descobri que o hipertireoidismo que eu havia desenvolvido um ano antes da gravidez, havia voltado inesperadamente. Em consulta, a endocrinologista alertou-me que, com o uso da medicação, eu não poderia mais amamentar, pois a dose elevada do remédio afetaria a tireoide de Davi, bloqueando seu funcionamento.

Apesar de toda a confiança depositada em minha médica, não podia acatar sua recomendação sem ao menos ouvir outra opinião. Pedi a orientação do pediatra de meu filho, que, baseado em literatura médica atualizada, endossou a segurança da amamentação. Foram vários meses de uso do medicamento até que a função tireoidiana fosse controlada, sem qualquer alteração na tireoide do bebê.

Antes que Davi completasse seis meses, vivenciei outras situações de medo e de preocupação com uma suposta diminuição do leite, como se eu estivesse fadada ao insucesso da amamentação exclusiva. A superação veio com paciência, persistência e muita conversa com as queridas amigas do grupo de pós-parto, que me ajudaram a vencer esses obstáculos.

Hoje Davi está com um ano e um mês e, ao contrário do que eu imaginava, ainda mama no peito (só no peito). E muito! A primeira dentição, minha volta ao trabalho, a pressão social, as críticas familiares, enfim nenhum dos mitos que envolvem o ato de amamentar foi capaz de nos atrapalhar nesse instante único.

Aprendi nesses episódios que, além do desejo da mãe, a orientação adequada de profissionais especializados (e dedicados ao atendimento humanizado) é fundamental para o sucesso do aleitamento materno. Porém, mais do que isso, a construção de uma rede de apoio, formada por mulheres que vivenciam uma fase semelhante, a exemplo dos grupos de pós-parto, é imprescindível para que esse momento tão delicado da vida de uma mãe possa ser ainda mais enriquecedor.

Finalmente, também é indispensável o papel do pai, como companheiro e parceiro, nessa fase inicial da vida do bebê. Sem a participação intensa e o incentivo do Alexandre tudo teria sido muito mais difícil.

Amamentar é amar, é materializar esse sentimento tão sublime, é ser mãe em plenitude. Eu e Davi ainda queremos curtir muito esses momentos mágicos de puro prazer!

Amamentar hoje é pensar no Futuro.

02/07/2014

Livro - Feche os Olhos Para Ver Melhor: Os Limites dos Sentidos e os Sentidos dos Limites
Autor: Sérgio Sá.

O desenvolvimento de nossos próprios sentidos e a descoberta de novos limites para suas expansões é a proposta central que apresenta este livro de Sérgio Sá. São reflexões e relatos de experiências vividas pelo autor, em um depoimento sensível e tocante sobre sua condição de deficiente visual e sua relação com o mundo.
Cego de nascença, Sérgio teve sua sensibilidade trabalhada com cuidado e carinho, esculpida por uma família atenta e preocupada em "adequá-lo" à vida numa sociedade tão preconceituosa quanto repressora. O fio condutor da obra está na sugestão que o autor nos faz para que criemos novas maneiras de ver, ouvir, sentir, lidar com o mundo. Para isso, devemos reavaliar o potencial de nossos recursos físicos (tato, audição, olfato e paladar), mentais e espirituais (nossa capacidade de perdoar, de compreender, de julgar sem condenar).
Temas como a integração social do deficiente físico, a supervalorização da imagem nos dias atuais, conflitos entre individualismo e auto-estima se apresentam de maneira simples e instigante.

09/07/2014

"Orgulho de Ser Brasileiro"

Eu me orgulho de ser Brasileiro,nordestino, 
E forrozeiro sou um cantador. 

Jamais eu nego a minha originalidade, vim da roça pra cidade 
Pra mostrar o meu valor.

Saí chorando, coração partido, 
Mas eu trouxe aqui comigo muito Amor no coração.

Trago nas veias sangue puro Nordestino 
Sou poeta sou Menino,nesse pedaço de chão.

Orgulho-me do Brasil
Na vivencia das florestas
Para a beleza de nossas festas
Todos dão a nota mil.

Orgulho-me também
De ter liberdade
Pois em um país de mestiços
O que importa é a igualdade.

O relacionamento da gente
Faz a vivencia das tradições
O que o povo tem na mente
Faz a felicidade das nações.

Eu tenho orgulho de ser brasileiro.
Mesmo com todas as qualidades e defeitos
Perdendo ou ganhando
chorando ou gritando.

Na vitória ou na derrota 
Brasileiro nunca fecha a porta 
para a esperança 
e união.

Eu gosto de ser Brasileiro, 
Não tenho inveja e nem quero ser estrangeiro 
Não tenho dinheiro, mas tenho dignidade 
Que e a Maior felicidade que um homem pode ter, 
Todo homem sonha com trabalho 
Somos todos operários que faz o Brasil crescer.

23/07/2014

Filme: 12 anos de escravidão (12 Years a Slave)

Solomon Northup (Chiwetel Ejiofor) é um escravo liberto, que vive em paz ao lado da esposa e filhos. Um dia, após aceitar um trabalho que o leva a outra cidade, ele é sequestrado e acorrentado. Vendido como se fosse um escravo, Solomon precisa superar humilhações físicas e emocionais para sobreviver. Ao longo de doze anos ele passa por dois senhores, Ford (Benedict Cumberbatch) e Edwin Epps (Michael Fassbender), que, cada um à sua maneira, exploram seus serviços.
Um dos favoritos do Oscar 2014, "12 Anos de Escravidão" levou a cobiçada estatueta de melhor filme no Oscar 2014 , vencedor do Globo de Ouro de Melhor Drama, o filme concorreu ao Oscar também nas categorias de Melhor Ator (Chiwetel Ejiofor), Melhor Ator Coadjuvante (Michael Fassbender), Melhor Atriz Coadjuvante (Lupita Nyong'o, que levou o prêmio), Melhor Direção (Steve McQueen), Melhor Roteiro Adaptado (John Ridley), Melhor Figurino, Melhor Edição e Melhor Direção de Arte. Um filme que emociona e mostra a triste realidade vivida por volta dos anos de 1841.

06/08/2014

SEMANA MUNDIAL DO ALEITAMENTO MATERNO - SMAM

TEMA: Amamentação: um ganho para toda vida! 
Amamentação: uma vitória para toda vida! 

A Semana Mundial de Aleitamento Materno faz parte de uma história mundial focada na Sobrevivência, Proteção e Desenvolvimento da Criança.
Desde sua criação em 1948 que a Organização Mundial de Saúde – OMS tem entre suas ações aquelas voltadas a saúde da criança, devido a grande preocupação com a mortalidade infantil. Em 1990, de um encontro organizado pela OMS e UNICEF resultou um documento adotado por organizações governamentais e não governamentais, assim como, por defensores da amamentação de vários países, entre eles o Brasil.

O documento chamado “Declaração de Innocenti” apresentou quatro objetivos operacionais:

• Estabelecer um comitê nacional de coordenação da amamentação;
• Implementar os "10 passos para o sucesso da amamentação" em todas as maternidades;
• Implementar o Código Internacional de Comercialização dos Substitutos do Leite Materno e todas as resoluções relevantes da Assembleia Mundial de Saúde;
• Adotar legislação que proteja a mulher que amamenta no trabalho.
Com o objetivo de seguir os compromissos assumidos pelos países com a assinatura do documento, foi fundada em 1991 a Aliança Mundial de Ação pró-Amamentação – WABA. Essa Organização criou no ano de 1992 a Semana Mundial de Aleitamento Materno, para promover as metas da “Declaração de Innocenti”.

A Semana Mundial é considerada como veículo para promoção da amamentação. Ocorre em 120 Países e, oficialmente, é celebrada de 1 a 7 de agosto. A WABA define, a cada ano, o tema a ser trabalhado na Semana, lançando materiais que são traduzidos em 14 idiomas. Entretanto, a data e o tema podem ser adaptados em cada País a fim de que seja obtido mais e melhores resultados do evento.

No Brasil, o Ministério da Saúde coordena a Semana Mundial de Aleitamento Materno desde 1999. Sendo responsável pela adaptação do tema para o nosso País e elaboração e distribuição de cartaz e folder. Tem o apoio de Organismos Internacionais, Secretarias de Saúde Estaduais e Municipais, Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano, Hospitais Amigos da Criança, Sociedades de Classe e ONGs.

SEMANA MUNDIAL DA AMAMENTAÇÃO TEVE INICIO NA ÚLTIMA SEXTA FEIRA (1° de Agosto)

Cursos e oficinas são oferecidos à população. 
Tema ressalta a importância de aumentar.

Em 1990, oito objetivos globais, os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), foram estabelecidos por governos e pelas Nações Unidas para combater a pobreza e promover o desenvolvimento saudável e sustentável de uma forma abrangente até 2015.
1. Acabar com a fome e a miséria
2. Atingir o ensino básico Universal
3. Promover a igualdade entre os sexos e autonomias das mulheres. 
4. Reduzir a mortalidade Infantil
5. Melhorar a saúde materna
6. Combater o HIV/AIDS, a malária e outras doenças.
7. Garantir a sustentabilidade ambiental
8. Estabelecer uma parceria mundial para o desenvolvimento

DADOS / Nas últimas décadas, a mortalidade infantil diminuiu 40%, porém ainda assim quase sete milhões de meninas e meninos, menores de cinco anos, morrem todos os anos, de doenças previsíveis.
À medida que a taxa global de mortalidade de menores de cinco anos diminuiu, a proporção de mortes neonatais (durante o primeiro mês de vida) está aumentando. Em nível mundial, a mortalidade materna tem diminuído, em 1990, foram 400 a cada 100.000 nascidos vivos, e em 2010, foram 210. Porém, metade das mulheres tem dado à luz em maternidades que não estão preparadas para cuidar de maneira adequada da mãe e do bebê.
Ao proteger, promover e apoiar o aleitamento materno, todos podem contribuir com cada um dos ODM de maneira substancial. O aleitamento materno exclusivo e a alimentação complementar adequada e oportuna são intervenções essenciais para melhor a sobrevivência infantil e pode salvar por volta de 20% das meninas e meninos menores de cinco anos.

13/08/2014

Filme: Patch Adams: O Amor É Contagioso 
(Baseado em uma história real - com Robin Williams)

"Nunca é tarde para uma revolução de amor".
Patch Adams.

Quebrar paradigmas, ou até mesmo enfrentá-los não é tarefa das mais fáceis, levando em conta que muitos desses modelos são produtos de séculos de experiência. Diante disso, são poucos os que se dispõem a enfrentar esse desafio. No filme Patch Adams – O Amor é Contagioso, dirigido por Tom Shadyac, temos um grande exemplo de um homem em busca de “mudanças”. Esse homem é Patch Adams, interpretado pelo ator Robin Williams – que acredita ser a risada a chave para a melhoria da qualidade de vida.

De início, Patch Adams é apresentado como interno de uma clínica, após uma tentativa de suicídio. Em sua estadia nessa clínica, ele percebe que quase nada é feito para restaurar os pacientes, o que o deixa intrigado. Um dia, de forma hilária, nosso protagonista consegue ajudar o seu companheiro de quarto a enfrentar um de seus medos. Ao auxiliá-lo, ele percebe que se sente bem ajudando as pessoas e resolve deixar o hospício para tornar-se um médico.

Ao conseguir ingressar no curso de Medicina, Patch percebe que a mesma frieza relacional existente no sanatório é encontrada na faculdade, e que os pacientes são tratados como “coisas” e não como seres humanos. Toda e qualquer relação entre médico/paciente é vista com desdém. Percebendo isso, ele decide tornar-se um médico humanista. Seu intuito principal vai ser o de melhorar a qualidade de vida dos seus pacientes, através de boas risadas. Contudo, devido aos seus procedimentos nada convencionais, o personagem central vai ter que suportar duras críticas de seus colegas universitários, além de ter que enfrentar o inflexível reitor da universidade.

03/09/2014

7 de setembro – Dia da Independência do Brasil

A proclamação da independência do Brasil ocorreu em 7 de setembro de 1822, porém não ocorreu da noite para o dia. Foi fruto de um longo processo.

Sentindo-se ameaçados em sua autonomia, indivíduos favoráveis à independência e contrários às medidas recolonizadoras de Portugal, formaram o Partido Brasileiro, que representava os interesses de aristocratas rurais, burocratas e comerciantes que possuíam vínculos econômicos com o Brasil.

O Partido Brasileiro buscou apoio de D. Pedro em sua luta contra a recolonização organizando um documento com milhares de assinaturas pedindo que o regente permanecesse no país, evitando o enfraquecimento de sua autonomia, caso voltasse a Portugal. Pedido concedido, o dia 9 de janeiro de 1822 ficou conhecido como o Dia do Fico.

Em maio de 1822 foi estabelecido o Cumpra-se, decreto pelo qual as ordens de Portugal só seriam executadas dentro do território brasileiro com a autorização do príncipe regente. Em junho de 1822, D. Pedro convocou uma assembleia constituinte para elaborar a lei básica que deveria regulamentar a vida dos brasileiros, tornando cada vez mais inevitável um confronto com Portugal.

Foi então que o mensageiro Paulo Bregaro, mandado por José Bonifácio para colocar D. Pedro a par das noticias recém-chegadas da corte, foi encontrá-lo na tarde de 7 de setembro às margens do rio Ipiranga, em São Paulo. Ao ler tais notícias, D. Pedro decidiu proclamar o Brasil independente de Portugal.

Nos meses seguintes, os brasileiros venceram facilmente o ataque das tropas portuguesas. D. Pedro tornou-se o primeiro imperador do Brasil, com o título de D. Pedro I. O Brasil passou a ser uma monarquia, uma forma de governo em que os poderes são exercidos pelo imperador ou rei.

Desde então comemoramos, no dia 7 de setembro, esse marco para a história de nosso país.

10/09/2014

Pequenas atitudes podem mudar o mundo!

Durante nosso dia-a-dia passamos por diversas situações nas quais podemos tornar a vida das pessoas um pouco melhor. Porém, tamanha a simplicidade destas ações, acabamos não dando o devido valor. Determinadas atitudes, tanto boas quanto ruins, acabam se tornando hábitos conforme a frequência que os realizamos. Por que não tornar um hábito em nossas vidas todas as ações que fazem bem , que melhoram a vida das pessoas que convivemos? Por que não fazer com que a bondade se torne uma rotina, que seja algo que possamos fazer sem esperar nada em troca?

Existem tantas atitudes extremamente simples, mas que podem sim fazer do mundo no qual vivemos um lugar agradável e melhor:

-Segure a porta aberta para alguém que vem logo atrás de você;

-Oriente alguma criança que esteja fazendo algo perigoso;

-Seja gentil com alguém que te serve no restaurante, num balcão do aeroporto ou em outro serviço qualquer;

-Leia para um idoso com visão deficiente;

-Ajude alguém no supermercado – a encontrar um produto – a pegar algo na prateleira, a colocar as coisas na esteira do caixa;

-Dê as orientações para alguém perdido na cidade ou simplesmente procurando um endereço;

-Pegue um lixo na rua ou qualquer lugar público e dê destino adequado;

-Cumprimente as pessoas calorosamente;

-Dê boas vindas para alguém novo na vizinhança, novo no local de trabalho, novo na escola;

-Leve algo para os colegas do trabalho – um biscoito – uma fruta – um doce;

- Cumprimente o motorista do ônibus;

- Elogie alguém;

- Comemore com conquistas de seus amigos;

- Olhe nos olhos quando conversar com alguém;

- Cumpra suas promessas, por mais insignificantes que elas possam parecer;

- Demostre interesse ao ouvir, e não somente queira falar de si mesmo.

E se puder, faça mais… muito mais. São nestas pequenas ações que se reconhece a bondade, a gentileza, o amor e a busca constante por um mundo melhor. Pense coletivo!

17/09/2014

Filme: O ESCAFANDRO E A BORBOLETA

História real de homem que escreve um livro se comunicando apenas através do piscar dos olhos. Um exemplo de superação e lição de vida.

Levando a vida como um "bon vivant", Jean-Dominique Balby era o famoso editor da revista Elle, nos anos 90. Cercado de belas mulheres, ele sempre estava pronto para novas conquistas. Com uma vida requintada e feliz, ele obteve sucesso em tudo o que desejou, tanto profissionalmente como no lado pessoal. Com três filhos, não vê problemas em abandonar a família para se dedicar a uma nova paixão. Prestes a começar a escrever uma adaptação de O Conde de Monte Cristo, Balby tem um derrame. 

Quando acorda, após meses em coma, Jean-Dominique percebe que algo estranho aconteceu. Ele parece estar em um hospital e as pessoas parecem não conseguir ouvi-lo. Logo, ele descobre a verdade: ele está completamente paralisado da cabeça aos pés e não consegue nem mesmo falar. Apenas sua audição e a visão ainda se mantêm. Além disso, um de seus olhos logo também fica inutilizado. Sem formas de conseguir se comunicar com o mundo, ele começa a perder toda a alegria que tinha antes da doença. 

Com a insistência de uma médica, que desenvolve uma forma de ele se comunicar com os olhos, ele se esforça na tentativa de tentar se expressar. Na cama do hospital, ele pode refletir sobre tudo o que viveu e todas as coisas que acabou deixando para trás sem perceber, inclusive a companhia de seus próprios filhos. Assim, Balby aprende a, letra por letra, narrar para uma secretária o que se passa na sua cabeça, para que ela o ajude a escrever o livro O Escafandro e a Borboleta. 

O filme é baseado na história real de Jean-Dominique, que em 1995 sofreu da rara doença conhecida como síndrome do encarceramento. Julian Schnabel foi indicado ao Oscar de melhor diretor por O Escafandro e a Borboleta.

24/09/2014

Seu Jorge - Um talento que já enfrentou a dificuldade das ruas.

Pouca gente sabe, mas antes de ser famoso o cantor Seu Jorge já morou na rua. Filho mais velho de quatro irmãos, nasceu na favela do Gogó da Ema no Rio de Janeiro e teve uma infância muito pobre. 

Primogênito de quatro filhos, Seu Jorge teve uma infância tranquila, frequentando a escola e ajudando a mãe a tomar conta dos irmãos. Começou a trabalhar com apenas dez anos de idade em uma borracharia, primeira de várias ocupações como contínuo, marceneiro e office-boy, entre outras. As variadas profissões nunca ofuscaram o seu verdadeiro desejo de se tornar músico. Desde adolescente, frequentava as rodas de samba cariocas acompanhando o pai e os bailes funk da periferia, e cedo começou a se profissionalizar cantando na noite.

Foi aí que a morte de seu irmão Vitório em uma chacina levou a família à desestruturação, e Seu Jorge acabou virando sem-teto por cerca de três anos. A nova virada se deu quando o clarinetista Paulo Moura o convidou para fazer um teste para um musical de teatro. Foi aprovado e acabou participando de mais de 20 espetáculos com o Teatro da Universidade do Rio de Janeiro, como cantor e ator.

Participou depois da formação da banda Farofa Carioca, que lançou seu primeiro CD em 1998 com uma competente mistura da ritmos negros de várias partes do mundo, como samba, reggae, jongo, funk e rap. A partir daí, Seu Jorge tem sua carreira engrenada e passa a participar de vários projetos, como um disco de tributo a Tim Maia e a participação em estúdio e na turnê da banda brasileira Planet Hemp, em 2000.

Seu Jorge é primo do sambista Dudu Nobre. O apelido, ele ganhou do amigo Marcelo Yuka.

01/10/2014

Dia do Idoso.

O dia 1º de outubro é o dia em que se homenageia o idoso com uma data especial.
Segundo a Organização Mundial da Saúde, são consideradas idosas as pessoas com mais de sessenta e cinco anos de idade, chamados também de grupo da terceira idade. Com o passar dos anos, as pessoas precisam de mais atenção, carinho, e paciência, porem nem todos compreendem as mudanças e as necessidades que vão surgindo com o envelhecimento do corpo e da mente humana. Abaixo esta transcrita uma carta de um idoso, à todos aqueles que questionam as suas necessidades no decorrer da vida.

Carta de um idoso: Texto para ler e refletir.

O dia em que este velho não for mais o mesmo, tenha paciência e me compreenda. Quando derramar comida sobre minha camisa e esquecer como amarrar meus sapatos, tenhas paciência comigo e lembra-te das horas em que passei te ensinando a fazer as mesmas coisas.

Se quando conversares comigo, eu repetir as mesmas histórias, que sabes de sobra como terminam, não me interrompas e me escute. Quando eras pequeno, para que dormisses, tive que te contar milhares de vezes a mesma estória até que fechasses os olhinhos.

Quando estivermos reunidos e sem querer fizer minhas necessidades, não fiques com vergonha. Compreendas que não tenho culpa disso, pois já não as posso controlar. Penses, quantas vezes, pacientemente, troquei tuas roupas para que estivesses sempre limpinho e cheiroso.

Não me reproves se eu não quiser tomar banho, sejas paciente comigo.
Lembra-te dos momentos que te persegui e os mil pretextos que inventava pra te convencer a tomar banho.

Quando me vires inútil e ignorante na frente de novas tecnologias que já não poderei entender, te suplico que me dê todo o tempo que seja necessário, e que não me machuques com um sorriso sarcástico
Lembra-te que fui eu quem te ensinou tantas coisas. Comer, se vestir e como enfrentar a vida tão bem como hoje o fazes. Isso é resultado do meu esforço da minha perseverança.

Se em algum momento, quando conversarmos, eu me esquecer do que estávamos falando, tenhas paciência e me ajude a lembrar. Talvez a única coisa importante pra mim naquele momento seja o fato de ver você perto de mim, me dando atenção, e não o que falávamos.

Se alguma vez eu não quiser comer, saibas insistir com carinho. Assim como fiz contigo.
Também compreendas que com o tempo não terei dentes fortes, e nem agilidade para engolir.

E quando minhas pernas falharem por estar tão cansadas, e eu já não conseguir mais me equilibrar…
Com ternura, dá-me tua mão para me apoiar, como eu o fiz quando tu começastes a caminhar com tuas perninhas tão frágeis.

E se algum dia me ouvires dizer que não quero mais viver, não te aborreças comigo. Algum dia entenderás que isto não tem a ver com teu carinho ou com o quanto te amo.
Compreendas que é difícil ver a vida abandonando aos poucos o meu corpo, e que é duro admitir que já não tenho mais o vigor para correr ao teu lado, ou para tomá-lo em meus braços, como antes.

Sempre quis o melhor para ti e sempre me esforcei para que teu mundo fosse mais confortável, mais belo, mais florido.
E até quando me for, construirei para ti outra rota em outro tempo, mas estarei sempre contigo e zelando por ti.

Não te sintas triste ou impotente por me ver assim. Não me olhes com cara de dó. Dá-me apenas o teu coração, compreenda-me e me apoie como o fiz quando começastes a viver. Isso me dará forças e muita coragem.

Da mesma maneira que te acompanhei no início da tua jornada, te peço que me acompanhes para terminar a minha. Trata-me com amor e paciência, e eu te devolverei sorrisos e gratidão, com o imenso amor que sempre tive por ti.

Atenciosamente,
Teu velho.
(Autor Desconhecido)

08/10/2014

Filme: O líder da Classe.

O filme (Front of the Class - O líder da Classe ou O Primeiro da Classe) mostra o preconceito que Brad Cohen (Jimmy Wolk) sofreu por toda a sua vida por fazer esses "barulhos" estranhos devido a Síndrome de Tourette. As pessoas não entendiam, achavam que era uma brincadeira de mal gosto e o desprezavam e o castigavam por isso (inclusive o seu próprio pai o maltratava). Mas ele não se deixou abater e mostrou que era superior a qualquer tipo de preconceito e então resolveu dar aulas para crianças, coisa que ele amava e sempre sonhou em fazer. E se tornou o professor mais amado entre seus alunos. Esse filme narra a história de vida de Brad Cohen(Jimmy Wolk),que tem Síndrome de Tourette(é um distúrbio neurológico que faz com que o corpo perca o controle e a pessoa com essa doença tem "tiques" nervosos) e mesmo assim ele não deixa que essa deficiência o vença. Desde os 6 anos,ele tem esse problemas, mas sua mãe sempre o incentivou a ter uma vida como a de todo mundo, não é por conta do Tourette que ele não podia ter uma vida comum. Foi um diretor que o fez ser aceito na escola e pela ignorância dos professores que ele teve na vida, decidiu ser o professor que ele nunca tinha tido. Ele adora ensinar o mais importante: que nada nunca o impediu de viver. Baseado em fatos reais,hoje em dia o verdadeiro Brad é casado com Nancy, fez seu mestrado e faz o que ele ama fazer: dar aulas.

15/10/2014

Livro: Pare de se sabotar e dê a volta por cima, Flip Flippen. 

O que aconteceria se, em vez de você se concentrar naquilo que já fez bem, passasse a identificar seus pontos fracos, aqueles comportamentos que já viraram hábito mas que continuam a impedir que alcance seu melhor desempenho?

Em Pare de se sabotar e dê a volta por cima, Flip Flippen mostra a importância do autoconhecimento para se alcançar a satisfação pessoal e sucesso profissional.

Ele acredita que, uma vez identificadas as limitações de cada personalidade, é possível superá-las de forma definitiva e atingir resultados gratificantes.

O autor analisa diversos tipos de personalidade e apresenta exemplos da vida real com os quais teve contato ao longo de sua carreira de psicoterapeuta, revelando como as soluções inusitadas que sugeria para cada caso levaram os indivíduos a refletir sobre seus comportamentos limitadores e a mudar de atitude a fim de alcançar objetivos profissionais e pessoais.

O programa de superação das limitações pessoais apresentado neste livro é bem simples e já ajudou a melhorar a vida de milhares de indivíduos, entre os quais líderes empresariais, executivos do mercado financeiro, educadores a atletas.

Ao corrigir comportamentos negativos, você irá se surpreender com um aumento considerável em sua produtividade e uma melhora nos relacionamentos pessoais.

Fica a dica de leitura para o final de semana.

22/10/2014

Texto: Faça
Marcio Ricardo Medeiros Oliveira.

Toda escolha que você fizer e toda decisão que você tomar terá seu lado bom e seu lado ruim. Considere-os com cuidado e tome a decisão. Uma resposta menos que perfeita é infinitamente melhor do que não fazer nada. Tudo que você se dispõe a fazer envolve alguns riscos e desafios. Para qualquer coisa que você empreender existem muitas razões para não fazê-lo. Pese os riscos e os benefícios e, então assuma o compromisso de agir. Decida o que você quer fazer, com os olhos bem abertos, e leve isso em frente sem olhar para trás. Existem muitas direções dentre as quais você pode escolher. Mesmo assim, você precisa escolher. Suas possibilidades são significativas apenas quando você escolhe algumas delas e rejeita o resto. Tentar fazer tudo ao mesmo tempo é tão inútil quanto não tentar nada. Defina-se. Escolha seu caminho e comece a andar. Decida o que quer fazer e mãos à obra.Texto: Faça
Marcio Ricardo Medeiros Oliveira.

Toda escolha que você fizer e toda decisão que você tomar terá seu lado bom e seu lado ruim. Considere-os com cuidado e tome a decisão. Uma resposta menos que perfeita é infinitamente melhor do que não fazer nada. Tudo que você se dispõe a fazer envolve alguns riscos e desafios. Para qualquer coisa que você empreender existem muitas razões para não fazê-lo. Pese os riscos e os benefícios e, então assuma o compromisso de agir. Decida o que você quer fazer, com os olhos bem abertos, e leve isso em frente sem olhar para trás. Existem muitas direções dentre as quais você pode escolher. Mesmo assim, você precisa escolher. Suas possibilidades são significativas apenas quando você escolhe algumas delas e rejeita o resto. Tentar fazer tudo ao mesmo tempo é tão inútil quanto não tentar nada. Defina-se. Escolha seu caminho e comece a andar. Decida o que quer fazer e mãos à obra.

29/10/2014

Texto: O preconceito está em nós.

O preconceito não é só coisa de grupos sectários, como skinheads, pois surge, às vezes, da tola pretensão de valorizar a si mesmo ao depreciar diferentes escolhas religiosas, estéticas, desportivas ou musicais. Ele pode se manifestar, às vezes, disfarçado de humor, como na humilhação – ou bullying – de um estudante por seu sotaque regionalou pela forma como se veste.
Muitas formas de intolerância resultam de visões e superstições presentes nas relações familiares e afetivas e de valores disseminados na sociedade.
É difícil não discriminar, pois, ao generalizar experiências pessoais, já prejulgamos. Mais complicado ainda é reconhecer como desfiguramos traços de caráter e sentimentos pessoais ao descrever quem estranhamos.
Os julgamentos preconceituosos, no entanto, nem sempre são definitivos, assim como as afirmações científicas. O que parecia bem compreendido há alguns anos, como a constituição e a expansão do Universo, hoje apresenta vários pontos obscuros. Por isso, valorizar a variedade de culturas, o questionamento dos saberes e a necessidade do contraditório é o que devemos fazer sem propagar outro mito, o da neutralidade absoluta.

Por Luis Carlos de Menezes.

12/11/2014

Texto: Viva com determinação!

A vida melhora imensamente quando você para de deixar as coisas acontecerem e passa a fazer as coisas acontecerem.

Ao invés de ser uma vítima, seja alguém que faz.

Ao invés de procurar alguém para culpar, procure pelo que você pode fazer.

Ao invés de perguntar “Por que isso aconteceu comigo?”, pergunte “O que posso fazer?”

Estabeleça suas prioridades e concentre-se em seus objetivos.

Nenhuma situação pode lhe derrotar quando você vive com determinação. As coisas que lhe acontecem têm uma importância menor ao lado do que você pode fazer com elas.

Seu senso de direção, seu foco, seu comprometimento e ação eficaz guiarão você em qualquer situação, não importa o que aconteça.

Seja responsável – nos seus pensamentos, suas palavras, suas crenças, suas ações – pelas coisas que acontecem, e elas serão muito mais ao seu gosto.

Faça a vida acontecer e ela acontecerá para você também.

26/11/2014

João Guimarães Rosa.
Médico, escritor e diplomata brasileiro.

27/06/1908, Cordisburgo, MG
19/11/1967, Rio de Janeiro, RJ

Guimarães Rosa é considerado por muitos críticos o maior escritor brasileiro da segunda metade do século 20.

Autodidata, Joãozinho, como era chamado quando criança, começou a estudar diversos idiomas, iniciando pelo francês, quando ainda não tinha sete anos.

Morando na casa dos avós em Belo Horizonte, terminou o curso primário. Iniciou o curso secundário, em regime de internato, no Colégio Santo Antônio, em São João del-Rei, mas não conseguiu se adaptar e retornou a Belo Horizonte, onde se formou.

Em 1925, matriculou-se na Faculdade de Medicina da Universidade de Minas Gerais, com apenas 16 anos. Sua estréia nas letras se deu em 1929, ainda como estudante. Escreveu quatro contos, todos premiados.

Em 27 de junho de 1930, aos 22 anos, casou-se com Lígia Cabral Penna, de 16 anos, com quem teve duas filhas: Vilma e Agnes. No mesmo ano se formou e passou a exercer a profissão de médico em Itaguara, então município de Itaúna (MG), onde permaneceu cerca de dois anos.

Foi nessa localidade que passou a ter contato com os elementos do sertão que serviram de referência e inspiração para sua obra literária.

Ainda nos anos 1930, Guimarães Rosa participou de outros dois concursos literários. Em 1936, a coletânea de poemas "Magma" recebeu o prêmio de poesia da Academia Brasileira de Letras. Um ano depois, sob o pseudônimo de Viator, concorreu ao prêmio Humberto de Campos, com o volume intitulado "Contos", que dez anos mais tarde, após uma revisão do autor, se transformaria em "Sagarana".

Aprovado em concurso para o Itamaraty, passou alguns anos de sua vida como diplomata brasileiro na Europa e na América Latina. Em 1938, na Alemanha, conheceu Aracy Moebius de Carvalho (Ara), que viria a ser sua segunda mulher.

Durante a guerra, por várias vezes escapou da morte. A superstição e o misticismo o acompanhariam por toda a vida. Antes do final da guerra, passou dois anos em Bogotá, onde escreveu o conto "Páramo", que faz parte do livro póstumo "Estas Estórias".

Em dezembro de 1945 retornou a sua terra natal. No ano seguinte foi nomeado chefe-de-gabinete do ministro João Neves da Fontoura e seguiu para Paris como membro da delegação brasileira na Conferência de Paz.

De volta ao Brasil, fez uma excursão ao Mato Grosso, anotando tudo o que via. O resultado foi a obra "Com o Vaqueiro Mariano" (1947). Após uma viagem a Bogotá em 1948, retornou à embaixada em Paris, onde permaneceu até 1951.

Em maio de 1956, após a publicação de "Corpo de Baile", surgiu "Grande Sertão: Veredas", uma narrativa épica de 600 páginas sobre o ambiente e a gente do sertão mineiro. A história do amor proibido entre Riobaldo e Diadorim.

Em sua segunda candidatura para a Academia Brasileira de Letras, Guimarães Rosa foi eleito por unanimidade (1963). Adiou a cerimônia de posse até 1967, e faleceu três dias mais tarde na cidade do Rio de Janeiro, aos 59 anos.

10/12/2014

Filme: Conduzindo Miss Daisy.

“Conduzindo Miss Daisy” se passa em 1948, quando uma rica judia de 72 anos (Jessica Tandy), cuja personalidade é tão forte quanto uma rocha, acaba provocando um acidente com seu novo carro, o que faz que seu filho (Dan Aykroyd) contrate um motorista, mesmo que contra a vontade da mãe. E assim, entra em cena Morgan Freeman. E assim se inicia uma relação que de início é bem conturbada, mas que com o passar do longa, acaba rompendo todas as barreiras sociais, culturais e raciais da época, se mostrando uma amizade verdadeira por mais de vinte anos.

Um lado bacana do filme é a mensagem que ele trás. A Miss Daisy não aceita o fato de não ser tão autônoma como antes e que agora tem que depender de alguém para ajudá-la em algumas tarefas, e o filme nos mostra de uma maneira simples, mas bem realista essa nova realidade da personagem. O filme também trás o preconceito sofrido pelos negros antes de todas as revoluções que ocorreram, mostrando que as barreiras podem ser rompidas, e que no fim, todos somos iguais.

E todas essas nuances são tratadas pelo diretor como os ganchos do filme, onde o envelhecimento da personagem é tratado como uma fase de mudança, mas de redescoberta e adaptação.

Um filme que vale a pena, mas não só pela direção e história, mas também pelas atuações dos dois protagonistas Freeman e Tandy é magistral! Eles interpretam com a naturalidade necessária, e deixam transparecer uma amizade verdadeira, que acaba conquistando quem assiste!

O filme conquistou alguns prêmios da Academia: Melhor Filme, Melhor Atriz – Jessica Tandy, Melhor Roteiro Adaptado – Alfred Uhry, Melhor Maquiagem.

17/12/2014

Livro: A Semente da Vitória.
Autor: Nuno Cobra.

Nuno Cobra, paulista de São José do Rio Pardo, formado pela escola de Educação Física de São Carlos e pós-graduado pela USP foi preparador físico de muitos atletas famosos, entre eles, Ayrton Senna (por mais de 10 anos), Rubens Barrichello e Mika Hakkinen. Neste livro, apresenta seu método baseado em 4 pilares fundamentais para qualidade de vida os quais incluem: Sono revitalizador, alimentação adequada, exercício físico sistematizado e meditação.
O objetivo do autor da obra é ajudar as pessoas a descobrirem a extraordinária força que existe nelas, fazendo-as perceber-se mais fortes e capazes, possibilitando transformações inacreditáveis.
Nuno é um profissional admirado e respeitado no país e no mundo como preparador físico. Seu método de trabalho, que só era conhecido pelos alunos mais próximos, agora é revelado com a publicação deste seu primeiro livro.

"O que antes parecia impossível torna-se possível quando alguém se sente apto a transpor todos os obstáculos, conhecendo a sua verdadeira grandeza interior."

24/12/2014

Filme: "A corrente do bem."

Eugene Simonet (Kevin Spacey), um professor de Estudos Sociais, faz um desafio aos seus alunos em uma de suas aulas: que eles criem algo que possa mudar o mundo. Trevor McKinney (Haley Joel Osment), um de seus alunos e incentivado pelo desafio do professor, cria um novo jogo, chamado "pay it forward", em que a cada favor que recebe você retribui a três outras pessoas. Surpreendentemente, a ideia funciona, ajudando o próprio Eugene a se desvencilhar de segredos do passado e também a mãe de Trevor, Arlene (Helen Hunt), a encontrar um novo sentido em sua vida.

Haley Joel Osment, interpreta Trevor, que inicia uma reação em cadeia de bondade para o seu projeto de Estudos Sociais nessa doce e grandiosa história dirigida por Mimi Leder, baseada na obra de Catherine Ryan Hyde e também estrelando os vencedores do Oscar Kevin Spacey e Helen Hunt.

Quanto impacto pode ter uma ideia sincera? 

Nesta natal, espalhe o bem e a bondade e faça de todos um natal iluminado! 
Um feliz natal a todos!

07/01/2015

Casimiro de Abreu 

Casimiro José Marque de Abreu foi um importante poeta brasileiro da Segunda Geração Romântica. Nasceu na cidade de Barra de São João, atual Casimirana (Rio de Janeiro) em 1837.

Em 1853, foi morar, junto com o pai, em Portugal, país onde escreveu grande parte de sua obra.

Autor de “Primaveras”, coleção de poesias de caráter melancólico e sentimental. Utilizava uma grande simplicidade na forma de escrever, aliada a um sentimento exagerado e apaixonado. Suas poesias tratavam de temas relacionados à sua vida, à casa do pai, ao amor e á saudade da terra natal.

Tuberculoso, morreu com apenas 23 anos, em 1860, numa fazenda nos arredores da cidade onde nasceu. Suas poesias fazem sucesso até hoje, principalmente, no Brasil e Portugal.

21/01/2015

21/01 - DIA MUNDIAL DA RELIGIÃO.

No dia 21 de janeiro é comemorado o dia mundial da religião. A criação da data foi com o objetivo de promover a união de todas as religiões existentes no mundo, levando mais fé e esperança ao povo.

A ideia entrou em vigor a partir de 1949, através da Assembleia Espiritual Nacional.

A palavra religião vem do latim “religio,onis” e seu significado define-a como o conjunto de determinadas crenças e dogmas que levam o homem ao sagrado, onde cada uma apresenta suas práticas e ritos próprios, envolvendo ainda formas de comportamento e de cumprimento dos preceitos morais.

O Dia Mundial da Religião deve celebrar a tolerância e o diálogo entre todas as pessoas que acreditam no princípio da bondade e na força geradora de vida que vem de Deus. De fato, todos que seguem uma religião têm intimamente a crença na existência do Divino que rege nossa vida e que nos chama a compartilhar a essência da caridade para uma vida melhor.

O diálogo inter-religioso é de extrema importância para o entendimento das pessoas e para a manutenção da paz entre os povos. O respeito pela religião alheia é princípio básico da boa convivência.

28/01/2015

Poeta brasileiro
Antônio de Castro Alves

Considerado um dos mais brilhantes poetas românticos brasileiros, é chamado de "cantor dos escravos" pelo seu entusiasmo diante das grandes causas da liberdade e da justiça - a Independência na Bahia, a insurreição dos negros de Palmares, o papel da imprensa, e acima de tudo isso a luta contra a escravidão.

Antônio Frederico de Castro Alves nasceu na fazenda Cabaceiras, próxima à vila de Curralinho, hoje cidade de Castro Alves, no Estado da Bahia. 

Aos dezesseis anos foi para o Recife e começou os preparatórios para se habilitar à matrícula na Academia de Direito. Participou ativamente da vida estudantil e literária, sendo notado como poeta e orador, o que mais tarde ira torná-lo um dos arautos do movimento abolicionista e da causa republicana.

Em São Paulo, cursou o terceiro ano da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, mas nas férias do fim de 1868, feriu-se no pé direito com um tiro acidental de espingarda, por ocasião de uma caçada.

Disso resultou longa enfermidade, várias intervenções cirúrgicas e finalmente a amputação do pé. Antes de regressar à sua terra natal, publicou, em 1870, o livro "Espumas Flutuantes". Foi vitimado pela tuberculose um ano mais tarde.

Castro Alves é o patrono da cadeira nº 7 da Academia Brasileira de Letras.

Suas principais obras são: "Espumas Flutuantes", "A Cachoeira de Paulo Afonso" e o drama já mencionado "Gonzaga ou a Revolução de Minas". Ao livro "Os Escravos" pertencem "Vozes d'África" e "O Navio Negreiro", considerados os dois poemas mais representativos de sua obra.

18/02/2015

Filme: Rain Man. (Rain Man - Encontro de Irmãos)

O insensível Charlie Babbitt espera receber uma grande herança após a morte de seu pai, a quem ele não vê há anos. 

Mas Raymond (Dustin Hoffman), seu irmão mais velho, internado em uma instituição médica, alguém cuja existência Charlie ignorava até então, é quem recebe toda a fortuna. 

Raymond é um “autista sábio” com habilidades mentais seriamente limitadas em algumas áreas, mas com capacidade de gênio em outras. 

Quando Charlie rapta Raymond, a longa e maluca viagem atravessando o país, rumo a Los Angeles, ensina a ambos grandes lições sobre a vida.

25/02/2015

Livro: A Rosa do Povo, de Carlos Drummond de Andrade.

Considerado um marco na carreira de Carlos Drummond de Andrade, o livro de poemas A Rosa do Povo foi publicado no ano de 1945. Na obra, pode-se sentir a tensão que obrigava o autor a transformar sua poesia em um instrumento de combate aos horrores da II Guerra Mundial (1939-1945) e ao autoritarismo do Estado Novo (1937-1945), a ditadura de Getúlio Vargas. 

Obras criadas como expressão de um engajamento político são muitas vezes pobres esteticamente, esgotando-se no período histórico em que foram criadas. Não é o caso de A Rosa do Povo, que contém algumas das criações mais significativas da fase madura de Drummond, sendo por isso considerado um de seus livros mais importantes.

04/03/2015

Filme: Crash - No Limite.

Jean Cabot (Sandra Bullock) é a rica e mimada esposa de um promotor, em uma cidade ao sul da Califórnia. Ela tem seu carro de luxo roubado por dois assaltantes negros. O roubo culmina num acidente que acaba por aproximar habitantes de diversas origens étnicas e classes sociais de Los Angeles: um veterano policial racista, um detetive negro e seu irmão traficante de drogas, um bem-sucedido diretor de cinema e sua esposa, e um imigrante iraniano e sua filha.

"Crash" é um filme sobre tensões raciais e sociais, apresenta personagens heterogêneos vivendo em "mundos" diferentes dentro dos limites de uma mesma cidade (Los Angeles) onde esses "mundos" diferentes entram em conflito. As personagens têm noções preconcebidas sobre as pessoas de uma etnia particular ou as pessoas de uma região geográfica e essas noções não são amigáveis o tempo todo. Essa é uma das possíveis mensagens que o filme pode nos passar. O julgamento próprio pode ser errático às vezes ou o forçamento das circunstâncias pode não ser amigável. É a representação de uma sociedade multicultural construída no racismo e na desigualdade, que limita a justiça social. Neste filme o preconceito e a estereotipagem são predominantes ao discutir direitos legais e direitos morais. A situação social influência de forma decisiva nas escolhas dos indivíduos.

11/03/2015

Livro: O Pequeno Príncipe.

Se você nunca leu "O Pequeno Príncipe" na infância, saiba que não é tarde para conhecer a obra do francês Anoine de Saint-Exupéry - a mensagem é universal e serve para todas as idades. É o livro em língua francesa mais famoso do mundo, já tendo ultrapassado a marca dos 140 milhões de cópias vendidas, publicado em mais de 160 idiomas e dialetos. Aliás, é a terceira obra mais traduzida do planeta, só ficando atrás da Bíblia e de "O Peregrino", livro cristão escrito no século XVII.

O livro "O Pequeno Príncipe", em qualquer uma das mais de 150 línguas em que é publicado, causa encanto a história do piloto cujo avião cai no deserto do Saara, onde ele encontra um príncipe, "um pedacinho de gente inteiramente extraordinário" que o leva a uma jornada filosófica e poética através de planetas que encerram a solidão humana em personagens como o vaidoso, capaz de ouvir apenas elogios; o acendedor de lampiões, fiel ao regulamento; o bêbado, que bebia por ter vergonha de beber; o homem de negócios que possuía as estrelas contando-as e encontrando-as em ambição inútil e desenfreada; a serpente enigmática; a flor a qual amava acima de todos os planetas.

À primeira vista, um livro para crianças. Na definição de Antoine Saint-Exupéry, seu autor, "um livro urgentíssimo para adultos", o que talvez explique a extraordinária sobrevivência literária de O Pequeno Príncipe.

06/05/2015

Trilogia de livros de Kiera Cass – A Seleção


A trilogia é composta pelos livros: A Seleção / A Elite / A Escolha.


A história foge da Cinderela, ele mostra toda realidade em um país da América que não é nada parecido dos livros de conto de fadas. Sim, há romance e princesas, um príncipe e um grande amor proibido.
Kiera Cass cativa em sua leitura por ser uma dissertação bem descritiva, você simplesmente entra na história. 


No livro “A Seleção” inicia com o amor proibido da personagem e uma oportunidade de mudança de vida, a busca da nova princesa. Em “A Elite”, as seis garotas escolhidas lutam pela vaga do posto ao lado do príncipe, passando por toda a realidade do país. E finalmente “ A Escolha” conta sobre os desejos do príncipe ao lado de sua amada para reerguer o país que tanto ele ama.
Vale a pena ler essa trilogia, além da ansiedade da história você ainda aprende sobre a história em si do país. Embarque nessa!!!

24/06/2015

Uma Curva no Tempo

"A noite do acidente mudou tudo... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel está desmoronando. Ela mora sozinha em Londres, num apartamento minúsculo, tem um emprego sem nenhuma perspectiva e vive culpada pela morte de seu melhor amigo.
Ela daria tudo para voltar no tempo. Mas a vida não funciona assim... Ou funciona?

A noite do acidente foi uma grande sorte... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel é perfeita. Ela tem um noivo maravilhoso, pai e amigos adoráveis e a carreira com que sempre sonhou.
Mas por que será que ela não consegue afastar as lembranças de uma vida muito diferente?"

 

08/07/2015

Meninas que adestram lobos: 

É um livro de criado com o objetivo de levar apoio emocional e espiritual aos pacientes com lúpus.
Aborda situações em que vivem essas pessoas e é dedicado especialmente às mulheres, porque são elas os 90 % dos pacientes afetados. Lupus é uma palavra de origem Latim, que significa lobo. Com esta tese nasceu a inspiração para o título " Meninas que adestram lobos".

Prólogo elaborado pela escritora e guionista espanhola, Isabel De Ron. 

e-book: http://www.recantodasletras.com.br/e-livros/4977350

Tem uma página sobre o lupus com o tema do livro no facebook:
https://m.facebook.com/meninasqueadestramlobos

Assista também no youtube:https://www.youtube.com/watch?v=6w5sGrxCg3Y

E o que é LUPUS que o Dr. House tanto fala? 
O lúpus eritematoso sistêmico (LES) é uma doença autoimune, provocada por um desequilíbrio do sistema imunológico, em que as células responsáveis pela defesa produzem anticorpos contra células do próprio organismo. Esse processo pode desencadear inflamações por todo o organismo, causando os mais variados sintomas. A evolução da doença costuma ser crônica, com períodos de melhora (remissão) e de piora (exacerbação).

Como a doença pode acometer diversos órgãos, principalmente se não for tratada corretamente, suas consequências são variadas, podendo desencadear diversos tipos de comprometimentos, como por exemplo: cutâneo (lesões de pele); articular (artrite intermitente); hematológico (anemia); cardíaco (pericardite e aterosclerose); pulmonar (inflamação da pleura e hipertensão); insuficiência renal (mal funcionamento dos rins); neuropsiquiátrico (desordens de humor, de movimento e de ansiedade, cefaleia, convulsões e psicose, dentre outros).

O lúpus acomete pessoas de todas as raças, sendo 9 a 10 vezes mais frequente nas mulheres em idade fértil. No mundo, sua incidência é de 1 a 22 casos para cada 100 mil pessoas, anualmente, com prevalência de 7 a 160 casos/100 mil pessoas em um ano.

No Brasil foi realizado um estudo epidemiológico, na região Nordeste, que estimou a prevalência anual da doença em 8,7 pessoas para cada 100 mil pessoas no nosso país.

Saiba mais sobre lupus em: http://www.vivermaislupus.com.br/

23/07/2015

Inside Out (original) ou Divertida Mente (título no Brasil) é um filme de animação em 3D produzido pela Pixar Animation Studios e distribuido pela Walt Disney Pictures, considerando-se que este seja o décimo-quinto animado realizado pelo estúdio. 


O filme é baseado numa ideia original de Pete Docter,que dirigiu o filme, junto com o co-diretor Ronnie del Carmen e produtor Jonas Rivera. 


O filme é definido na cabeça de uma jovem garota, Riley, uma menina de 11 anos, que terá que dizer adeus a uma vida feliz em Minnesota e começar uma nova vida bastante desagradável em San Francisco. Os espectadores vão penetrar no seu cérebro e perceber como se formam as memórias, e como uma mistura de cinco emoções humanas – Alegria, Tristeza, Raiva, Nojinho e Medo – define as experiências vitais, e fazer novos amigos.

Esse filme encanta não só as crianças, mas também os adultos, relembrando a época mais confusa da vida humana!


Vale a pena assistir!

05/08/2015

Com as volta às aulas deixo pra vocês uma pergunta: Qual é o limite entre o trote e o crime?

O trote universitário é uma espécie de ritual de passagem que existe desde o surgimento das primeiras universidades, na Idade Média. Em teoria, essa prática deveria promover a integração entre calouros e veteranos. No entanto, cada vez mais, ela vem se tornando violenta e humilhante. Os excessos e abusos são frequentes, resultando em traumas e até mesmo em mortes. 

Em São Paulo, para tentar resolver o problema, deputados estaduais se reuniram em uma Comissão Parlamentar de Inquérito, que investigou denúncias de violação de direitos humanos em trotes de universidades do Estado. Entre outras medidas, a CPI sugeriu que, em caso de violência, o trote passe a ser considerado uma forma de tortura.

Um caso emblemático é o do jovem Edison Tsung Chi Hsueh que, em 1999, foi obrigado a entrar na piscina, sem saber nadar. O calouro morreu afogado, e quatro estudantes foram acusados pela morte do rapaz. O caso foi arquivado pelo Superior Tribunal de Justiça por falta de provas, e os estudantes foram inocentados.

Embora o trote estudantil, especificamente, não seja crime, a advogada Alessandra Prata esclarece que os atos praticados nos trotes podem configurar diversas infrações previstas no Código Penal, como lesão corporal (artigo 129), injúria (artigo 140), ameaça (artigo 147l), constrangimento ilegal (artigo 146) e até homicídio (artigo 121).
Segundo ela, as instituições de ensino também podem ser responsabilizadas pelos trotes abusivos, por meio do Código de Defesa do Consumidor. “Também há a responsabilização civil, a famosa indenização por danos morais. O aluno que for vítima de trote e sentir-se lesado deve procurar um advogado para ajuizar esta ação”, explica.

Fica ai para se pensar: Você concorda com esse tipo de enfoque? Na sua opinião, quais as causas da violência na recepção aos calouros? Quando a prática deixa de ser uma brincadeira entre colegas e se torna efetivamente criminosa? Qual é o limite entre o trote e o crime? 

Fontes: http://noticias.terra.com.br/educacao/trote-estudantil-acao-vexatoria-e-crime-pelo-codigo-penal,2aa298978dbbb410VgnVCM3000009af154d0RCRD.html

 

19/08/2015

Essa quarta da bibliotecaria está voltada às mamães que tem filhotes prematuros ou que acabaram de ter.


Há um artigo muito interessante que é um manual em sete capítulos, destinados a sete sessões de ensino das mães. A primeira sessão é sobre a importância do aleitamento materno;
a segunda mostra a estrutura da mama; a terceira, a fisiologia da lactação; a quarta focaliza o colostro; a quinta aborda a técnica da amamentação; a sexta é dedicada à ordenha do leite; e, na sétima sessão, são destacadas as medidas preventivas e corretivas para a mama ingurgitada e a fissura mamilar.

Um pouquinho sobre o artigo/manual: "O aleitamento materno de prematuros (RNPT) é menos freqüente que o de recém-nascidos de termo, devido à imaturidade das crianças e aos distúrbios que costumam apresentar após o nascimento. Estas limitações, porém, não constituem um obstáculo definitivo, e alguns programas de estímulo à prática da amamentação de prematuros têm logrado aumentar significativamente a taxa de amamentação. De modo geral, estas crianças permanecem por períodos prolongados nas unidades neonatais, onde o estímulo à prática da amamentação deve ter início.
A partir destas constatações e da falta de um programa estruturado de ensino dirigido às mães de prematuros quanto ao valor e à prática da amamentação, foi redigido um manual específico. O manual, descrito na seqüência do texto, contém informações encontradas na literatura, e tem como objetivo a programação e estímulo ao aleitamento nas Unidades de
Terapia Intensiva Neonatal (UTIN) e serviços ambulatoriais
que atendam aos prematuros. O manual foi utilizado em caráter experimental por enfermeiras em uma UTIN, como relatado no artigo seqüente desta Revista, e poderia ser utilizado por outros profissionais da área da saúde."

E se encontra aqui: 
http://www.saudedireta.com.br/docsupload/1333107897Amam%20pretermo.pdf

16/09/2015

Em “Quem me roubou de mim?” Padre Fábio de Melo aborda uma violência sutil, mas destruidora, que aflige muitas pessoas: o sequestro da subjetividade. Essa expressão pouco comum refere-se à privação que sofremos de nós mesmos quando estabelecemos com alguém, nas palavras do próprio autor, “um vínculo que mina nossa capacidade de ser quem somos, de pensar por nós mesmos, de exercer nossa autonomia, de tomar decisões e exercer nossa liberdade de escolha”. Uma vez sequestrados, perdemos a capacidade de sonhar, ficamos impossibilitados de viver as realizações para as quais fomos feitos e não temos com quem reclamar. Precisamos, portanto, estar sempre atentos para que isso não nos aconteça pois, como escreve padre Fábio: “Nenhuma relação humana está privada de se transformar em roubo, perda de identidade, ainda que as pessoas nos pareçam bem-intencionadas. Um só descuido e as relações podem evoluir para essa violência silenciosa. Basta que as pessoas se percam de seus referenciais, [...] que confundam o amor com posse, que abram mão de suas identidades, e que se ausentem de si mesmas”.

Este livro está entre os 10 mais vendidos da Saraiva, e é super baratinho! É bem legal pra refletir!

23/09/2015

Nos livros mais vendidos na revista Veja no dia de hoje (23/09/15), este está em 2º lugar na lista de ficção. O mesmo está durante 04 semanas na lista, sendo que na lista da semana passada ele andou uma casa....
Vamos falar de: UM ANO INESQUECÍVEL, um livro de Thalita Rebouças, Paula Pimenta, Babi Dewet e Bruna Vieira.

Dizem por aí que os melhores momentos da vida são vividos na adolescência. Os primeiros amores, os encontros, as festas, as viagens, as surpresas... E são sempre os instantes inesperados que transformam um dia comum em uma lembrança especial, daquelas que nunca deixarão de nos acompanhar. Este é um livro sobre esses momentos doces e sensíveis que não se apagam da memória tão facilmente. Quatro contos, em quatro estações do ano, sobre jovens que passam por vivências e sentimentos intensos. Paula Pimenta nos leva em uma viagem de inverno. Babi Dewet conta como um outono pode mudar tudo. Bruna Vieira mostra a paixão brotando com a primavera. E Thalita Rebouças narra um intenso amor de verão. Histórias de um ano inesquecível que vão ficar para sempre!

14/10/2015

Vamos mostrar a luta e coragem de uma mulher que escreveu um livro sobre sua doença.
A nutricionista e professora universitária Adriana Zadrozny tinha acabado de ser mãe novamente. Com um bebê em casa e um filho adolescente, Adriana descobriu o câncer de mama em 2010.
A obra, que foi lançada quinta-feira passada (8), em Curitiba, mescla conselhos, reflexões, informações científicas aprendidas durante o tratamento e também tiradas bem-humoradas da autora. A autora optou em manter neste formato do diário para que nenhum sentimento fosse perdido e então mantida a proporção real da sua caminhada. O livro é um lançamento da Máquina de Escrever Editora e Gestora Cultural e é resultado de captação de recursos via campanha de crowdfunding.
O objetivo de transformar a trajetória em livro é apagar a ideia da desesperança, segundo Adriana, tão comum quanto as pessoas passam pelo câncer de mama e também orientar a família das pessoas. “A família, os amigos, muitas vezes, não sabem como agir. Não é preciso falar só sobre isso, pode-se substituir o papo com uma ida a manicure, por exemplo”, exemplifica. “Quero deixar a mensagem positiva: manter a fé, o otimismo, tirar algo bom de tudo que a gente faça, isso faz a diferença. E mostrar que somos protagonistas dessa história”, conclui.

Confira essa emocionante história e compartilhe conosco!!!

21/10/2015

Hoje a indicação não é livro sobre o tema mais comentado em outubro, e sim um filme!

O filme O GENE ROSA, lançado em 2013 nos EUA, conta a história de Annie.

Annie Parker teve uma infância feliz. A família, unida por fortes laços de amor, sempre foi o pilar da sua vida. Sem que ninguém pudesse prever, a mãe morre com cancro da mama. Pouco tempo depois, Joan, a sua irmã mais velha, descobre um carcinoma no peito, falecendo alguns meses depois. Quando Annie é diagnosticada com a mesma doença, percebe que, muito mais do que uma simples coincidência, algo se passará na sua família. E está determinada a prová-lo, recorrendo a todos os meios disponíveis. Ao mesmo tempo que ela luta pela sua vida, Mary-Claire King, uma geneticista de renome, esforça-se por convencer os seus pares da correlação entre factores genéticos nalguns casos de cancro. Quando o destino das duas se cruza, nasce uma amizade profunda que culminará num dos mais importantes achados científicos do século XX: a descoberta do gene BRCA1, cuja mutação predispõe os seus portadores a desenvolver alguns dos tipos mais comuns de cancro da mama.
Com argumento e realização de Steven Bernstein, um filme dramático sobre esperança e determinação, baseado num caso real que aconteceu nos EUA durante as décadas de 1970/80. Samantha Morton, Helen Hunt, Rashida Jones e Aaron Paul dão vida às principais personagens. PÚBLICO

Assista ao trailer desse lindo filme:

https://www.youtube.com/watch?v=dnP0wyudmNo

28/10/2015

Finalizando nossa ajuda a esse mês tão lindo, vamos falar da conscientização do apoio familiar à essas mulheres que lutam por suas vidas.


Na hora de enfrentar o câncer, a formação do tripé paciente/profissionais de saúde/família é essencial. Informe-se, busque orientação e saiba a melhor forma de dar e receber apoio.
Muito já se falou sobre a importância da participação da família no tratamento da paciente, mas é essencial saber como participar, como acompanhar todas as etapas da doença, como cuidar e a melhor maneira de se informar sobre o assunto. Para começar, é muito importante que o cuidador não confunda cuidar da paciente com assumir suas tarefas. Em muitos casos, isso não é necessário e pode até prejudicar. Lembre-se de que a paciente precisa participar ativamente do processo de tratamento. Incentivar, estimular, orientar, supervisionar e acompanhar pode ser muito mais produtivo.


Conhecer a doença, os tratamentos e suas consequências físicas e emocionais pode ajudar muito na hora de dar esse suporte. Antes de qualquer coisa, pesquise muito sobre a doença, visite sites na internet, se possível acompanhe a paciente ao médico, converse com os especialistas e os psicólogos do hospital, participe de grupos de apoio e ofereça todo o suporte emocional necessário.
Para ler essas dicas na íntegra, acessem: 

http://www.mulherconsciente.com.br/cancer-de-mama/cuidadores/#familia 

Esse assunto foi abordado também na edição do dia 25/10/2015, no programa Fantástico da Rede Globo, contou a história de duas mulheres com o diagnóstico e a importância do apoio familiar:
“Mulheres contam com apoio da família para vencer o câncer de mama
Rúbia estava com casamento marcado e Lidiane, grávida de 3 meses, quando receberam diagnóstico. “
Confiram na reportagem:

https://www.youtube.com/watch?v=uYQS7tpm3w0

04/11/2015

O câncer de próstata atinge grande parte da população masculina e, mesmo assim, ainda é um tema que enfrenta muitas barreiras!!!


Quase 50% dos brasileiros nunca foram ao urologista e, em 2014, a projeção foi de que 12 mil morreram da doença em função da descoberta em estágio avançado.
O público-alvo da campanha, que é realizada durante o ano todo e tem seu ápice no mês de novembro, são homens a partir de 40 anos de idade e grupos que participam do processo de prevenção e cuidados, como familiares e parceiros.


Em 2015, além da conscientização junto à população, o Novembro Azul atuará fortemente na esfera política, participando de ações no Congresso Nacional para debater sobre a dificuldade do acesso ao diagnóstico precoce da doença, o acesso ao tratamento e o direito ao tratamento multidisciplinar.


O câncer de próstata não pode ser prevenido, mas há 90% de chances de cura quando diagnosticado precocemente. Assim, realizar exames periodicamente é a melhor maneira de se prevenir contra a doença. Sociedades médicas recomendam que homens a partir dos 50 anos de idade façam o exame de próstata anualmente, e acima dos 45, caso esteja inserido nos fatores de risco.


O ritual compreende o toque retal e o exame de sangue, para checar a dosagem do PSA (antígeno prostático específico). Havendo alguma suspeita, o paciente deve se submeter à biópsia da próstata. O toque retal é considerado indispensável e não pode ser substituído pelo exame de sangue ou por qualquer outro exame, como o ultrassom. Somente com o resultado dessa análise do tecido é que poderá ser fornecido o diagnóstico.
Sabe-se que uma mudança no estilo de vida é crucial para aumentar a sobrevida, incluindo uma alimentação saudável e a prática de atividades físicas no dia a dia.


Saiba mais e compartilhe a informação:
http://www.novembroazul.com.br/

11/11/2015

Além do câncer de próstata, novembro também é o mês da conscientização do DIABETES!

Diabetes Mellitus é uma doença metabólica de caráter crônico caracterizada pelo aumento anormal de glicose (açúcar) no sangue. A glicose é a principal fonte de energia de nossas células, que entra através da ação da insulina. Esse aumento, se não controlado ao longo do tempo, pode causar problemas cardíacos (como infarto), neuropáticos (como neuropatia diabética), renais (insuficiência renal crônica), oculares (como a retinopatia diabética, que leva à cegueira), dentre outras complicações.

Existem três tipos de diabetes, o tipo 1, no qual o pâncreas não produz mais insulina (Mais comum em crianças e jovens), o tipo 2, no qual o indivíduo possui uma resistência à insulina produzida pelo pâncreas (mais comum em adultos, obesos ou pacientes com outras complicações) e o Diabetes Gestacional, que é este estado hiperglicêmico (glicose alta no sangue) durante a gestação. 

O DIA MUNDIAL DO DIABETES, 14 de novembro, trouxe a cor azul para as campanhas mundiais de divulgação e sensibilização em relação ao tema, seguindo exemplo da campanha para prevenção do câncer de mama, "Outubro Rosa".

A data foi instituída desde 1991 pela Federação Internacional do Diabetes (IDF) e pela Organização Mundial da Saúde (OMS), e conta com o reconhecimento e apoio da Organização das Nações Unidas (ONU), que em dezembro de 2006 assinou uma Resolução reconhecendo o Diabetes como uma doença crônica e de alto custo mundial.

Por que o Círculo Azul como símbolo da campanha?

CÍRCULO: Os círculos estão sempre presentes na natureza e têm sido usados como símbolo desde os primórdios da civilização. O significado do círculo é extremamente positivo. Em várias culturas, simboliza a vida, a mãe terra e a saúde. Nesta campanha, ele simboliza a união. A comunidade global de diabetes se juntou para dar apoio à Resolução das Nações Unidas sobre Diabetes. Nossas forças unidas foram a chave para fazer essa campanha tão especial

COR AZUL: O azul representa o céu e é a mesma cor da bandeira das Nações Unidas, que representa também a união entre os países. É a única entidade que pôde apelar aos governos de todos os lugares que era hora de reverter a epidemia global de diabetes, que ameaça o avanço econômico e que causa tanto sofrimento.

Para saber mais sobre o diabetes, sintomas, tratamentos, dicas, etc., acesse os sites oficiais:

Dia Mundial do Diabetes (Brasil): http://www.diamundialdodiabetes.org.br/

Sociedade Brasileira de Diabetes: http://www.diabetes.org.br/

World Diabetes Federation: http://www.idf.org/wdd-index/

Mostre seu apoio à causa e coloque a cor azul em sua foto de perfil no Facebook! Basta acessar um dos links abaixo e clique em “JOIN NOW” e depois em “WEAR”:
- Diabéticos: http://www.picbadges.com/t/R3GiBsmR
- Apoiadores da Causa: http://www.picbadges.com/t/g36TXsKk

18/11/2015

Claro que nem todos os Bethéis têm uma colmeia, mas há os que tem.
Hoje a dica da bibliotecária vai para elas, as lindas Abelhinhas. Por que não ter um livro para alguém ler para elas? Ainda mais com histórias educativas.

Falaremos hoje do livro “Olivia não quer ser Princesa”, indicado para a faixa etária de 5 a 7 anos, do autor Ian Falconer.

Ser princesa é a fantasia de todas as meninas. Todas? Não é bem assim. Que o diga a porquinha Olivia! Inquieta como sempre, e desta vez mais inconformada do que nunca, ela enfrenta uma crise de identidade infantil. Todas as suas amigas só querem saber de ser princesa, com vestido cor-de-rosa e varinha de condão. Olivia se pergunta; por que é que todo mundo tem de pensar do mesmo jeito, vestir as mesmas roupas, sonhar os mesmos sonhos? Ela queria ser diferente. Mas o que Olivia quer ser? A contestadora porquinha descobre que a vida é cheia de alternativas e, usando toda sua criatividade e rebeldia, perturba os pais falando sobre as possibilidades de escolha que mais combinam com seu jeito todo próprio de ser. O 'papo cabeça' de Olivia com os pais em meio à rotina da família é entremeado de cenas fantasiadas pela garotinha - tudo capturado pelo traço minimalista do autor na forma de ilustrações divertidíssimas.

Vamos “abrir” a cabeça de nossas abelhinhas…nos conte como foi!!!

25/11/2015

Vamos de filme para o final de semana... já que estamos quase nas férias, vamos começar a relaxar....
Amanhã, 26 de novembro tem um lançamento de um super filme...

“VICTOR FRANKENSTEIN”, dirigido por Paul McGuigan, conta a história de Igor Strausman (Daniel Radcliffe), assistente do brilhante Victor Frankenstein (James McAvoy), que acompanha com horror a transformação de seu mestre de cientista idealista a obcecado sem controle, limite ou ética. Fiel ao colega, ele tenta salvá-lo antes que a loucura vá longe demais e gere terríveis consequências.

Navegue nessa incrível aventura com um pouco de fantasia e terror.

Confira no trailer:
https://www.youtube.com/watch?v=FCX4UQ19PTs

02/12/2015

Nessa quarta, vamos prestigiar uma irmã que escreveu um livro sobre a Síndrome de Moebius.

Amanda Novo Nascimento de 19 anos,  é de Campinas e do Bethel 19.


A Síndrome de Moebius é uma doença congênita rara e muito pouco conhecida da sociedade, com pouca visibilidade por exemplo na mídia. O livro foi lançado no dia 31 de outubro de 2014.


No livro, Amanda começa descrevendo as manifestações mais frequentes da Síndrome de Moebius, como a face em máscara ou falta de expressão facial, a inabilidade para sorrir, o estrabismo convergente ou divergente, a ausência de movimentação lateral dos olhos e do piscar, a fissura palpebral, a dificuldade para fechar os olhos, a fraqueza muscular e a salivação excessiva pela boca. Também são manifestações a diminuição ou ausência de lacrimejamento diante de emoções, a língua pequena ou malformada, alterações de dentes e na fala, problemas auditivos e malformações de extremidades. A autora explica, também, as prováveis causas da Síndrome, como isquemia fetal transitória, natureza genética, infecções, uso de álcool, droga ou similares durante a gestação, como o misoprostol, medicamento indicado para tratamento de úlcera gástrica e usado clandestinamente para provocar abortos. Ou seja, sua venda é proibida no Brasil. 


Na última sexta-feira (27/11/2015) a Câmera Municipal de Campinas, Amanda foi homenageada com a “Medalha Arautos da Paz”.


Mais informações, acesse: http://agenciasn.com.br/arquivos/5142

16/12/2015

Férias?! Não tem o que fazer? Quase Natal? Que tal um livro? 

Deixe a neve cair! Um livro de John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle.

Deixe a Neve Cair é divido em três contos, cada um escrito por cada autor. O livro inicia com o conto de Maureen Johnson: O Expresso Jubileu. Nesse, a jovem Jubileu (sim, o nome dela é esse mesmo) tem seu Natal estragado pelos pais, que foram presos por causa de uma confusão em uma loja da Flobie. Então ela tem de pegar um trem para a Flórida para passar o Natal com os avós, deixando seu namorado para trás. Mas o trem fica preso numa nevasca, indo parar na cidadezinha de Gracetown, onde tudo acontece (tudo mesmo, todos os contos). No conto de John Green (O Milagre da Torcida de Natal), conhecemos Tobin e seus amigos, que estão prontos para passar toda a véspera de Natal assistindo uma maratona de filmes do James Bond. Até que ele recebe uma ligação de um amigo, dizendo que na Waffle House onde ele trabalha está cheio de líderes de torcida. Tobin não hesita em aceitar o convite de ir para a Waffle House e se divertir um pouquinho com as garotas. O último conto, de Lauren Myracle (O Santo Padroeiro dos Porcos), vai contar com Addie como protagonista. Ela está de coração partido, pois terminou com o namorado, e está passando por um momento terrível na sua vida. Com a ajuda das amigas, ela vai tentar passar por isso e esquecer Jeb. Se ele ao menos tivesse ido se encontrar com ela na Starbucks como havia marcado... Mas agora Addie tem uma missão: buscar o miniporco de Tegan na Pet World, pois aquilo significa muito para a amiga, e com isso ela irá provar que não é uma egoísta e que consegue pensar nos outros.

Comédia, Romance, Aventura... é disso que precisa? Então embarque nesse livro...

06/01/2016

A Oração de Jó 

É um livro de Sandra Querin, que ilustra como Deus usa as situações difíceis da vida para revelar seu amor. 
Este livro o ajudará a trocar o seu medo por fé e a caminhar na mesma liberdade que Jó caminhou. Durante a leitura, você será levado não só para a revelação, mas também para a revolução. A Oração de Jó não fala a  respeito de como ser abençoado, e sim como nos tornar pessoas que perdoam e abençoam os outros! Quando você se tornar uma pessoa justa diante de Deus, descobrirá, então, o segredo da restauração de Jó e de sua própria restauração.

Tudo isso é meio familiar? Vamos lá ! Leia e nos conte o que achou...

13/01/2016

Snoopy & Charlie Brown – Peanuts, o filme
Estréia  amanhã, 14 de janeiro, um dos filmes de animação mais esperado para esse ano!
Snoopy, o beagle mais amado do mundo – e claro, piloto – embarca em uma grande missão para alcançar  o céu atrás de seu arqui-inimigo, o Barão Vermelho, enquanto seu melhor amigo, Charlie Brown, inicia a sua própria missão épica!
Se liga no trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=vDhJOiKPhDI

Curiosidades sobre esse personagem tão antigo e atual:
» Produzido pela Blue Sky Studios, estúdio responsável pelas franquias ‘A Era do Gelo‘ e ‘Rio‘.
» Charles Schulz desenhou uma das tirinhas mais populares e importantes de todos os tempos, que foi lida todos os dias por 355 milhões de pessoas em 75 países. Além da tirinha, os especiais para a TV da Turma do Snoopy, como “It’s The Great Pumpkin, Charlie Brown” ganharam prêmios Emmy e continuam sendo considerados umas das melhores séries da TV.
» Será lançado próximo ao aniversário de 50 anos das tirinhas de Schulz e dos 65 anos da lendária série de TV ‘A Charlie Brown Christmas‘.

20/01/2016

Romero Britto

Romero Britto nasceu em 6 de outubro de 1963. Ele começou sua carreira aos 18 anos em Pernambuco, mas desde os 8 anos passou a se interessar pelas artes plásticas. Britto alega ter criado seus quadros para evocar o espírito de esperança e transmitir uma sensação de aconchego. Suas obras são chamadas, por colecionadores e admiradores, de “arte da cura”.
Autodidata desde a mais tenra idade, ele pintou em superfícies, tais como os jornais. Em 1983, viajou para Paris, onde ele foi introduzido à obra de Matisse e de Picasso. Ele unia influências do cubismo com pop, para criar uma cidade vibrante, estilo icônico que o New York Times descreve, "emana calor, otimismo e amor."
Romero Britto é conhecido como artista pop brasileiro, radicado em Miami. Suas obras caíram no gosto das celebridades por sua alegria e sua cor, tendo sido alçado para a fama ao realizar a ilustração de uma campanha publicitária da vodca sueca Absolut,
Britto considera que o papel de um artista de ser um agente de mudança positiva. Ele serve como um benfeitor, doa tempo, arte e recursos para mais de 250 organizações de caridade e vários conselhos como Melhor Os Amigos Internacionais, e St. Jude's Children's Research Hospital. Britto também tem falado no Fórum Econômico Mundial de Davos, e as inúmeras escolas e instituições. No início de 2011, a Presidente do Brasil, Dilma Rousseff, convidou Britto para criar o logotipo para Network da Cegonha, um projeto de alcançar mais de 61 milhões de pré e pós-natal mães e crianças. 

Obras no Brasil
• Aeroporto de Belo Horizonte;
• Aeroporto Santos Dumont;
• Aeroporto de Brasília;
• Aeroporto de Curitiba;
• Museu de São Paulo;
• Aeroporto do Recife;
• Aeroporto de Salvador
• Aeroporto de Fernando de Noronha

Quer saber mais? Acesse:

http://www.britto.com/

27/01/2016

Um livro de Dani Atkins, Uma curva no tempo, mostra como você pode ter uma mudança radical em sua vida, quando ela lhe proporciona uma segunda chance.

A noite do acidente mudou tudo.... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel está desmoronando. Ela mora sozinha em Londres, num apartamento minúsculo, tem um emprego sem nenhuma perspectiva e vive culpada pela morte de seu melhor amigo. Ela daria tudo para voltar no tempo. Mas a vida não funciona assim... Ou funciona? A noite do acidente foi uma grande sorte.... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel é perfeita. Ela tem um noivo maravilhoso, pai e amigos adoráveis e a carreira com que sempre sonhou. Mas por que será que ela não consegue afastar as lembranças de uma vida muito diferente?

Mergulhe nessa emocionante história.... e nos conte o que achou!!!

03/02/2016

Carnaval ou entrudo são os três dias de folia que precedem a quarta-feira de cinzas. É uma palavra que tem origem no latim "carna vale" que significa dizer "adeus à carne".

A origem do Carnaval está relacionada com determinados rituais de fecundidade da terra, que eram organizados na passagem de ano e no início da Primavera. No entanto, com o aparecimento do Cristianismo o Carnaval perdeu um pouco do seu caráter simbólico e místico.

Os bailes de máscaras foram criados na França, no século XVII mas rapidamente ficaram populares em outros países europeus. Durante o Renascimento, as festas carnavalescas atingiram uma grande popularidade, principalmente na Itália (em Roma e Veneza).

Atualmente, o Carnaval perdeu a sua espontaneidade popular em quase todas as suas manifestações, passando a ser uma mera atração turística. No Brasil, apesar do Carnaval ter uma grande componente turística, ainda mantém a sua espontaneidade (principalmente no Rio de Janeiro e Bahia), que se fortaleceu através do folclore.

O carnaval chegou ao Brasil através das festas que ocorriam na Europa, principalmente na Itália e na França, no século XVII. As fantasias de pierrô e de colombina foram logo incorporadas ao carnaval brasileiro.

No início as festas de carnaval aconteciam nas ruas, com desfiles de fantasias. Depois, passaram a ser realizadas nos clubes, onde eram tocadas as marchas, os sambas e os frevos preparados para os festejos.

Hoje algumas cidades se destacam nas festas de carnaval. No Rio de Janeiro são os desfiles das escolas de samba, em Salvador são os trios elétricos que tomam conta das ruas da cidade, no Recife o bloco "O Galo da Madrugada" que sai às ruas no sábado de carnaval pelo centro da cidade e já entrou para o livro dos recordes, como o maior bloco de carnaval do mundo. Em Olinda, os bonecos gigantes desfilam pelas ladeiras da cidade Patrimônio da Humanidade.

O período do Carnaval muitas vezes é caracterizado pela inversão das normas aceitas pela sociedade, sendo que alguns comportamentos são tolerados só durante esta época festiva.
As manifestações mais populares do Carnaval são os bailes de máscaras e desfiles carnavalescos. O mais popular desfile de carnaval acontece no Rio de Janeiro, na marquês de Sapucaí, onde ocorre o desfile tradicional das escolas de samba.
Em sentido figurado a palavra Carnaval pode significar folguedo, folia ou confusão. Ex: Quando a professora entrou na sala, encontrou o maior Carnaval.

Igreja Católica e Carnaval

O carnaval é celebrado 40 dias antes da Páscoa, desde o século XI. Este período é chamado pela Igreja Católica de Quaresma, que preserva quarenta dias de jejum, com abstinência de carne. É caracterizado por muitas privações e por incentivar aqueles festejos carnavalescos onde a própria palavra carnaval indica os prazeres da carne. O carnaval acontece geralmente durante três dias que antecedem a Quarta-feira de Cinzas. A terça-feira de carnaval é chamada de Terça-feira gorda, ou "Mardi Gras" como dizem os franceses.

Carnaval na Itália

O carnaval na cidade de Veneza é uma tradição desde o século XVII, e sua característica maior são as máscaras, porque os nobres gostavam da diversão e para não chamarem a atenção do povo se disfarçavam com elas.. Os trajes utilizados ainda são os mesmos daquele período, as mulheres com vestidos longos ricamente enfeitados e os homens de libré ou roupas de seda preta e chapéus de três pontas.

10/02/2016

A Quarta-feira de Cinzas representa o primeiro dia da Quaresma no calendário gregoriano, podendo também ser designada por Dia das Cinzas e é uma data com especial significado para a comunidade cristã. A data é um símbolo do dever da conversão e da mudança de vida, para recordar a passageira fragilidade da vida humana, sujeita à morte. Coincide com o dia seguinte à terça-feira de Carnaval e é o primeiro dos 40 dias (Quaresma) entre essa terça-feira e a sexta-feira (Santa) anterior ao domingo de Páscoa.
A origem deste nome é puramente religiosa. Neste dia, é celebrada a tradicional missa das cinzas. As cinzas utilizadas neste ritual provêm da queima dos ramos abençoados no Domingo de Ramos do ano anterior. A estas cinzas mistura-se água benta. De acordo com a tradição, o celebrante desta cerimônia utiliza essas cinzas úmidas para sinalizar uma cruz na fronte de cada fiel, proferindo a frase “Lembra-te que és pó e que ao pó voltarás” ou a frase “Convertei-vos e crede no Evangelho”.
Na Quarta-feira de Cinzas (e na Sexta-feira Santa) a Igreja Católica aconselha os fiéis a fazerem jejum e a não comerem carne. Esta tradição já existe há muitos anos e tem como propósito fazer com que os fiéis tomem parte do sacrifício de Jesus. Assim como Jesus se sacrificou na cruz, aquele que crê também pode fazer um sacrifício, abstendo-se de uma coisa que gosta, neste caso, a carne.
Quarta-feira de cinzas não é feriado
De acordo com a lei federal, a Quarta-feira de Cinzas não é um feriado oficial. No entanto, muitos estabelecimentos comerciais não funcionam, mesmo tendo autorização para funcionar. Algumas repartições públicas e agências bancárias só funcionam a partir das 12 horas.

17/02/2016

Cecília Meireles

Biografia, obras e estilo literário 

Cecília Meireles é uma das grandes escritoras da literatura brasileira. Seus poemas encantam os leitores de todas as idades. Nasceu no dia 7 de novembro de 1901, na cidade do Rio de Janeiro e seu nome completo era Cecília Benevides de Carvalho Meireles.
Sua infância foi marcada pela dor e solidão, pois perdeu a mãe com apenas três anos de idade e o pai não chegou a conhecer (morreu antes de seu nascimento). Foi criada pela avó, Dona Jacinta. Por volta dos nove anos de idade, Cecília começou a escrever suas primeiras poesias. 

Formou-se professora (cursou a Escola Normal) e com apenas 18 anos de idade, no ano de 1919, publicou seu primeiro livro “Espectro” (vários poemas de caráter simbolista). Embora fosse o auge do Modernismo, a jovem poetisa foi fortemente influenciada pelo movimento literário simbolista. 

No ano de 1922, Cecília casou-se com o pintor Fernando Correia Dias. Com ele, a escritora teve três filhas. 

Sua formação como professora e interesse pela educação levou-a a fundar a primeira biblioteca infantil do Rio de Janeiro no ano de 1934. Escreveu várias obras na área de literatura infantil como, por exemplo, “O cavalinho branco”, “Colar de Carolina”, “Sonhos de menina”, “O menino azul”, entre outros. Estes poemas infantis são marcados pela musicalidade (uma das principais características de sua poesia). 

O marido suicidou-se em 1936, após vários anos de sofrimento por depressão. O novo casamento de Cecília aconteceu somente em 1940, quando conheceu o engenheiro agrônomo Heitor Vinícius da Silveira. 

No ano de 1939, Cecília publicou o livro Viagem. A beleza das poesias trouxe-lhe um grande reconhecimento dos leitores e também dos acadêmicos da área de literatura. Com este livro, ganhou o Prêmio de Poesia da Academia Brasileira de Letras. 

Cecília faleceu em sua cidade natal no dia 9 de novembro de 1964. 

Relação de suas obras: 

Espectro - 1919
Criança, meu amor - 1923
Nunca mais... - 1923
Poema dos Poemas -1923
Baladas para El-Rei - 1925
O Espírito Vitorioso - 1935
Viagem - 1939
Vaga Música - 1942
Poetas Novos de Portugal - 1944
Mar Absoluto - 1945
Rute e Alberto - 1945
Rui — Pequena História de uma Grande Vida - 1948
Retrato Natural - 1949
Amor em Leonoreta - 1952
12 Noturnos de Holanda e o Aeronauta - 1952
Romanceiro da Inconfidência -1953
Poemas Escritos na Índia - 1953
Batuque - 1953
Pequeno Oratório de Santa Clara - 1955
Pistóia, Cemitério Militar Brasileiro - 1955
Panorama Folclórico de Açores -1955
Canções - 1956
Giroflê, Giroflá - 1956
Romance de Santa Cecília - 1957
A Rosa - 1957
Obra Poética -1958
Metal Rosicler -1960
Solombra -1963
Ou Isto ou Aquilo -1964
Escolha o Seu Sonho - 1964 

24/02/2016

Como ser solteira (Classificação 14 anos)

Essa é a estréia para amanhã nos cinemas.

Alice (Dakota Johnson) acabou de sair de um relacionamento e não sabe muito bem como agir sem outra metade. Para sua sorte, ela tem uma animada amiga (Rebel Wilson) especialista na vida noturna de Nova York, que passa a ensiná-la como ser solteira.

Curiosidades
• O filme é baseado no livro How to be Single (2008), escrito por Liz Tuccillo.
• A atriz Drew Barrymore chegou a ser cotada para dirigir o longa, mas acabou assinando apenas a produção.
• O diretor Christian Ditter e a atriz Lily Collins trabalharam anteriormente em Simplesmente Acontece (2015).

Você vai rir um tantinho né rsrs

09/03/2016

Ethel T. Wead Mick, nasceu no dia 9 de março de 1881, na cidade de Atlantic, Iowa, filha de William Henry Wead e Elizabeth Delight Hutchinson Wead, a mais nova dos filhos do casal.

Sua mãe, religiosa, lia todas as noites trechos da Bíblia, fazendo sempre referência ao Livro de Jó, e Ethel alimentava a esperança de que tendo uma filha, esta seria: “Justa como uma Filha de Jó”. Fato este que influenciou, no futuro, a criação da Ordem.

Estudou Medicina no Creighton Medical College em Omaha, onde conheceu William Henry Mick, também estudante de Medicina, com o qual se casou em maio de 1904. Deste casamento nasceram duas filhas, chamadas: Ethel e Ruth.

Entre seus hobbies, a Senhora Mick se dedicava ao canto e à pintura a óleo em porcelana chinesa. Colaborava em diferentes clubes de amizades e cívicos. Um desses, a Maçonaria, o que culminou com a criação da Ordem das Filhas de Jó Internacional.

Depois de diversos anos de estudos e considerações, com a participação de seu marido, Dr. William H. Mick, e outros colaboradores, ela fundou a Ordem, em memória à sua mãe, Sra. Elizabeth D. Wead.

Foi Suprema Guardiã da Ordem de 1921 a 1922, no Bethel #01 dos Estados Unidos, que hoje leva o seu nome, Bethel Wead Mick. Vindo à falecer em 21 de fevereiro de 1957.

Que história, não?!! Somos eternamente gratas por uma linda atitude de amor, que vive há muito mais tempo que possamos imaginar.

Podemos homenagear nossa querida Mãe, hoje e durante o mês de março. Mas podemos fazer isso em toda nossa vivência, dentro e fora do Bethel!

Fazer de nossa Mãe um exemplo a ser seguido!!!

16/03/2016

Zootopia:, esse é o nome de estréia de amanhã, 17 de março!
A moderna metrópole de mamíferos chamada Zootopia é uma cidade diferente de todas as outras. Composta de bairros-habitat como a elegante Sahara Square e a gelada Tundratown, é uma grande mistura onde animais de todos os ambientes vivem juntos — um lugar onde não importa o que você é, do maior elefante ao menor musaranho, você pode ser qualquer coisa.
Mas quando a otimista policial Judy Hopps chega, ela descobre que ser a primeira coelha numa força policial de animais grandes e fortes não é nada fácil. Determinada a provar seu valor, ela agarra a oportunidade de solucionar um caso, mesmo que isso signifique formar uma parceria com o raposo falante e vigarista Nick Wilde, para desvendar o mistério.

Confira no trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=QCFXni40s2M&ebc=ANyPxKo5fXw_-d1J85rlaf_tsKfo6Xz5sdkI2XIO3o8bou6MnSB8yBEvNWrLa7CjVRCwxxKOkYD8tV7q0IA1UWDRI0aV6PfFsA

Curiosidades:

» Gazelle é dublada pela superestrela internacional, vencedora do Grammy, Shakira. Ela também será responsável por cantar a música-tema “Try Everything”.
» A comédia de aventura é dirigida por Byron Howard (Enrolados, Bolt – O Supercão) e Rich Moore(Detona Ralph, Os Simpsons) e co-dirigida por Jared Bush (Penn Zero: Part-Time Hero). 

23/03/2016

Você sabe o que é a festa cristã chamada Páscoa?

Páscoa é uma importante celebração da igreja cristã em homenagem a ressurreição de Jesus Cristo.
De acordo com o calendário cristão, a Páscoa consiste no encerramento da chamada Semana Santa. As comemorações referentes à Páscoa começam na "Sexta Feira Santa", onde é lembrada a crucificação de Jesus, terminando no "Domingo de Páscoa", que celebra a sua ressurreição e o primeiro aparecimento de Jesus aos seus discípulos.
A Semana Santa é a última semana da Quaresma, período em que os fiéis cristãos devem permanecer por 40 dias em constante jejum e penitências.
O dia da Páscoa foi estabelecido por decreto do Primeiro Concílio de Nicéia (ano de 325 d.C), devendo ser celebrado sempre no domingo após a primeira lua cheia do equinócio da primavera (no Hemisfério Norte) e outono (no Hemisfério Sul).
A Páscoa é classificada como uma festa móvel, assim como todas as demais festividades que estão relacionadas a esta data, como o Carnaval, por exemplo.
É comemorada em vários países, principalmente naqueles com fortes influências do cristianismo. Os espanhóis chamam a data de Pascua, os italianos de Pasqua e os franceses de Pâques.
Etimologicamente, o termo Páscoa se originou a partir do latim Pascha, que por sua vez, deriva do hebraico Pessach / Pesach, que significa “a passagem”.
A Páscoa é recheada de símbolos representativos, assim como quase todas as celebrações religiosas. A maioria destes símbolos, no entanto, foram sincretizados pela igreja a partir de costumes e rituais pagãos ou de outras religiões.
O coelho da Páscoa, por exemplo, se tornou um dos principais símbolos desta festividade em referência às comemorações feitas pelos povos antigos durante o começo da primavera. Acreditava-se que o coelho era a representatividade da fertilidade e do ressurgimento da vida.
O ovo também é um símbolo da Páscoa, pois representa o começo da vida. Vários povos costumavam presentear os amigos com ovos, desejando-lhes a passagem para uma vida feliz. A partir deste costume, surgiram os primeiros Ovos de Páscoa.

Agora sim, você já sabe o que é e tudo o que representa!

Feliz Páscoa e até semana que vem!!!

06/04/2016

Então é início de mês, vamos refletir: você se aceita?

Na fanpage Passarinhos no Telhado há muitas reflexões nos perguntando sobre isso...

Essa é a mais completa, leia, reflita e pense:  você está vivendo?

"Aceite-se, aceite sua história e tudo que viveu até aqui, pois tudo que viveu te fez ser quem você é agora; Vá deixando os pesos pelo caminho e andando cada vez mais leve, assim cada vez mais breve, quebre a tensão em qualquer que seja o ponto, perdoe suas falhas e as falhas dos outros, afinal, aqui estamos, todos para aprender. A perfeição nunca lhe foi cobrada, não se cobre, dê seu máximo tentando se tornar cada dia melhor, mas não julgue nada que você viu até aqui, não julgue, não se julgue, se orgulhe, orgulhe sua existência aceitando-a como ela é e seguindo cada vez mais grato disso."
Lucas Mahat 

13/04/2016

Em oposição às formas clássicas, a arte moderna surgiu no final do século XIX em várias expressões artísticas como  pintura, escultura, literatura, arquitetura, fotografia e música. Embora não exista consenso sobre a duração deste período, muitos especialistas em arte consideram que o movimento vai até a década de 1970.

Os impressionistas, primeiros pintores modernos, geralmente escolhiam cenas externas como temas para suas obras: paisagens, pessoas humildes, etc. 

Principais características da Arte Moderna:

Objetivando romper com os padrões antigos, os artistas modernos buscam constantemente novas formas de expressão e, para isto, utilizam recursos como cores vivas, figuras deformadas, cubos e cenas sem lógica. O marco inicial do movimento modernista brasileiro foi a realização da Semana de Arte Moderna de 1922, onde diversos artistas plásticos e escritores apresentaram ao público uma nova forma de expressão. Este evento ocorreu no Teatro Municipal de São Paulo. 

Não foi fácil para estes artistas serem aceitos pela crítica que já estava acostumada com padrões estéticos bem definidos, mas, aos poucos, suas exposições foram aumentando e o público passou a aceitar e entender as obras modernistas. 

A Arte Moderna está exposta em muitos lugares. Em São Paulo ela pode ser vista no Museu de Arte Moderna, nas Bienais e também em outras formas de exposição que buscam estimular esta forma de expressão. 

Artistas brasileiros

Destacam-se como artistas modernistas brasileiros: Di Cavalcanti, Vicente do Rêgo, Anita Malfatti, Lasar Segall, Victor Brecheret, Tarsila do Amaral e Ismael Nery.

Artistas estrangeiros

Destacam-se como artistas modernistas estrangeiros: Pablo Picasso, Matisse, Mondrian e Kandinsky.

Principais movimentos e correntes artísticas da Arte Moderna:

- Impressionismo
- Pós-impressionismo
- Fauvismo
- Cubismo
- Expressionismo
- Surrealismo
- Concretismo
- Futurismo
- Pop Art

20/04/2016

Continuando com nosso aprendizado, hoje falaremos sobre o IMPRESSIONISMO.

O impressionismo foi um movimento artístico (artes plásticas e música) que surgiu na França no final do século XIX. Este movimento é considerado o marco inicial da arte moderna. O nome “impressionismo” deriva de uma obra de Monet chamada Impressão, nascer do Sol (1872).

Características do impressionismo nas artes plásticas:
- Ênfase nos temas da natureza, principalmente de paisagens;
- Uso de técnicas de pintura que valorização a ação da luz natural;
- Valorização da decomposição das cores;
- Pinceladas soltas buscando os movimentos da cena retratada;
- Uso de efeitos de sombras coloridas e luminosas.
Características do impressionismo na música:
- Composições que buscam retratar imagens;
- Títulos de peças que remetem a paisagens naturais;
- Melodias sensuais e etéreas.

Principais artistas impressionistas: CLAUDE MONET; EDGAR DEGAS; PIERRE-AUGUSTE RENOIR; ÉDOUARD MANET.

Principais músicos impressionistas e suas obras principais: CLAUDE ALDEBUSSY; MAURICE RAVEL.

Principais pintores impressionistas brasileiros: ELISEU VISCONTI; ALMEIDA JUNIOR; HENRIQUE CAVALLEIRO; VICENTE DO REGO MONTEIRO. 

27/04/2016

PÓS - IMPRESSIONISMO

O pós-impressionismo, também chamado de neo-impressionismo, foi um movimento artístico que conjugou o impressionismo com outros estilos. Desenvolveu-se, principalmente na Europa, entre o final do século XIX e começo do XX.

Vale lembrar que os artistas pós-impressionistas não seguiram um padrão artístico uniforme e coeso comum, como ocorreu em muitos movimentos artísticos.

Características principais do pós-impressionismo:

- Ultrapassou as tendências artísticas do impressionismo.
- Utilização de cores vivas.
- Retratação de temas da vida real.
- Visão subjetiva do mundo.
- Uso da técnica do pontilhismo por alguns pintores pós-impressionistas, entre eles Paul Signac e Georges Seurat.
- Tendência de experimentação da força da imagem, o contorno de segurança e a liberdade de cor.

Principais artistas pós-impressionistas: Paul Gauguin; Toulose-Lautrec; Vicent Van Gogh; Georges Seurat; Paul Cézanne; Paul Signat.

Vamos ficar a todo vapor em arte, não?!!! 

04/05/2016

FAUVISMO
O fauvismo foi um movimento artístico do começo do século XX. Teve início em 1901, embora tenha ganhado esta denominação somente em 1905. A palavra tem origem no vocábulo francês fauves que significa feras. Este movimento seguiu características expressionistas.

O artista plástico Henri Matisse é conhecido como o pai deste movimento artístico.

Principais características do fauvismo:

- Uso de cores intensas (roxo, verde, amarelo, azul e vermelho);
- Busca de estabelecer harmonia, tranqüilidade, pureza e equilíbrio nas obras de arte;
- Uso de formatos planos, grandes, simples e com traços largos;
- Intenção de demonstrar sentimentos nas obras;
- Temas preferidos: cenas urbanas e rurais, retratos, ambientes internos, nus e cenas ao ar livre.

CUBISMO

Este movimento artístico tem seu surgimento no século XX e é considerado o mais influente deste período. Com suas formas geométricas representadas, na maioria das vezes, por cubos e cilindros, a arte cubista rompeu com os padrões estéticos que primavam pela perfeição das formas na busca da imagem realista da natureza. A imagem única e fiel à natureza, tão apreciada pelos europeus desde o Renascimento, deu lugar a esta nova forma de expressão onde um único objeto pode ser visto por diferentes ângulos ao mesmo tempo. 

Fases do Cubismo:

- Cubismo cézanniano (entre os anos de 1907 e 1909) - é a fase que dá início ao Cubismo. Período marcado pela forte presença das obras de Paul Cézanne.
- Cubismo Analítico (entre os anos de 1910 e 1912) - fase marcada pela união dos trabalhos criados separadamente por Picasso e Braque.
- Cubismo Sintético (entre os anos de 1913 e 1914) - fase marcada pelo uso de formas decorativas e cores marcantes.

11/05/2016

Estamos quase finalizando nosso aprendizado em arte moderna...
Se liga nos assuntos de hoje:

EXPRESSIONISMO
Em oposição ao Impressionismo, o Expressionismo surge no final do século XIX com características que ressaltam a subjetividade. Neste movimento, a intenção do artista é de recriar o mundo e não apenas a de absorvê-lo da mesma forma que é visto. Aqui ele se opõe à objetividade da imagem, destacando, em contrapartida, o subjetivismo da expressão.
O principal precursor deste movimento foi o pintor holandês Vincent Van Gogh, que, com seu estilo único, já manifestava, através de sua arte, os primeiros sinais do expressionismo. Na década de 40, surge o expressionismo abstrato, este movimento foi criado em Nova York por pintores como Jackson Pollock, de Kooning e Rothko. 
Em nosso país o movimento também foi importante. Podemos destacar, nas artes plásticas, os artistas expressionistas mais importantes: Cândido Portinari, que retratou em suas telas a migração do povo nordestino para as grandes cidades e a vida dos agricultores, operários e desfavorecidos. 

SURREALISMO
O surrealismo surgiu na França na década de 1920. Este movimento foi significativamente influenciado pelas teses psicanalíticas de Sigmund Freud, que mostram a importância do inconsciente na criatividade do ser humano.
A década de 1930 é conhecida como o período de expansão surrealista pelo mundo. Artistas, cineastas, dramaturgos e escritores do mundo todo assimilam as idéias e o estilo do surrealismo. Porém, no final da década de 1960 o grupo entra em crise e acaba se dissolvendo.

CONCRETISMO
O concretismo foi um movimento vanguardista que ocorreu nas artes plásticas, na música e na poesia. Surgiu na Europa, na década de 1950, e teve seu auge até a década de 1960. Os artistas precursores deste movimento foram: Max Bill (artes plásticas), Pierre Schaeffer (música) e Vladimir Mayakovsky (poesia).
Na literatura brasileira, destacou-se Noigandres (revista fundada em 1952) que era escrita e organizada pelos poetas concretistas Augusto de Campos, Décio Pignatari, Haroldo de Campos entre outros.

18/05/2016

Finalizando nosso aprendizado, são eles, os movimentos que vivemos até hoje, os que inspiram todas as atividades e que mostram nossa realidade:

FUTURISMO

O futurismo foi um movimento literário e artístico iniciado em 1909. Foi Felippo Marinetti, poeta italiano, quem começou este movimento com a publicação do Manifesto Futurista. Ele fez parte da primeira vanguarda futurista. No Brasil, o futurismo teve grande influência na produção artística de artistas ligados ao movimento modernista. Anita Malfatti e Oswald de Andrade entraram em contato com Marinetti e seu Manifesto Futurista. Muitas ideias e conceitos futuristas foram incorporados às obras destes modernistas brasileiros. Pode-se observar estas influências na Semana de Arte Moderna de 1922.

POP ART

A Pop Art, abreviatura de Popular Art, foi um movimento artístico que se desenvolveu na década de 1950, na Inglaterra e nos Estados Unidos. Foi na verdade uma reação artística ao movimento do expressionismo abstrato das décadas de 1940 e 1950. A pop art exerceu uma grande influência no mundo artístico e cultural das épocas posteriores. Influenciou também o grafismo e os desenhos relacionados à moda.

25/05/2016

Já ouviu falar na escritora Jojo Moyes? Ela está nas listagens com o livro: COMO EU ERA ANTES DE VOCÊ (Me before you).

Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. 
Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.
Sim é romance, mas também é um drama...

Leia e aventure-se, e o mais importante, leve com você o propósito do livro, com você, que é VIVER!!!

Ah, sim, em junho teremos o lançamento do filme baseado no livro, mas acredito que a magia do livro nos faz sonhar....SONHE!!!

01/06/2016

E hoje vamos de atividade para nossas abelhinhas...

Leitura para meninas de 7 a 9 anos... o livro selecionado foi:

"A Cinderela Mudou de Ideia" desconstrói o mito de que, para ser feliz, uma mulher precisa esperar por um príncipe que a salve. A obra apresenta uma personagem que se vê sufocada dentro de um sonho que ela não planejou, mas ao qual se submeteu por acreditar que seria o melhor para sua vida.

Então, surge o dia em que ela conhece a fada do Chega!, e descobre que uma mulher pode - e quer - muito mais. Ela, então, decide descalçar os sapatinhos de cristal, descer do salto alto e partir em uma agradável viagem na qual descobrirá um mundo muito maior que a faz sentir completa pela primeira vez em sua vida.

Leia, viaje e nos conte o que achou!

08/06/2016

Você ouve música? Por que? Para quê?

Ah, a música, ela te faz bem? Você a ouve quando está feliz? Triste? Deprê? Explodindo de alegria?


A música - do grego - a arte das musas - é uma forma de arte que se constitui na combinação de vários sons e ritmos, seguindo uma pré-organização ao longo do tempo.
Definir a música não é tarefa fácil porque apesar de ser intuitivamente conhecida por

qualquer pessoa, é difícil encontrar um conceito que abarque todos os significados dessa prática. 

Mais do que qualquer outra manifestação humana, a música contém e manipula o som e o organiza no tempo. 

A música também pode ser definida como uma forma de linguagem que se utiliza da voz, instrumentos musicais e outros artifícios, para expressar algo a alguém.

Um dos poucos consensos é que ela consiste em uma combinação de sons e de silêncios, numa sequência simultânea ou em sequências sucessivas e simultâneas que se desenvolvem ao longo do tempo.

Então ouça música, para diversão, relaxamento, terapia, meditação, dormir, chorar...

Permita-se unir os sons dos seus sentimentos com um toque diferenciado...

Nos conte a sua música favorita, comente aqui!

15/06/2016

Você já ficou triste e não quis usar um amarelo por exemplo?

Você fica feliz e usar um Pink maravilha?

As cores tem muito poder em nosso cotidiano, mexe com nosso estado de espírito, nos favorece, muda o que estamos sentido.

Existe uma ciência que trabalha com as cores para revitalizar a saúde “CROMOTERAPIA”.

A cromoterapia é um tipo de tratamento que consiste na utilização das cores para curar doenças e restaurar o equilíbrio físico e emocional do paciente. A palavra tem origem no grego "khrôma" que significa "cor".

Historiadores afirmam que no Antigo Egito a cor - através dos raios solares - já era usada para o benefício do ser humano. Mais tarde, no século XVIII, o cientista alemão Johann Wolfgang von Goethe conduziu uma pesquisa exaustiva a respeito das cores, concluindo que elas têm um determinado efeito. Ele concluiu que o vermelho estimula, o azul suaviza, o amarelo causa alegria e o verde é relaxante.

Contudo, a cromoterapia só chegou ao Ocidente no século XIX. Nos dias de hoje, a cromoterapia está relacionada com as sete cores do espectro solar, e normalmente um suporte com uma lâmpada de 25 watts é usada no tratamento, onde é colocado a 5 centímetros da pele, atuando durante aproximadamente 3 minutos.

Esta terapia alternativa tem muitos críticos na comunidade científica, que afirmam que no caso da cromoterapia, o efeito placebo é um fator muito importante na cura de alguns pacientes.

A cromoterapia é muitas vezes ligada com algumas práticas esotéricas, como o Feng Shui, os cristais e a astrologia. Em muitos casos, as sete cores usadas na cromoterapia estão diretamente ligadas aos chakras, que são considerados campos de energia que têm influência nas nossas emoções e corpos.

E ai? Qual sua cor do momento? Nesse mundo louco, podemos trabalhar nosso interior com as cores!

29/06/2016

Livro para meninas e meninos na faixa etária de 3 a 5 anos, TUDO BEM SER DIFERENTE, é um livro que trabalha com a conscientização de todos para os assuntos que todos devem saber.
Depois do grande sucesso nos Estados Unidos, a Panda Books traz Todd Parr para divertir e ensinar as crianças do Brasil. Autor de livros infantis de sucesso e criador do desenho animado "Todd World", do canal Discovery Kids, Todd ensina as crianças a cultivar a paz e os bons sentimentos com frases curtas, diretas e envolventes, e ilustrações coloridas que aproximam e chamam a atenção de meninos e meninas (e dos adultos também).
"Tudo Bem Ser Diferente" trabalha com as diferenças de cada um de maneira divertida, simples e completa, abordando assuntos que deixam os adultos de cabelo em pé, como adoção, separação de pais, deficiências físicas e preconceitos raciais, entre outros.

Vamos aprender sobre o diferente!!!

03/08/2016

E bem-vindo Agosto, bem-vinda as aulas!!!

Sim, que sejam muito bem-vindas né??!!!!

É tempo de renovar conhecimento, tempo de ter mais socialização, tempo de saber o que fazer na vida, ainda mais quando se está no Terceirãooo ....e agora? Vestibular? Escolher uma profissão?? Acho que prefiro ficar nas férias e no ensino médio para sempre!!!

Quem nunca teve esse pensamento? A maioria das pessoas, não é?? Acalme-se, você deve respirar fundo e seguir em frente!!!

Alinhe seus prós e contras à uma profissão, paixão e segurança te levarão à ela em uma certeza única!

Vamos lá, força e muito foco!!!

Nos conte sua dúvida, converse com nós!!!

Lembre-se:

"Tenha em mente que tudo que você aprende na escola é trabalho de muitas gerações. Receba essa herança, honre-a, acrescente a ela e, um dia, fielmente, deposite-a nas mãos de seus filhos." (Albert Einstein)

10/08/2016

Joaquim Maria Machado de Assis

Nascido no Rio de Janeiro, 21 de junho de 1839 e falecido no Rio de Janeiro, 29 de setembro de 1908, foi um escritor brasileiro, amplamente considerado como o maior nome da literatura nacional. Escreveu em praticamente todos os gêneros literários, sendo poeta, romancista, cronista, dramaturgo, contista, folhetinista, jornalista, e crítico literário. Testemunhou a mudança política no país quando a República substituiu o Império e foi um grande comentador e relator dos eventos político-sociais de sua época.

Nascido no Morro do Livramento, Rio de Janeiro, de uma família pobre, mal estudou em escolas públicas e nunca frequentou universidade. Os biógrafos notam que, interessado pela boemia e pela corte, lutou para subir socialmente abastecendo-se de superioridade intelectual. Para isso, assumiu diversos cargos públicos, passando pelo Ministério da Agricultura, do Comércio e das Obras Públicas, e conseguindo precoce notoriedade em jornais onde publicava suas primeiras poesias e crônicas. Em sua maturidade, reunido a colegas próximos, fundou e foi o primeiro presidente unânime da Academia Brasileira de Letras.

Machado de Assis é considerado o introdutor do Realismo no Brasil, com a publicação de “Memórias Póstumas de Brás Cubas”.

Sua obra foi de fundamental importância para as escolas literárias brasileiras do século XIX e do século XX e surge nos dias de hoje como de grande interesse acadêmico e público.

Quer saber mais sobre ele e suas obras? 

Acesse e viaje por esse maravilhoso mundo:

http://www.machadodeassis.org.br/

17/08/2016

A cada quatro anos, atletas de centenas de países se reúnem num país sede para disputarem um conjunto de modalidades esportivas. A própria bandeira olímpica representa essa união de povos e raças, pois é formada por cinco anéis entrelaçados, representando os cinco continentes e suas cores. A paz, a amizade e o bom relacionamento entre os povos e o espírito olímpico são os princípios dos jogos olímpicos.

Foram os gregos que criaram os Jogos Olímpicos. Por volta de 2500 a.C., os gregos já faziam homenagens aos deuses, principalmente Zeus, com realização de competições. Porém, foi somente em 776 a.C. que ocorreram pela primeira vez os Jogos Olímpicos, de forma organizada e com participação de atletas de várias cidades-estados. 
Atletas das cidades-estados gregas se reuniam na cidade de Olímpia para disputarem diversas competições esportivas: atletismo, luta, boxe, corrida de cavalo e pentatlo (luta, corrida, salto em distância, arremesso de dardo e de disco). Os vencedores eram recebidos como heróis em suas cidades e ganhavam uma coroa de louros.

Além da religiosidade, os gregos buscavam através dos Jogos Olímpicos a paz e a harmonia entre as cidades que compunham a civilização grega. Mostra também a importância que os gregos davam aos esportes e a manutenção de um corpo saudável.

Quando os romanos invadiram e dominaram a Grécia no século II, muitas tradições gregas, entre elas as Olimpíadas, foram deixadas de lado. No ano de 392 d.C., os Jogos Olímpicos e quaisquer manifestações religiosas do politeísmo grego foram proibidos pelo imperador romano Teodósio I, após converter-se para o cristianismo.
No ano 1896, os Jogos Olímpicos são retomados em Atenas, por iniciativa do francês Pierre de Fredy, conhecido com o barão de Coubertin. Nesta primeira Olimpíada da Era Moderna, participam 285 atletas de 13 países, disputando provas de atletismo, esgrima, luta livre, ginástica, halterofilismo, ciclismo, natação e tênis. Os vencedores das provas foram premiados com medalhas de ouro e um ramo de oliveira.

É bom saber né? E os jogos são massa....
Pena que está acabando...ansiedade a mil para 2020!!! 

07/09/2016

7 de setembro, feriado, independência? 

Então vamos recordar e saber um pouco mais sobre esse dia?

A Independência do Brasil é um dos fatos históricos mais importantes de nosso país, pois marca o fim do domínio português e a conquista da autonomia política. Muitas tentativas anteriores ocorreram e muitas pessoas morreram na luta por este ideal. Podemos citar o caso mais conhecido: Tiradentes. Foi executado pela coroa portuguesa por defender a liberdade de nosso país, durante o processo da Inconfidência Mineira.

Após o Dia do Fico, (D. Pedro I recebeu uma carta das cortes de Lisboa, exigindo seu retorno para Portugal. Há tempos os portugueses insistiam nesta ideia, pois pretendiam recolonizar o Brasil e a presença de D. Pedro impedia este ideal. Porém, D. Pedro respondeu negativamente aos chamados de Portugal e proclamou : "Se é para o bem de todos e felicidade geral da nação, diga ao povo que fico."), D. Pedro tomou uma série de medidas que desagradaram a metrópole, pois preparavam caminho para a independência do Brasil. D. Pedro convocou uma Assembleia Constituinte, organizou a Marinha de Guerra, obrigou as tropas de Portugal a voltarem para o reino. Determinou também que nenhuma lei de Portugal seria colocada em vigor sem o " cumpra-se ", ou seja, sem a sua aprovação. Além disso, o futuro imperador do Brasil, conclamava o povo a lutar pela independência.

O príncipe fez uma rápida viagem à Minas Gerais e a São Paulo para acalmar setores da sociedade que estavam preocupados com os últimos acontecimento, pois acreditavam que tudo isto poderia ocasionar uma desestabilização social. Durante a viagem, D. Pedro recebeu uma nova carta de Portugal que anulava a Assembléia Constituinte e exigia a volta imediata dele para a metrópole.

Estas notícias chegaram às mãos de D. Pedro quando este estava em viagem de Santos para São Paulo. Próximo ao riacho do Ipiranga, levantou a espada e gritou : " Independência ou Morte !". Este fato ocorreu no dia 7 de setembro de 1822 e marcou a Independência do Brasil. No mês de dezembro de 1822, D. Pedro foi declarado imperador do Brasil.

Os primeiros países que reconheceram a independência do Brasil foram os Estados Unidos e o México. Portugal exigiu do Brasil o pagamento de 2 milhões de libras esterlinas para reconhecer a independência de sua ex-colônia. Sem este dinheiro, D. Pedro recorreu a um empréstimo da Inglaterra.

Embora tenha sido de grande valor, este fato histórico não provocou rupturas sociais no Brasil. O povo mais pobre se quer acompanhou ou entendeu o significado da independência. A estrutura agrária continuou a mesma, a escravidão se manteve e a distribuição de renda continuou desigual. A elite agrária, que deu suporte D. Pedro I, foi a camada que mais se beneficiou.

28/09/2016

“Um bethel, assim como qualquer outra organização, não é caracterizado apenas pelos cargos altos. Ser honorável rainha é uma honra que muitas almejam, mas não pode ser este "desejo pelo poder" que nos controla. 

Princesas são tão importantes quanto a guia e a dirigente, que não teriam o seu trabalho completo sem as zeladoras. 

Um bethel, sem uma secretária não seria organizado. Não receberia e nem iria a eventos. 

Sem as mensageiras, a história de Jó não seria passada, sem as guardas não teria segurança. 

Sem o coral, seria apenas mais um corpo amorfo. Sem vida, sem música. Que depende totalmente de sua musicista, que encanta quando aperta o play. 

Uni-vos filhas e conselho, sejam fiéis às suas responsabilidades e honestos com o seu trabalho. Que não haja mentiras e exclusões, que tudo seja passado de forma clara e coerente, e que principalmente, não haja favorecimento pelo cordão que usa ou pela coroa que lhe foi confiada.”

 

Autor desconhecido.

05/10/2016

Claro que nunca é demais falar de uma campanha tão grande e linda!!!
Você conhece alguém que já teve ou tem câncer de mama, infelizmente os casos aumentam, então vamos trabalhar para isso mudar...

Você sabe o que é essa campanha?
Não? Se liga:

O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Este movimento começou nos Estados Unidos, onde vários Estados tinham ações isoladas referente ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro, posteriormente com a aprovação do Congresso Americano o mês de Outubro se tornou o mês nacional (americano) de prevenção do câncer de mama. 

A história do Outubro Rosa remonta à última década do século 20, quando o laço cor-de-rosa, foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, em 1990 e, desde então, promovida anualmente na cidade (www.komen.org). 

Em 1997, entidades das cidades de Yuba e Lodi nos Estados Unidos, começaram efetivamente a comemorar e fomentar ações voltadas a prevenção do câncer de mama, denominando como Outubro Rosa. Todas ações eram e são até hoje direcionadas a conscientização da prevenção pelo diagnóstico precoce. Para sensibilizar a população inicialmente as cidades se enfeitavam com os laços rosas, principalmente nos locais públicos, depois surgiram outras ações como corridas, desfile de modas com sobreviventes (de câncer de mama), partidas de boliche e etc. (www.pink-october.org). 

A ação de iluminar de rosa monumentos, prédios públicos, pontes, teatros e etc. surgiu posteriormente, e não há uma informação oficial, de como, quando e onde foi efetuada a primeira iluminação. O importante é que foi uma forma prática para que o Outubro Rosa tivesse uma expansão cada vez mais abrangente para a população e que, principalmente, pudesse ser replicada em qualquer lugar, bastando apenas adequar a iluminação já existente. 

A popularidade do Outubro Rosa alcançou o mundo de forma bonita, elegante e feminina, motivando e unindo diversos povos em em torno de tão nobre causa. Isso faz que a iluminação em rosa assuma importante papel, pois tornou-se uma leitura visual, compreendida em qualquer lugar no mundo.

Quer saber mais?
Acesse o site oficial:

http://outubrorosa.org.br/

Vamos lá, leia, saiba, repasse, ame-se e se toque!!!

19/10/2016

Aprender, adquirir conhecimento.

Já prestou atenção de como essa palavra nos ajuda em tudo?
Ser capaz de aprender é uma dádiva.

Tudo que estamos, passamos ou somos, precisamos aprender.

E sim, temos que ter força de vontade, pois nem tudo é fácil e cristalino.

Aprender é deixar todo conhecimento alheio nos preencher, e na maioria das vezes, com nossa própria releitura.

Aprender é querer saber, querer adquirir conhecimento, é querer crescer.

Leonardo Da Vinci um dia disse: “Aprender é a única coisa de que a mente nunca se cansa, nunca tem medo e nunca se arrepende.

Então que sejamos corajosos e possamos aprender sempre!

26/10/2016

Filme: Humano, uma viagem pela vida. (Classificação 12 anos)

O documentário parte de entrevistas para descobrir a essência do que nos faz humanos. São mais de dois mil entrevistados em sessenta países e reflete o que somos e o que queremos.

É um filme porta-voz dos povos representados na Organização das Nações Unidas (ONU). Há depoimentos de refugiados Sírios, veteranos de guerra dos Estados Unidos, condenados à pena de morte, camponeses, aborígenes e do Uruguaio José Mujica, Ex-guerrilheiro que ficou dez anos na solitária e depois foi eleito presidente. No coração do filme há grandes problemas da humanidade como a pobreza e as guerras.

Com testemunhos e imagens aéreas exclusivas, o documentário aborda quem nós somos hoje em dia. Não só como comunidade, mas como indivíduos. Através das guerras, discriminações e desigualdades, confrontamos a realidade que também contempla discursos de solidariedade. Uma reflexão do futuro que queremos para nós, seres humanos, e o planeta.

02/11/2016

O ano passou rápido não é mesmo? O fim do ano já está aí, e os vestibulares também... Neste fim de semana será realizado um dos vestibulares mais importantes do país, o ENEM. 

Mas não se desespere, ele não é bem um bicho sete cabeças. O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) acontece uma vez por ano, tem milhões de participantes e serve para conseguir uma bolsa em faculdades particulares, entrar em universidades públicas, obter financiamento estudantil e muito mais!

Faltam só três dias, e agora? Aí vão algumas dicas para você que vai prestar o ENEM:

1- Uma prova bem feita exige, além do conhecimento, um bom preparo psicológico para não ficar nervoso na hora e acabar tendo o temido "branco". Ler, entender e responder as questões ficam mais difíceis se você sentir pânico ou ansiedade. Mantenha a cabeça fria, desacelere um pouco, assim você conseguirá terminar a prova. Tente não ficar nervoso no dia. Pode ser difícil, mas pense para si mesmo: "É só uma prova e eu me preparei da melhor maneira. Vai dar certo.". Se tiver confiança em si mesmo, irá melhor. 

2 - Consiga ter uma leitura crítica. Aproveite todas as fontes de informação que nos cercam, como jornais, revistas e blogs, e sempre se mantenha atualizado. 

3 - Quando estiver lidando com vestibular, não há nada melhor que a prática. A primeira vez que fizer a prova será a mais difícil, já que é a única vez que não saberá o que esperar. Tente fazer simulados num ambiente que lembre o local de provas, como uma biblioteca. 

4 - Quando estiver resolvendo um problema matemático, lembre-se de se perguntar "Qual é a pergunta?". Muitas delas fazem truques com as palavras. Certifique-se de entender exatamente o que é pedido. 

5 - Durma bem e tenha um bom café da manhã. Leve água para manter-se hidratado. Se você se preparar para o sucesso, a chance de obtê-lo é maior. 

Lembre-se:

"Educação não transforma o mundo. Educação muda as pessoas. Pessoas transformam o mundo." (Paulo Freire)

16/11/2016

Você sabia que o dia 14 de novembro foi instituído como o Dia Mundial do Diabetes? Não? Então vamos conhecer um pouco mais sobre essa doença e entender esse dia...

O diabetes é uma doença que ocorre ou quando o pâncreas não produz insulina suficiente ou quando o corpo não usa eficazmente a insulina que produz. Existem três tipos principais de diabetes: diabetes tipo 1, que é o mais frequente entre crianças e adolescentes; diabetes tipo 2, que é o mais frequente entre os adultos e está ligado à obesidade, falta de atividade física e má nutrição; e o diabetes gestacional que é uma complicação da gravidez.

Sede excessiva, rápida perda de peso, fome exagerada, cansaço inexplicável, muita vontade de urinar, má cicatrização, visão embaçada, falta de interesse e de concentração, vômitos e dores estomacais podem ser sintomas de Diabetes tipo 1 e também podem ser observados em pessoas com diabetes tipo 2, mas, geralmente se apresentam de forma menos evidente.

Dados mostram que a doença segue crescendo e em diversas localidades do mundo o diabetes figura como a principal causa de cegueira, doenças cardiovasculares, falência renal e amputação de membros inferiores.

O Dia Mundial do Diabetes foi criado em 1991 pela Federação Internacional do Diabetes (IDF) conjuntamente com a Organização Mundial da Saúde (OMS) em resposta às preocupações sobre o crescente número de diagnósticos no mundo; a data tornou-se oficial pela Organização das Nações Unidas (ONU) a partir de 2007. O dia 14 de novembro foi escolhido por marcar o aniversário de Frederick Banting que, junto com Charles Best, concebeu a ideia que levou à descoberta da insulina em 1921.

Desde 2007, foi lançada a ideia de iluminar de azul alguns monumentos de diversas cidades no mundo, que ficou conhecido como o Dia Azul. Todos os anos a IDF e OMS estabelecem um tema que é adotado pelas entidades filiadas e pelos serviços de saúde de todo o mundo. 

O tema da campanha este ano é 'De olho no diabetes', com foco em promover a importância do rastreamento e garantir o diagnóstico precoce, o tratamento e a redução do risco de complicações mais sérias. Diversas cidades do país fazem shows e atividades educativas para chamar a atenção da população para a detecção precoce do diabetes.

Fique de olho você também e apoie essa causa tão importante!

Quer saber mais? Leia em:
www.worlddiabetesday.org

30/11/2016

Livro: Não Nascemos Prontos – Provocações Filosóficas (Mário Sérgio Cortella)

É um livro que nos leva a pensar sobre muitas coisas do nosso dia a dia, coisas que pensamos não ter importância nem peso em nossa história, mas que fazem a nossa vida ser o que ela é. 

Aí vai um trecho para que desperte em você o desejo de ler este livro sensacional!!

“O sempre surpreendente Guimarães Rosa dizia: “o animal satisfeito dorme”. Por trás dessa aparente obviedade está um dos mais fundos alertas contra o risco de cairmos na monotonia existencial, na redundância afetiva e na indigência intelectual. O que o escritor tão bem percebeu é que a condição humana perde substância e energia vital toda vez que se sente plenamente confortável com a maneira como as coisas já estão, rendendo-se à sedução do repouso e imobilizando-se na acomodação.

A advertência é preciosa: não esquecer que a satisfação conclui, encerra, termina; a satisfação não deixa margem para a continuidade, para o prosseguimento, para a persistência, para o desdobramento. A satisfação acalma, limita, amortece.

Por isso, quando alguém diz “fiquei muito satisfeito com você” ou “estou muito satisfeita com teu trabalho”, é assustador. O que se quer dizer com isso? Que nada mais de mim se deseja? Que o ponto atual é meu limite e, portanto, minha possibilidade? Que de mim nada mais além se pode esperar? Que está bom como está? 

Assim seria apavorante; passaria a ideia de que desse jeito já basta. Ora, o agradável é quando alguém diz: “teu trabalho (ou carinho, ou comida, ou aula, ou texto, ou música etc.) é bom, fiquei muito insatisfeito e, portanto, quero mais, quero continuar, quero conhecer outras coisas.

Um bom filme não é exatamente aquele que, quando termina, ficamos insatisfeitos, parados, olhando, quietos, para a tela, enquanto passam os letreiros, desejando que não cesse? Um bom livro não é aquele que, quando encerramos a leitura, o deixamos um pouco apoiado no colo, absortos e distantes, pensando que não poderia terminar? Uma boa festa, um bom jogo, um bom passeio, uma boa cerimônia não é aquela que queremos que se prolongue?

Com a vida de cada um e de cada uma também tem de ser assim; afinal de contas, não nascemos prontos e acabados. Ainda bem, pois estar satisfeito consigo mesmo é considerar-se terminado e constrangido ao possível da condição do momento.

Quando crianças (só as crianças?), muitas vezes, diante da tensão provocada por algum desafio que exigia esforço (estudar, treinar, emagrecer etc.) ficávamos preocupados e irritados, sonhando e pensando: por que a gente já não nasce pronto, sabendo todas as coisas? Bela e ingênua perspectiva.

É fundamental não nascermos sabendo e nem prontos; o ser que nasce sabendo não terá novidades, só reiterações. Somos seres de insatisfação e precisamos ter nisso alguma dose de ambição; todavia, ambição é diferente de ganância, dado que o ambicioso quer mais e melhor, enquanto que o ganancioso quer só para si próprio.

Nascer sabendo é uma limitação porque obriga a apenas repetir e, nunca, a criar, inovar, refazer, modificar. Quanto mais se nasce pronto, mais refém do que já se sabe e, portanto, do passado; aprender sempre é o que mais impede que nos tornemos prisioneiros de situações que, por serem inéditas, não saberíamos enfrentar.

Diante dessa realidade, é absurdo acreditar na ideia de que uma pessoa, quanto mais vive, mais velha fica; para que alguém quanto mais vivesse mais velho ficasse, teria de ter nascido pronto e ir se gastando…

Isso não ocorre com gente, e sim com fogão, sapato, geladeira. Gente não nasce pronta e vai se gastando; gente nasce não-pronta, e vai se fazendo. Eu, no ano que estamos, sou a minha mais nova edição (revista e, às vezes, um pouco ampliada); o mais velho de mim (se é o tempo a medida) está no meu passado e não no presente.

Demora um pouco para entender tudo isso; aliás, como falou o mesmo Guimarães, “não convém fazer escândalo de começo; só aos poucos é que o escuro é claro”…”

Este trecho mostra que nós, a cada dia que passa, vamos nos atualizando, e em todos os nossos ‘agoras’ somos a versão mais completa de nós mesmos. Estamos sempre a aprender, inovar, concertar, reatar e uma outra infinidade de subjetividades. Esse não é um livro que lemos e ponto final. Cada final de capítulo deixa nossa mente perdida em pensamentos e dúvidas, pois ele não nos dá conhecimentos mastigados, ele nos leva a procurar o alimento, mastigar e digerir. 

Gostou? Então vamos lá, mergulhe nesse mundo espetacular de provocações filosóficas.

21/12/2016

Diante de tanta crueldade que aconteceu na Segunda Guerra Mundial existiam pessoas e famílias que lutavam para se salvar do cenário de guerra e tortura vigente... Vamos conhecer melhor uma dessas histórias? 

"O Diário de Anne Frank" conta a história de Anne e sua família, que viveram na Alemanha por várias gerações. A crise econômica e a ascensão de Hitler ao poder acabam com a vida tranquila da família que decide deixar o país. 

O pai de Anne, Otto Frank, estabelece um negócio em Amsterdã. Em 1939, a Alemanha invade a Polônia e começa a Segunda Guerra Mundial e em maio de 1940, as tropas alemãs invadem a Holanda que cinco dias depois se rende. 

Com o país ocupado, aplicam-se leis contra os judeus que impõem restrições que afetam toda a vida da família Frank. Assim, eles se veem obrigados a se esconderem no prédio onde fica a empresa de Otto. 

Com eles também está a família Van Pels e o dentista Fritz Pfeffer que moraram no Anexo Secreto. Os escondidos têm que se manter em silêncio, frequentemente sentem medo e, bem ou mal, passam o tempo todo uns com os outros. 

Pouco antes de ir para o esconderijo, Anne recebe um diário de presente de aniversário. Durante o seu tempo escondida, escreve sobre os acontecimentos no Anexo Secreto, sua vivência diante de tão grande ameaça de morte e sua visão sobre tudo isso.

Passados dois anos, os escondidos são presos juntamente com seus ajudantes e são deportados. Após a prisão, o diário de Anne e papéis que foram deixados para trás no Anexo Secreto são encontrados. 

Otto Frank é o único das oito pessoas do esconderijo que sobrevive à guerra e recebe o diário e os papéis de Anne. Ele lê o diário e descobre uma Anne completamente diferente, com textos que o emocionam profundamente.

Ela escreve em seu diário que queria tornar-se escritora ou jornalista e que gostaria de ver o seu diário publicado como um romance. Amigos de Otto Frank o convenceram da grande importância do diário e, em 1947, "O Diário de Anne Frank" é publicado. Há muitas outras edições, traduções, uma peça de teatro e um filme. Além disso, em 1960, a Casa da Anne Frank torna-se um museu.

Não deixe de conhecer um pouco mais sobre essa história emocionante!

28/12/2016

Existem vários tipos de sonhos, alguns possíveis, outros nem tanto, alguns fáceis, alguns imprevisíveis, alguns que envolvem pessoas e outros, lugares... Enfim, há uma imensidão de sonhos que habitam a cabeça de todos nós e diante de tantos sonhos, possíveis e impossíveis, o mais importante é não parar de sonhar!!!

Então vamos ler um texto de Augusto Cury e refletir sobre os nossos sonhos:

“Sem sonhos, as pedras do caminho tornam-se montanhas, os pequenos problemas são insuperáveis, as perdas são insuportáveis, as decepções transformam-se em golpes fatais e os desafios em fonte de medo. 

Voltaire disse que os sonhos e a esperança nos foram dados como compensação às dificuldades da vida. Mas precisamos de compreender que os sonhos não são desejos superficiais. Os sonhos são bússolas do coração, são projetos de vida. Os desejos não suportam o calor das dificuldades. Os sonhos resistem às mais altas temperaturas dos problemas. Renovam a esperança quando o mundo desaba sobre nós. 

John F. Kennedy disse que precisamos de seres humanos que sonhem o que nunca foram. Tem fundamento o seu pensamento, pois os sonhos abrem as janelas da mente, arejam a emoção e produzem um agradável romance com a vida. 

Quem não vive um romance com a sua vida será um miserável no território da emoção, ainda que habite em mansões, tenha carros luxuosos, viaje em primeira classe nos aviões e seja aplaudido pelo mundo. 

Precisamos de perseguir os nossos mais belos sonhos. Desistir é uma palavra que tem de ser eliminada do dicionário de quem sonha e deseja conquistar, ainda que nem todas as metas sejam atingidas. Não se esqueça de que você vai falhar 100% das vezes em que não tentar, vai perder 100% das vezes em que não procurar, vai ficar parado 100% das vezes em que não ousar andar. 

Como disse o filósofo da música, Raul Seixas: "Tenha fé em Deus, tenha fé na vida, tente outra vez..." Se você sonhar, poderá sacudir o mundo, pelo menos o seu mundo... 

Se você tiver de desistir de alguns sonhos, troque-os por outros. Pois a vida sem sonhos é um rio sem nascente, uma praia sem ondas, uma manhã sem orvalho, uma flor sem perfume. 

Sem sonhos, os ricos ficam deprimidos, os famosos aborrecem-se, os intelectuais tornam-se estéreis, os livres tornam-se escravos, os fortes tornam-se tímidos. Sem sonhos, a coragem dissipa-se, a inventividade esgota-se, o sorriso vira um disfarce, a emoção envelhece. 

Liberte a sua criatividade. Sonhe com as estrelas, para poder pisar a Lua. Sonhe com a Lua, para poder pisar as montanhas. Sonhe com as montanhas, para pisar sem medo os vales das suas perdas e frustrações. 

Apesar dos nossos defeitos, precisamos de ver que somos pérolas únicas no teatro da vida e compreender que não existem pessoas de sucesso ou pessoas fracassadas. O que existe são pessoas que lutam pelos seus sonhos ou desistem deles.“

Muitas pessoas bloquearam os seus sonhos ao longo da vida, mas precisamos desenterra-los, superar os nossos traumas e conflitos. Os nossos sonhos precisam respirar novamente.

 

11/01/2017

Você já parou para se perguntar por que alguém cruza ou descruza os braços, muda a posição do pé ou vira as palmas das mãos para cima em diferentes situações?

Nós dizemos muitas coisas aos outros apenas pela linguagem do corpo e da mesma forma os outros também têm muitas coisas para nos dizer.

O corpo é um centro de informações para nós mesmos, é uma linguagem que não mente e ajuda o ser humano a lidar consigo mesmo e com os outros.

“O Corpo Fala” é um livro que trata do comportamento humano que não é transmitido por palavras, é um livro com textos e imagens que nos ajudam a entender o que há por trás do comportamento humano inconsciente. Este livro fascina, diverte, desafia e esclarece ao mesmo tempo!!!

Ficou interessado em conhecer a linguagem do corpo humano? Então deixe de ler este livro fascinante!!

18/01/2017

Você já parou pra pensar no quanto mudou em todos esses anos? Não é só o cabelo ou o formato do rosto, é algo que cresce e revigora dentro de você. É como uma árvore que com o passar dos anos as raízes se fortalecem e conseguem conduzir melhor os sentimentos, transformar alguns em energia e condensar outros nas folhas que caem nos outonos dos anos.

Permita-se mudar, trocar certezas de lugar, trocar de estilo de vida, de alimentação, de gosto musical, deixe de lado certos estereótipos, se abra para novas opiniões. A gente nasceu para se reinventar!

Se tudo na vida permanecesse o mesmo o mundo não teria graça, a vida não seria uma eterna aventura. Somos motivados por desafios, e toda mudança é um desafio, aventure-se! 

Escolha o caminho da mudança, da liberdade. Seja alguém melhor, tenha mais experiências, aprenda novas coisas. Viver é mágico e mudar é fantástico.

Lembre-se, você nasceu para brilhar e esse brilho vem de dentro de você. Seja uma pessoa diferente a cada dia, seja a mudança que você quer para o mundo!!!

25/01/2017

Filme: Patch Adams – O Amor é Contagioso

Um médico que não parece, age ou pensa como nenhum outro, que é cativante e movido pela vontade de ajudar, este é Patch. Para ele, humor é o melhor remédio e ele está disposto a fazer de tudo para que seus pacientes sorriam mesmo que isto signifique arriscar sua própria carreira.

O jovem estudante consegue, com muito bom humor e estudo, se formar e ajudar todos que precisam, mas acima de tudo mostra para seus colegas de faculdade que os pacientes são pessoas e não números, que eles têm sentimentos e devem ser respeitados.

O filme mostra como a medicina precisa de sensibilidade para lidar com o paciente, mostra como o diálogo é essencial e principalmente a importância do paciente se sentir como uma pessoa completa.

Baseado numa história real, retrata a vida de um estudante de medicina que busca quebrar paradigmas para alcançar mudanças e mostrar como é importante termos humanização e empatia com todas as pessoas que estão a nossa volta.

Não há como não dar risadas e se contagiar com a alegria do personagem. Não deixe de assistir!

 

01/02/2017

Oláa família!!

Neste ano vamos fazer algo diferente, os meses temáticos, mas o que é isso?

É simples! Alguns meses terão temas e falaremos dele e de assuntos relacionados durante nossas quartas do mês.

O primeiro é fevereiro e o tema é música clássica!!!

A música clássica é um tipo de música que leva o indivíduo ao equilíbrio, diminui a velocidade dos batimentos do nosso coração e da respiração, ou seja, nos leva para um mundo cheio de harmonia, tranquilidade e relaxamento.

Um de seus maiores nomes é Ludwing Van Beethoven, o maior e mais influente compositor de música clássica. Vamos conhecer um pouquinho de sua história...

Sua primeira apresentação pública foi aos sete anos de idade e aos 11 anos já publicou seu primeiro trabalho: 9 variações em C menor para o piano. 

Aos 28 anos, já consagrado compositor e intérprete, começou a sentir problemas de audição e mais tarde foi diagnosticado com uma doença degenerativa. Foi um período conturbado no qual ele se sentia cheio de pensamentos angustiantes, mas depois de passada essa fase depressiva, afirmou: “Foi a música que me salvou”. A surdez não o impediu de produzir obras e ele não perdeu o amor e entusiasmo pela vida e pela música.

Algumas de suas obras mais conhecidas são: A Sinfonia nº 6, Beethoven retrata a vida no campo e reproduz sons de pássaros, relâmpagos, chuva e trovões e a Sinfonia nº9 que é o tema do filme “Laranja Mecânica” e foi composta quando ele já estava totalmente surdo, ele musicou o poema “Ode à Alegria” de Johann Chiller, um verdadeiro hino de otimismo à vida.

Beethoven compôs cerca de 200 obras nos moldes do classicismo, tornando-se uma inspiração e também um exemplo de superação e amor a vida.


 

08/02/2017

Aos 15 anos George já era um talentoso pianista e deixou o colégio para trabalhar como sonoplasta em Nova Iorque, onde estavam os mais importantes editores de música.

George compôs a maioria das suas obras em parceria com o seu irmão Ira Gershwin. Escreveram canções para as revistas de teatro e conheceram Paul Whiteman, que contratou George para escrever uma peça de jazz para um concerto. O resultado foi "Rapsody in Blue".

Gershwin compôs para a Broadway e para o teatro de concerto clássico, por isso sua música reúne elementos destes distintos universos. Entre as suas composições, muitas foram para o cinema e algumas se tornaram clássicos do jazz.

Uma de suas ambições era a criação de uma ópera, e ele a realizou com "Porgy and Bess", em 1935, baseada num livro de DuBose Hayward, com letras do próprio autor e de Ira Gershwin.

George faleceu aos 38 anos, vítima de um tumor cerebral.

 

15/02/2017

Dmitri foi considerado como uma promessa. Aos oito anos, sua mãe lhe deu as primeiras lições ao piano e aos 13 ingressou no Conservatório de Petrogrado.

Sua carreira como pianista foi promissora graças a sua 1ª Sinfonia, escrita aos 19 anos, ainda como aluno do conservatório que lhe deu reputação internacional. Ela foi incluída no repertório de maestros como Bruno Walter, Leopold Stokowsky e Arturo Toscanini. 

A 2ª Sinfonia, denominada Sinfonia de Outubro, foi composta quando tinha 21 anos e dedicada ao 10º aniversário da Revolução. Mais tarde compôs para teatro e cinema. São dessa época a ópera Lady Macbeth de Mtsensk e O Nariz, mais os balés A Idade de Ouro e O Parafuso. 

Nos anos de 1930, as restrições colocadas à arte de Shostakovich deixaram-no desiludido. Temendo ser desaprovado por seu público, seguiu Beethoven, Tchaikovsky e Mussorgsky ao escrever música com temas profundos.

Sua arte representou também o triunfo da revolução e interpretou com otimismo a vida soviética.

Após a guerra, sua produção se manteve alta até os últimos cinco anos de vida, quando graves problemas físicos começaram a limitar seus movimentos. Nessa época suas obras já entravam para a imortalidade e suas peças passaram a ser executadas pelas orquestras e rádios pelo mundo afora. 

Sua música contém temas do folclore e música popular russa, jazz e tradicionais de Bach. Sua 5ª Sinfonia foi aclamada por todos e é sua obra mais conhecida. 

Dignas de atenção são a 4ª Sinfonia, a 7ª Sinfonia e a 10ª Sinfonia, considerada a mais bem escrita. Dmitri Shostakovich é uma figura que se destaca pela qualidade artística. 

22/02/2017

Você já parou pra pensar o quão difícil deve ser fazer música sem poder ouvi-la? Como saber se está tudo harmônico e afinado sem o principal sentido para a música, a audição? Isso aconteceu com Beethoven, que aos 28 anos começou a perder a audição e compôs a Sinfonia nº 9 já totalmente surdo.

Também não deve ser fácil ter seus movimentos limitados e não poder mais se dedicar à música como aconteceu com Dmitri Shostakovich ou se destacar no meio da música clássica tão rapidamente como George Gershwin e morrer cedo, aos 38 anos, aproveitando tão pouco de sua glória no meio musical.

Neste mês, aprendemos um pouquinho mais sobre esses três grandes nomes da música clássica que foram também exemplos de persistência e dedicação ao que eles mais amavam. Suas obras também foram importantes na trilha sonora do filme Fantasia 2000.

Como seu nome já diz, o filme Fantasia 2000 foi feito para comemorar a virada do século e é também uma continuação do filme Fantasia (1940).

Sua trilha sonora foi realizada pela Orquestra Sinfônica de Chicago com o condutor musical James Levine. O filme apresenta oito segmentos que incluem músicas como a Sinfonia nº5 de Beethoven, Rhapsody In Blue de George Gershwin, Piano Concerto nº2 de Dmitri Shostakovich e Ave María de Leopold Stokowski.

Não deixe de assisti-lo e de aprender um pouco mais sobre a história da música clássica que é a peça principal deste filme!

08/03/2017

Neste mês de homenagens às mulheres não poderíamos deixar de homenagear também nossa criadora, aquela a quem somos gratas por ter criado esta Ordem tão linda, nossa mãe Mick. 

Vamos conhecer um pouquinho de sua história?

Ethel T. Wead Mick, nasceu no dia 9 de março de 1881, na cidade de Atlantic, Iowa, filha de William Henry Wead e Elizabeth Delight Hutchinson Wead, a mais nova dos filhos do casal. 

Estudou Medicina no Creighton Medical College em Omaha, onde conheceu William Henry Mick, também estudante de Medicina, com o qual se casou em maio de 1904. Deste casamento nasceram duas filhas.

Entre seus hobbies, a Senhora Mick se dedicava ao canto e à pintura a óleo em porcelana chinesa. Colaborava em diferentes clubes de amizades e cívicos. Um desses, a Maçonaria, o que culminou com a criação das Filhas de Jó Internacional. 

Sua mãe, religiosa, lia todas as noites trechos da Bíblia, fazendo sempre referência ao Livro de Jó, do qual recebia grandes lições de literatura e drama, e Ethel alimentava a esperança de que tendo uma filha, esta seria: “Justa como uma Filha de Jó”. Por isso, decidiu doar parte do seu tempo e talento, para tornar possível a todas as moças compartilharem dos privilégios que ela possuía.

Depois de diversos anos de estudos e considerações, com a participação de seu marido, Dr. William H. Mick, e outros colaboradores, ela fundou a Ordem, em memória à sua mãe, Sra. Elizabeth D. Wead.

Foi Suprema Guardiã da Ordem de 1921 a 1922, no Bethel #01 dos Estados Unidos, que hoje leva o seu nome, Bethel Wead Mick. Vindo a falecer em 21 de fevereiro de 1957.

Só temos que agradecer a ela por nos dar a oportunidade de participar das Filhas de Jó Internacional e por isso nós a homenageamos. Obrigada mãe Mick, por ter nos dado o privilégio de participarmos desta Ordem maravilhosa que você criou e que com certeza fez e ainda faz uma grande mudança na vida de cada uma de nós!!

Também não poderíamos nos esquecer do Dia Internacional da Mulher. Parabéns a vocês, mulheres, que lutam todos os dias para um mundo mais justo e melhor. FELIZ DIA INTENACIONAL DA MULHER!!!

29/03/2017

Filme: Nise: O Coração da Loucura (Classificação = 12 anos) 
 
Nise da Silveira foi uma mulher pioneira, foi uma psiquiatra formada na Faculdade de Medicina da Bahia em 1926, ainda na graduação apresentou um estudo sobre a criminalidade da mulher no Brasil e na sua formatura era a única mulher dentre os 157 alunos. 
 
Foi uma senhorinha alagoana que agigantou a humanidade ao cuidar de brasileiros rejeitados e excluídos pela sociedade. Ela se rebelou contra a psiquiatria a base de choques e propôs um tratamento humanizado, que usava a arte para reabilitar os pacientes. 
 
Ficou presa de 1934 a 1936, durante o Estado Novo, acusada de envolvimento com o comunismo e ainda na prisão conheceu o escritor Graciliano Ramos, o qual a cita em seu livro “Memórias do Cárcere”. 
 
O filme “Nise: O Coração da Loucura” conta a sua história num hospital psiquiátrico no subúrbio do Rio de Janeiro após sair da prisão. Ela se recusou a seguir o tratamento da época, que incluía choque elétrico, camisa de força e isolamento. Foi transferida para o Setor de Terapia Ocupacional do hospital que era visto com desprestígio na época. 
 
Foi nesse setor que Nise iniciou sua revolução, ao invés de usar o manicômio onde trabalhava para silenciar os pacientes, transformou-o em uma experiência de reconhecimento e fez com que os pacientes, ou clientes como preferia chamar, fossem autores de obras que hoje são expostas no Museu de Imagens do Inconsciente, no Rio de Janeiro (RJ). 
 
Ela conseguiu acessar o, até então, mundo interno e inatingível do esquizofrênico, revelando suas emoções e fez com que a arte marcasse o renascimento daquelas pessoas na sociedade. 
 
Nise ajudou a escrever a história da psiquiatria, apontou falhas, contestou práticas e demonstrou soluções, dando novos rumos aos tratamentos e às relações entre psiquiatras e pacientes. Ela tratou a loucura com carinho e fez dela um motor de vida. 

05/04/2017

No dia 2 de abril comemoramos o Dia Mundial de Conscientização do Autismo. Este transtorno é formado por um grupo de desordens complexas do desenvolvimento cerebral e levam a uma dificuldade de interação social, comportamentos repetitivos e pode ser acompanhado por outros distúrbios físicos e/ou mentais. 
 
O livro “O que me faz pular” conta um pouco da vida de um garoto com autismo e sua visão das relações com o mundo. Foi escrito pelo garoto Naoki aos 13 anos e conta sua própria história. Ele possui autismo severo que muitas vezes manifesta comportamentos tidos como estranhos ou inadequados pelas pessoas, como repetir palavras e frases sem sentido ou evitar contato visual, assim como uma grande dificuldade de se socializar. 
 
Apesar das dificuldades, Naoki teve a ajuda da mãe e de uma professora que o ajudaram a aprender como se expressar. Sua história mostra que essas pessoas não devem ser tidas como invisíveis ou indiferentes ao mundo, são pessoas tão complexas quanto qualquer um de nós, com senso de humor, empatia e imensa imaginação. 
 
As poucas páginas mostram um pouco mais a respeito das frágeis pessoas que convivem com suas dificuldades dia após dia como fortes lutadores, lutadores estes, que tem como ringue o ambiente em que vivem, e tem como adversários pessoas e tarefas. É difícil ser esse tipo de lutador, mas cada vitória para eles é muito mais gratificante que as nossas, pois há um sentido, coragem e vontade em tudo que fazem.  

12/04/2017

Filme: O Cérebro de Hugo 
 
O filme retrata principalmente o autismo em sua forma Asperger, no qual as pessoas apresentam dificuldade de interação social, comunicação não verbal, comportamentos repetitivos e interesses restritos. 
 
Ele retrata a história do personagem Hugo. Assim que ele nasceu, seus pais já perceberam que ele tinha dificuldades para interagir, chorava sem parar e tinha alguns comportamentos “estranhos”. Hugo também tinha dificuldades na escola, não tinha amigos e seu aprendizado era diferenciado, sendo um gênio na matemática e no piano. 
 
Além de retratar a realidade de vida do personagem e sua dificuldade de convivência com as outras pessoas, o filme também apresenta depoimentos de outros autistas e de familiares, mostrando as dificuldades que eles têm em construir relacionamentos, viver em sociedade, trabalhar e os preconceitos que sofrem. 
 
O filme mostra também a trajetória dos tratamentos psicológicos e critica o sistema de ensino que rejeita as crianças autistas por dificuldade de aprendizado. É um documentário francês baseado em fatos reais que mostra um pouco da realidade dessas pessoas e dos que estão a sua volta.  
 
É uma ótima reflexão de como lidar com as diferenças e respeitar as dificuldades e limitações dos outros! 

19/04/2017

Você já parou pra pensar que tem dias que a única coisa que fazemos é esquecer os pontos positivos de tudo o que estamos vivendo e ver apenas as coisas ruins? Todos nós temos nossos altos e baixos, mas o modo como lidamos com eles pode mudar o desfecho das situações. 
 
Para conquistar o que possuímos agora, os dias foram de muito desejo e a gratidão pelo que alcançamos, mesmo que pareça ser algo tão pequeno, deve ser exercitada. A gratidão promove a reciprocidade e o espírito de solidariedade sai criando asas. 
 
Passe por cada degrau e relembre cada episódio. Pare e pense naqueles que ali estiveram com você, naqueles que seguraram a sua mão, quando você não conseguia mais continuar, naqueles que te abraçaram, quando tudo estava confuso. 
 
Pense naqueles que te guiaram e que tornaram seu fardo mais leve, permitindo que a subida fosse possível. Quem sabe um agradecimento tardio não motive alguém que já esta se desfalecendo... A vida é simples e movida por estímulos. 
 
E lembre-se: um dia você desejou quase todas as coisas que tem agora!!! 

26/04/2017

Você já ouviu falar do frevo? O Frevo é um ritmo tipicamente pernambucano que surgiu entre os séculos XIX e XX. Seu nome se origina da palavra ‘ferver’ e significa agitação, esse termo foi usado pela primeira vez por um jornal chamado Pequeno em 1908. Em 2012 o Frevo foi considerado patrimônio imaterial da humanidade pela UNESCO. 
 
Originalmente ele não tem letra e só é tocado por uma banda, a dança surgiu do ritmo mais rápido nos desfiles antigos de carnaval, quando jogadores de capoeira abriam o caminho para os músicos passarem pela multidão. O frevo mistura passos de ballet, capoeira e cossacos. 
 
É uma dança complexa, com passos complicados e muita improvisação, mistura rodopios, gingados e malabarismos. Os dançarinos utilizam ainda uma sombrinha colorida enquanto dançam e demonstram muita técnica. 
 
O carnaval de Olinda é o carnaval do frevo, que pode ser considerado o carnaval mais popular do país, embora não seja o maior. Isso porque no carnaval do frevo não existem escolas de samba, sambas-enredo ou trios elétricos, ou seja, o carnaval é realizado pelo povo, pelas famílias que saem nas ruas para a folia. 

02/05/2017

Livro: Os Dragões Não Conhecem o Paraíso 
 
Os Dragões Não Conhecem o Paraíso (1988) foi um dos últimos livros de Caio Fernando Abreu publicados em vida. 
 
É um livro de contos, 13 no total, cada um independente dos outros, mas que também se associam para formar uma única história; seu tema em comum? O amor. Caio Fernando Abreu lida com este sentimento de uma forma única, ele desconstrói a paixão e a remonta de forma livre e ao seu modo: torto e imperfeito, como era comum a ele. 
 
Tudo é uma brincadeira bonita que dão aos contos um ar poético e encantador. É um livro marcante, onde prosa se confunde e se mistura com poesia. Caio Fernando consegue poetizar até coisas ‘impoetizáveis’. Um livro para ser lido e relido, interpretado e reinterpretado. Nada é o mesmo em uma segunda leitura, e esse romance mostra muito bem isso. 
 
“Então, que seja doce. Repito todas as manhãs, ao abrir as janelas para deixar entrar o sol ou o cinza dos dias, bem assim: que seja doce. Quando há sol, e esse sol bate na minha cara amassada do sono ou da insônia, contemplando as partículas de poeira soltas no ar, feito um pequeno universo, repito sete vezes para dar sorte: que seja doce que seja doce que seja doce e assim por diante.”. (p.148) 

24/05/2017

Você já assistiu o filme “Up – Altas Aventuras”? Sim?! Ótimo, então agora é o momento de refletirmos sobre ele. 
 
Ele conta a história de Carl, um velho rabugento que faz uma última viagem, em que ele toma uma decisão: a de ter uma morada no lugar onde sua falecida esposa mais queria, no “paraíso das cachoeiras”. Para isso ele leva sua casa pelos ares, guiada por balões, por todo o continente até chegar no lugar pretendido e lá ele passa por grandes aventuras. 
 
Maas... O que isso tem a ver com a reflexão? Bom, é simples, vemos no começo do filme um Carl totalmente diferente, cheio de sonhos e motivado por aventuras, certo? O tempo vai passando e junto seu entusiasmo também se vai, ele se torna um velho rabugento que não gosta muito de ser atormentado, até que um dia ele encontra um garotinho cheio de sonhos e muito entusiasmo que o ajuda em sua aventura. 
 
Bom, agora vamos pensar um pouco em nós... Na escola, no trabalho, na Ordem, na nossa vida como um todo, pense em como éramos animados e cheios de sonhos, talvez estudar o suficiente para chegar ao curso que você quer, buscar o trabalho que você sonha, enfim, todos os tipos de sonhos, do mais simples ao mais complexos. 
 
Agora pense em você neste momento... Pense no que o tempo pode ter tirado de você, “tudo bem se eu não fizer o curso que eu quero, o importante é passar de ano” ou “talvez eu possa achar um trabalho mais fácil, mesmo não sendo aquele que eu realmente quero” se isso aconteceu, você se tornou aquele velho rabugento do filme! 
 
Voltando ao filme, Carl tinha um garotinho ao seu lado, cheio de sonhos e com um espírito aventureiro, talvez o mesmo garotinho que ele era há alguns anos, talvez o mesmo espírito aventureiro que ele tinha e se perdeu com o tempo. 
 
E você, quer ser esse velho rabugento sem sonhos ou o garotinho entusiasmado e cheio de sonhos e aventuras para viver? Lembre-se, as melhores oportunidades estão nas dificuldades!! 

31/05/2017

A arte da capoeira é uma mistura de esporte, luta, dança, cultura popular, música e brincadeira. Para jogar capoeira é preciso habilidade e força, além de integração e respeito entre os parceiros. 
 
Sua diferença em relação às outras lutas é que ela utiliza a música, cujo ritmo é ditado pelo berimbau, agogô e atabaque. 
 
Foi desenvolvida por escravos africanos trazidos ao Brasil, principalmente na Bahia e difundiu-se por vários estados, como o Rio de Janeiro, São Paulo e Pará. Além de ser utilizada para defesa física, também foi uma forma de resguardar a identidade dos escravos africanos. 
 
A capoeira é disputada por duas pessoas que se defrontam no meio de uma roda formada por outros capoeiristas, ao som de palmas e berimbaus e o objetivo do jogo é derrubar o adversário.  
 
A base do jogo é a ginga, que é a forma mais importante de ataque e defesa do capoeirista. Seus movimentos são rápidos e complexos, usam-se os pés, as mãos e a cabeça. 
 
A prática da capoeira trabalha a coordenação motora, flexibilidade, equilíbrio e destreza, alivia as tensões, proporciona criatividade e liberdade de movimentos, é uma junção de todas as coisas boas que precisamos e nosso dia a dia! 

07/06/2017

Neste mês de junho vamos falar sobre a cultura tipicamente brasileira e conhecer um pouco mais sobre os livros do nosso país. Não falo só daqueles livros que são importantes para o vestibular ou que vemos na escola, estes são muito importantes, mas falo aqui sobre alguns livros pouco conhecidos e que são verdadeiras obras de arte... 
 
Livro: Luzes de Emergência se Acenderão Automaticamente – Luisa Geisler 
 
É um romance surpreendente, emocional e sobre as incertezas do amadurecimento. O livro narra o crescer e os conflitos da passagem da juventude à vida adulta. 
 
Henrique, ou Ike, leva uma vida normal de um adolescente, mas tudo muda quando seu melhor amigo, Gabriel, bate a cabeça num acidente banal e, pouco tempo depois, é hospitalizado em coma.  
 
É então que Ike começa a escrever. São cartas para o amigo, como uma conversa, sendo uma forma de informar as coisas que Gabriel está perdendo. Para “quando tu acordar”, diz ele. “Queria saber quando tu ia acordar, como tu tá, o que tem acontecido, se tem algo que dê pra fazer”, escreve Henrique.  
 
Nas cartas, ele escreve sobre pequenas descobertas e decepções a um amigo que, talvez, nunca acorde e enquanto escreve, ele mesmo vai acordando para a vida, como se a escrita o despertasse para si. 
 
A história começa em torno de Gabriel, da sua família e amigos, continua falando da vida do próprio narrador, seus problemas e dificuldades, e termina na grande confusão que é encontrar seu lugar no mundo ao se ver com os problemas, grande e pequenos, da vida. 
 
O livro passa pelos pequenos dilemas, pelos encontros e desencontros, ânsias e questões que jovens podem ter num mundo como o nosso. Este livro nos leva a entender a geração que está crescendo e mostra também que crescer é um momento difícil em qualquer época. 

14/06/2017

E para continuar com nosso mês sobre os livros brasileiros, nada melhor do que falar de uma de nossas irmãs, é isso mesmo, uma Filha de Jó autora, que orgulho!! 
 
A irmã Carol Nery é uma Filha de Jó e escritora de dois livros: “Paralelas que se cruzam” e “Docemente passarinho”. Vamos conhecer um pouquinho mais sobre esses livros? 
 
O que é mais importante para um jovem que está prestes a entrar na vida adulta: ter uma vida lotada de qualificações ou seguir seu coração e ser feliz? Aos quase 18, Mari se sentia tão sufocada por tudo e todos que, portando apenas a sua rebeldia, decidiu arriscar: livrou-se da pressão pré-vida-adulta de um jeito único. E tudo isso mereceu constar nos registros do livro Docemente Passarinho. 
 
Agora o que você faria se descobrisse que tudo o que você é só existe porque alguém pensou e escreveu? Essa é a história de Thayná, uma libriana dos cabelos negros e levemente ondulados de 17 anos, que descobriu que sua vida era escrita por outra pessoa e não pelos deuses de sua religião. A Estrela do Amanhã, filha de uma descendente de indiana com um descendente de indígena, aventurou-se e rendeu boas histórias que preencheram as páginas do livro Paralelas que se Cruzam.  
 
E o mais legal de tudo isso é que, no dia 8 de setembro, nossa irmã irá lançar seu livro Paralelas que se Cruzam, na Bienal do Livro no Rio de Janeiro, não é demais?!  

21/06/2017

Livro: A Chave de Casa – Tatiana Salem Levy 
 
Tatiana é autora/personagem deste livro e nele conta uma lenda do seu país de origem. A lenda diz que os judeus que eram perseguidos pela inquisição e deixavam suas casas levavam suas chaves na esperança de um dia retornar. Ela também descobriu que seu avô ainda guardava a chave de casa. Conheça um pouco de “A Chave de Casa”: 
 
“Sem me levantar, pego a caixinha na mesa-de-cabeceira. Dentro dela, em meio a pó, bilhetes velhos, moedas e brincos, descansa a chave que ganhei do meu avô. Tome, ele disse, essa é a chave da casa onde morei na Turquia. Olhei-o com expressão de desentendimento. Agora, deitada na cama com a chave nas mãos, sozinha, continuo sem entender. E o que vou fazer com ela? Você é quem sabe, ele respondeu, como se não tivesse nada a ver com isso. As pessoas vão ficando velhas e, com medo da morte, passam aos outros aquilo que deveriam ter feito mas, por motivos diversos, não fizeram. 
 
E agora cabe a mim inventar que destino dar a essa chave, se não quiser repassá-la adiante. 
 
(...) 
 
E agora o que ele quer? Que eu vá atrás da sua história, recuperar o seu passado? Por que essa chave, essa missão descabida?” 
 
Descubra o que aconteceu nesta grande aventura de Tatiana em busca de conhecer seu passado e até semana que vem! 

28/06/2017

“Quando Ada morreu, as roupas ainda não tinham secado. O elástico das calças continuava úmido, as meias grossas, as camisetas e as toalhas de rosto penduradas do avesso, nada estava pronto. Havia um lenço de molho dento do balde. Os potes de recicláveis lavados na pia, a cama desfeita, os pacotes de biscoitos abertos em cima do sofá – Ada tinha ido embora sem regar as plantas. As coisas da casa prendiam a respiração e esperavam. Desde então, a casa sem Ada é de gavetas vazias.” 
 
É assim que “Noites de Alface” de Vanessa Barbara se inicia. Otto e Ada viveram juntos na casa amarela por muitos anos, até que um dia Ada morre, e Otto tem que lidar não só com a perda da esposa, mas com a solidão que chega depois de anos pensando e fazendo tudo em dupla.  
 
Infeliz com a perda da esposa, ele mistura memórias dela com observações que vai fazendo da vizinhança da cidadezinha do interior, “adivinhando” o que acontece nas outras casas a partir do que Ada lhe contara, e dos barulhos que escuta. 
 
Aos poucos vamos conhecendo a vizinhança, de tornando-a tão palpável e carismática ao ponto de prender a atenção mesmo que o que esteja retratado ali seja mero cotidiano. 
 
É um livro cheio de humor e que nos faz ler com aquele sorriso no canto do rosto, não só pelas histórias engraçadas, mas também por cada personagem nos lembrar alguém que conhecemos. 
 
Otto começa a suspeitar que algo havia acontecido com sua mulher em vida e então chega o momento do mistério, e o livro se desenrola em uma trama policial. 
 
Quer saber o que aconteceu e desvendar este mistério? Então mergulhe as páginas desse livro e até semana que vem!!! 

05/07/2017

O mês de julho está começando e com ele chegam as férias, mas o que fazer nas férias? Bom, nesse mês vamos dar a vocês algumas dicas de lugares muito interessantes para visitar. Então prepare sua mala e embarque nessa viagem de férias com a gente!! 
 
O Museu da Vida, localizado no Campus da Fundação Oswaldo Cruz, engloba artes, saúde, ciência, cultura, diversão e educação em um só lugar. Seu território conta com locais como: 
 
• O Parque da ciência: nele você pode escalar uma célula gigante, criar luz sem energia elétrica e entender o funcionamento do olho humano; 
 
• Pirâmide: é onde o visitante se transforma em um verdadeiro cientista, usando equipamentos de pesquisa e realizando experimentos; 
 
• Tenda da ciência: o público pode assistir a peças de teatro e se encantar com suas histórias; 
 
• Epidauro: nele a ciência e a arte se encontram em atividades que desafiam e exploram os cinco sentidos; 
 
• Castelo Mourisco: é como fazer um passeio no Rio de Janeiro do início do século 20, nele encontramos exposições e intervenções teatrais; 
 
• Borboletário Fiocruz: nele é possível conhecer espécies fascinantes de borboletas, assim como seus hábitos alimentares e reprodutivos; 
 
• Salão de exposições temporárias: é um espaço próprio para apresentação de exposições temporárias, ou seja, sempre terá um surpresa te aguardando nesse lugar. 
 
Ficou curioso? Não perca a chance de visitar este lugar maravilhoso! O Museu da Vida funciona de terça a sexta, das 9h às 16h30 e aos sábados das 10h às 16h. Para mais informações acesse: http://www.museudavida.fiocruz.br/ 

12/07/2017

A Casa da Ciência está localizada na UFRJ e conta com exposições, oficinas, ciclos de palestras, cursos, workshops, audiovisual e teatro. É um lugar no qual os visitantes são motivados a fazer suas próprias descobertas, a partir de atividades que provoquem a curiosidade de buscar respostas. 
 
Algumas das exposições que já passaram por ali são: Cidade Acessível, Nós do Mundo, Portinari – Arte e Meio Ambiente, Cadê a Química?, Energia Nuclear e muito mais.  
 
De 14 de junho a 27 de agosto o tema da exposição será: “AEDES: que mosquito é esse?”. 
 
Não perca essa oportunidade de conhecer um pouco mais sobre esse lugar incrível.  
 
Para mais informações acesse: http://www.casadaciencia.ufrj.br/ 

19/07/2017

São Luiz do Paraitinga é a cidade onde nasceu o renomado médico sanitarista Dr. Oswaldo Cruz, e conta com diversas atrações. Vamos conhecer um pouquinho delas? 
 
* CASA “DR. OSWALDO CRUZ": construída em 1834 com paredes internas de pau-a-pique, é a casa onde nasceu Oswaldo Cruz, importante médico sanitarista brasileiro. Em seu interior funcionam a Casa do Artesão e a Biblioteca Municipal. A casa já foi Museu e hoje pretende-se transformá-la num Centro Cultural. 
 
* CARNAVAL DE MARCHINHAS: É considerado o melhor carnaval de marchinhas do estado de São Paulo e atrai milhares de foliões que lotam as ruas e ladeiras para dançar as marchinhas criadas pelos próprios moradores da cidade. Um dos blocos mais conhecidos é o Juca Teles, outra atração do carnaval são os bonecões que desfilam durante as passagens dos blocos. 
 
* CAPELA NOSSA SENHORA DAS MERCÊS: foi construída em taipa no fim do século XVII e ainda conserva as características da época. Os sinos são originais, assim como os detalhes em seu interior com um altar em madeira, uma imagem da Santa e os escudos que figuravam nas armas de Portugal na época do Brasil colônia.  
 
* MERCADO MUNICIPAL: Construído no final do século XIX, possui forma de um quadrilátero todo em arcadas com a parte central descoberta e contornado por um corredor. Além da venda e troca de mercadorias, tem também em seu interior alguns botequins que servem o tradicional “afogado” prato típico da cidade e serve para algumas manifestações culturais, tais como: a Festa do Divino, a Semana da Canção e o Arraiá do Chi Pul Pul. 
 
* FESTA DO DIVINO ESPIRITO SANTO: é uma festa tradicional que surgiu no começo do século XIX e é considerado o evento mais importante do município. O evento ocorre 40 dias após a Páscoa e durante os 10 dias de festa do Divino a cidade para. O evento atrai todos os anos inúmeros grupos folclóricos de danças típicas como Congada, Moçambique, Catira, Dança de Roda, Dança de Fita e também brincadeiras como Pau de Sebo. Essas apresentações ocorrem por todo o dia simultaneamente na praça Oswaldo Cruz e redondezas. 
 
Além disso, a cidade também tem cachoeiras, trilhas, montanhas, arborismo, moutain bike, rafting, rapel e muitas outras atrações para conhecer. É realmente um lugar cheio de atrações e coisas lindas para se ver, não deixe de visitar e conhecer cada uma delas.  

26/07/2017

E nesta última semana de férias, encerramos nosso tour cultural com o Aquário de São Paulo. Vamos conhecer um pouco mais sobre ele?! 
 
Considerado uma referência em tratamento e exposição de animais, o Aquário de São Paulo é o maior aquário da América Latina e o único totalmente tematizado.  
 
As florestas brasileiras são retratadas no primeiro setor, dedicado à água doce, e onde são abordados temas como poluição dos rios e espécies ameaçadas de extinção. Nesta ala é possível conhecer os famosos filhotes de jacarés albinos, que deram visão internacional ao Aquário de São Paulo, por serem os únicos em exposição no mundo, além de jacarés, lagartos, iguanas e serpentes. 
 
O oceanário é um verdadeiro mergulho no mundo marinho. Os visitantes embarcam em um submarino naufragado, cercado de tubarões e raias. O mangue, o costão e a rica variedade de formas e cores das espécies dos oceanos também se fazem presentes. 
 
Por fim, o Setor Mamíferos, um fascinante passeio em meio à selva amazônica. Visores gigantes apresentam o Tapajós, um filhote de peixe-boi. Macacos, tucanos, lontras e tamanduá complementam esse passeio. 
 
Visite o Aquário de São Paulo e não perca esse passeio inesquecível! 

02/08/2017

Hoje tem início a Semana da Cultura Nordestina, isso porque o dia 2 de agosto é o dia que marca a morte do símbolo desta cultura, Luiz Gonzaga. Ele sempre cantava letras descrevendo os costumes e a realidade do sertão nordestino para todo o Brasil. 
 
Essa cultura teve influências indígenas, europeias e africanas e hoje é ímpar em sua genialidade e exclusividade. O Nordeste é a preferência nacional quando se trata da escolha para o destino de viagens de férias, essa gigantesca cultura é rica em sua gastronomia, festas juninas e religiosas, poesia popular, música, danças, artesanato e cordel. Vamos conhecer um pouco mais sobre o Cordel?! 
 
O termo “Cordel” é de herança portuguesa que foi introduzida no país em fins do século XVIII. No Brasil, a literatura de cordel adquiriu força no século XIX, principalmente entre 1930 e 1960 e influenciou diversos escritores, por exemplo: João Cabral de Melo Neto, Ariano Suassuna, Guimarães Rosa. 
 
É por meio da oralidade e da presença de elementos da cultura brasileira que ela possui uma importante função social: informar e divertir os leitores. Em sua origem, muitos poetas vendiam seus trabalhos nas feiras das cidades.  
 
Diferente da literatura tradicional, a literatura de cordel é uma tradição literária regional. Sua forma mais habitual de apresentação são os folhetos, pequenos livros com capas de xilogravura que ficam pendurados em barbantes ou cordas, daí surge seu nome. 
 
Em relação à linguagem e o conteúdo, a literatura de cordel tem como principais características uma linguagem coloquial (informal), uso de humor, ironia e sarcasmo, temas diversos e presença de rimas, métrica e oralidade 
 
Gostou? Procure conhecer mais sobre essa rica cultura do Nordeste! 

09/08/2017

No dia 12 de agosto comemoramos o dia nacional das artes. Esta data celebra todas as atividades artísticas conhecidas, como teatro, cinema, literatura, circo, pintura e etc. 
 
A história é atravessada pelas artes, estas existem por uma necessidade de compreensão de nossa situação no mundo. Em cada época, as artes mostram a evolução e preocupações do ser humano.  
 
Vamos conhecer um pouco mais sobre a evolução da arte? A arte rupestre era usada pelos povos pré-históricos, suas pinturas eram feitas em cavernas e revelavam rituais e cenas do cotidiano. 
 
A arte cristã alcançou seu apogeu na Idade Média e no início do Renascimento. Nesse mesmo período, houve também o aparecimento da arte islâmica e da arte bizantina que fizeram parte da tradição artística tanto europeia quanto do Oriente Médio e do Norte da África. 
 
Já na Idade Moderna formaram-se as escolas artísticas. Elas foram superando umas às outras. Foi o caso da escola barroca, do classicismo, do romantismo, do impressionismo e do expressionismo. O modernismo apresentou, por sua vez, propostas radicais que serviram de modelo para todo o século XX e ainda continuam servindo à arte praticada no século XXI. Foi o caso do fauvismo, do surrealismo, do cubismo, do dadaísmo, etc. 
 
Isso mostra que cada momento do nosso dia tem um espacinho para a arte, então não perca tempo e comemore este dia da forma mais artística possível, visite um museu, vá a uma peça de teatro, um espetáculo musical, ao cinema, a um show, ao circo, leia um livro, assista a um espetáculo de dança e conheça as tantas outras artes que existem.  
 
Mas não busque a arte apenas no dia da arte, busque um pouquinho dela todos os dias, para que eles sejam mais inspiradores! 

16/08/2017

Filme: Intocáveis 
 
Às vezes, tudo o que precisamos é de um empurrãozinho para enxergar o lado bom das coisas. Uma boa ação, um sorriso ou um filme com uma mensagem positiva podem mudar radicalmente o seu dia e inspirar você a mudar!! 
 
E é por isso que hoje vamos falar do filme Intocáveis.  
 
É um filme francês que retrata como alguém pode ajudar o outro mesmo que as condições sejam quase impossíveis.  
 
Philippe é um homem extremamente rico e culto que devido a um acidente ficou tetraplégico. Já Driss é um jovem que vive em condições precárias e que já até cometeu alguns atos que o levaram para a prisão.  
 
Driss é contratado por Philippe para ser seu assistente pessoal, cuidando de suas necessidades básicas e o ajudando em determinadas tarefas que são impossíveis para um tetraplégico. 
 
Apesar de inicialmente Driss nem estar interessado nesse trabalho e não ser nada indicado para cuidar de alguém com uma condição tão frágil, Philippe decide dar ao rapaz uma chance. Essa chance dada não foi porque ele viu um potencial no jovem, mas simplesmente porque Philippe estava cansado de ser tratado de forma “cuidadosa”, como se ele fosse quebrar a qualquer momento e Driss o tratava normalmente, falava com ele fazendo piadas e muitas vezes até esquecia a sua real condição física. Isso fazia com que Philippe se sentisse mais humano e mais vivo. 
 
É um filme que mostra duas pessoas de mundos diferentes, de educação diferentes e que ao se encontrarem fazem deste o momento mais enriquecedor de suas vidas, cheio de ensinamentos e amor.  

23/08/2017

“Poema Maçônico 
 
Da vida nós aprendemos e reaprendemos 
A construir escolhas e decisões 
Lapidando a nossa pedra bruta 
Em cima de uma escadaria que leva ao céu 
Talvez não igual ao céu comum 
Mas com certeza um céu justo e perfeito 
Com esquadro e compasso damos forma 
E nossa pedra vai polindo e polindo cada vez mais 
Na sua poeira leva lembranças, alegrias e dores 
E o que fica resplandece a luz do Oriente 
Com uma régua de 24 polegadas sinto que posso medir tudo 
Medir o coração, a vida que passa, pois brancos e pretos 
É o que vejo no quadriculado da minha caminhada 
Sobre a espada templária componho versos 
Sobre o grande olho faço minha remissão e confissão 
Não se pode entender o mistério, é segredo 
Mas um segredo que nos constrói guardar 
Entre sinais abro as portas do meu templo 
Para o mundo, para minha dimensão 
no meu pedaço de céu nos degraus da escada de Jacó 
Entre as colunas da vida e da morte 
Um doce dualismo que só a alma entende 
Tão doce quando as romãs 
tão extensa quanto uma corda de 81 nós 
E ainda sim cabe na abóboda azul celeste 
Do meu céu, meu Oriente 
Minha Ácácia...” 
 
Autor: César Frozza 
 
No dia 20 de Agosto comemoramos no Brasil o dia do Maçom, data importante para agradecer a todos aqueles que nos deram sua herança maçônica e que são também responsáveis pela grandiosidade que nossa Ordem alcançou. 
 
Parabéns a todos os Tios!!! 

30/08/2017

Livro: Meninas que adestram lobos – Mara Chan 
 
SINOPSE: "Este livro aborda situações em que vivem as pessoas que sofrem de uma doença crônica e autoimune chamada Lúpus. Noventa por cento dos atingidos são mulheres. Mulheres que, de repente, depararam-se com uma transformação em suas vidas, sem muitas vezes receberem informações e atenção exata no momento em que mais precisam. Mulheres que assim como eu, em algum momento da minha vida, tenho sentido como se houvessem me empurrado para dentro de um trem, rumo à uma viagem desconhecida, sem direito a uma passagem de volta. Mulheres frágeis, sensíveis e delicadas. Sinceras e transparentes ao ponto de não saberem esconder seus medos, lágrimas e incertezas perante um mundo que não as compreendem. Mulheres ousadas para lutar, mesmo com a fragilidade de meninas." 
 
Em “Meninas que adestram lobos”, encontramos mulheres fortes, que se depararam com essa doença ainda pouco conhecida e que tiveram força de vontade para seguir em frente. Mara Chan, nos mostra os problemas enfrentados diariamente por pessoas que vivem ligadas a uma fragilidade física, mas que são fortes a ponto de suportar cada obstáculo e, mesmo diante de todas as dificuldades, seguem com fé e esperança. 
 
Fala sobre as mulheres que adestraram seus lobos e hoje podem contar seus relatos. É um livro que nos permite conhecer mais sobre a doença e nos ensina que nem tudo está perdido. 
 
É cheio de histórias de superação, força e esperança de que tudo na vida pode ser suportado e superado, só basta acreditar! 

13/09/2017

O mês de setembro é o mês que busca conscientizar e alertar a população sobre o suicídio, esse mês foi escolhido, pois o dia 10 de setembro é considerado o Dia Mundial da Prevenção ao Suicídio. Neste dia realizam-se cerca de 600 atividades em 70 países do mundo para se conseguir salvar vidas. 
 
Trinta e duas pessoas cometem suicídio por dia no Brasil e ele pode ser evitado em mais de 90% dos casos. O Setembro Amarelo é uma iniciativa da Associação Brasileira de Psiquiatria, em parceria com Associação Médica Brasileira, Conselho Federal de Medicina, Federação Nacional dos Médicos, Sociedade Brasileira de Neuropsicologia, Cruz Vermelha, Centro de Valorização da Vida, Exército Brasileiro e o Ministério Público de São Paulo, para a conscientização e alerta ao suicídio.  
 
Um pequeno gesto de conversar e ouvir a outra pessoa pode mostrar que ela não está sozinha e isso a conforta. Gestos como esse são essenciais na prevenção do suicídio e são também formas de levar amor para as pessoas. 
 
Então, neste mês, tire um tempo para elogiar aquele colega e para ouvir um amigo que precisa de sua ajuda, todo mundo passa por dificuldades e um ombro amigo pode fazer uma grande diferença na vida de alguém! 
 
“A pessoa que pensa em suicídio, ela quer matar a dor, mas nunca a vida” (Augusto Cury) 

20/09/2017

O Pequeno Príncipe conta a história do menino que vivia solitário em um asteróide e, viajando pelo espaço, encontrou um aviador perdido no deserto. O filme gira em torno de uma pequena garota, que leva uma vida bastante regrada por causa da obsessão da mãe em controlar tudo à sua volta. Para confirmar este universo rígido, a animação mostra sempre o quanto tudo é retangular e cinza, sem imaginação alguma. O contraponto é justamente a casa do vizinho, repleta de cor e irregularidades, uma metáfora à própria personalidade de seu dono. 
 
É a partir do encontro entre a garota e o vizinho, um senhor que lhe conta a tal história do pequeno príncipe, que o filme ganha corpo. É neste momento que a magia entra em cena. Assim, a trama do livro “O Pequeno Príncipe” é utilizada como símbolo deste mundo colorido que, aos poucos, transforma a vida da tal garota. Então, a partir de determinado momento, o filme vai além e segue em frente na história já conhecida... 
 
E ai, você não vai perder a oportunidade de saber como esse filme termina não é mesmo? 

27/09/2017

Livro: Capitães da Areia – Jorge Amado 
 
O romance, que retrata o cotidiano de um grupo de meninos de rua, procura mostrar não apenas os assaltos e as atitudes violentas de sua vida, mas também as aspirações e os pensamentos ingênuos, comuns a qualquer criança. 
 
O descaso social com os meninos de rua é a parte principal do romance. Em todos os capítulos, esse abandono é abordado, seja por meio da reflexão dos garotos ou da dos adultos que estão ao seu lado, como o padre José Pedro e o capoeirista Querido-de-Deus, seja pelos sutis, mas mordazes, comentários do narrador. 
 
Durante o livro, conhecemos cada personagem que compõem os Capitães da Areia, suas personalidades, ambições e frustrações. Um dos capítulos mais marcantes é “As Luzes do Carrossel”, os capitães, conhecido por serem perigosos, brincam em um decadente carrossel. É um capítulo importante para mostrar uma outra visão das crianças que não de perigosos e sem recuperação, mas sim que o grupo em sua essência é um conjunto de crianças socialmente desamparadas. 
 
Outro capítulo importante é “Família”. Aqui, é mostrada a carência afetiva de um dos membros do grupo, o Sem-Pernas. O menino manco tinha grande talento para a dissimulação, por isso se especializara na tarefa de espião do bando. Nesse capítulo, ele é acolhido de forma sincera e amorosa por uma família, que o veem como o filho que havia morrido. Sem-Pernas vive então um conflito interno. Tratado como um verdadeiro filho, o garoto fica dividido entre a lealdade aos garotos que o acolheram e os novos “pais” que lhe davam o carinho e o amor que nunca havia conhecido.  
 
É um livro cheio de significados e grandes aprendizados que com certeza você vai adorar ler! 

04/10/2017

Você sabe o que é a RENCA? 
 
A Reserva Nacional do Cobre e Associados (RENCA) é uma área de 46.450 km2 criada em 1984 e bloqueada aos investidores privados. A Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM) tem exclusividade para conduzir trabalhos de pesquisa geológica para determinar e avaliar as ocorrências de cobre e minerais associados.  
 
Esta região é geologicamente favorável a ocorrências de minérios valiosos, como ouro, cobre, manganês, ferro, tântalo, diamantes, fosfato, cromo e é uma porção extremamente rica do território brasileiro. 
 
É em torno desta área que giram algumas discussões atuais, como o caso emblemático que fala sobre a extinção da RENCA, entre o Pará e o Amapá, permitindo que empresas mineradoras, inclusive estrangeiras, tenham acesso a minérios valiosos sem levar em conta os princípios da soberania nacional. 
 
Em meio a tantas atribulações com nossas riquezas, devemos sempre ter em mente que preservar esses recursos com pequenas ações em nosso dia a dia pode parecer pouco, mas faz uma grande diferença. Pode ser plantando uma árvore, separando o lixo e reciclando, o importante é cada um de nós fazermos um pouquinho mais pelo nosso meio ambiente, não se esqueça disso! 

11/10/2017

Filme: The Mask You Live In 
 
Sinopse: Documentário sobre a pressão da sociedade sobre aquilo que pode ou não ser considerado “masculino” e como isso pode afetar os nossos jovens. Em comparação com as meninas, pesquisas mostram que os homens dos EUA têm maior probabilidade de ser diagnosticado com um distúrbio de comportamento. Com depoimentos de especialistas, a pergunta que fica é “O que podemos fazer para mudar esses padrões?” 
 
O filme fala sobre o papel do homem na sociedade: desde a infância até a maturidade. Basicamente, o filme explica de uma maneira única, os fenômenos que ocorrem com os garotos e os comportamentos que são gerados nos homens adultos. O homem é criado em uma cultura que o deixa com medo de ter medo, medo de ter sentimentos, medo de ser alguém HUMANO.  
 
A pesquisa trazida pelo documentário mostra como os meninos são criados, como passam pela adolescência e como chegam à maturidade com pensamentos fechados. Não podem chorar porque é coisa de “menina”. Não podem ouvir desaforo e não fazer nada. Precisam provar o tempo todo sua masculinidade. Precisam ser fortes, os melhores em tudo. Toda a forma de pensar e agir é baseada em repressão constante.  
 
Além de mostrar como a imposição desse modelo machista prejudica os meninos aumentando a incidência de depressão e suicídio, o filme traz dados de como essa educação baseada no incentivo a uma hipermasculinidade (em casa e na escola) está diretamente ligada ao aumento do número de homicídios e também da violência contra mulheres. 
 
Esse é daquele tipo de documentário que faz você rever valores, crenças e percepções. 

18/10/2017

Você conhece a história do Halloween? 
 
A festividade acontece um dia antes da “festa de todos os santos” e, por isso, tem seu nome inspirado na expressão "All hallow's eve", que significa a “véspera de todos os santos”. 
 
Pelo fato do 1° de novembro estar cercado de um valor sagrado e extremamente positivo, os celtas, antigo povo que habitava as Ilhas Britânicas, acreditavam que o mundo seria ameaçado na véspera do evento pela ação de terríveis demônios e fantasmas. Dessa forma, o “halloween” nasce como uma preocupação simbólica onde a festa cercada por figuras estranhas e bizarras teria o objetivo de afastar a influência dos maus espíritos que ameaçariam suas colheitas. 
 
Ao chegarem à América do Norte, os irlandeses trouxeram a festa do Halloween para as Américas e transformaram a lanterna de Jack em uma abóbora iluminada com feições humanas. Os disfarces e máscaras, tão usadas pelos participantes da festa, seriam uma forma de evitar que fossem reconhecidos pelos espíritos que vagam neste dia. Atualmente, as fantasias são utilizadas por crianças que batem às portas pedindo guloseimas no lugar de alguma travessura contra o proprietário da casa. 
 
Gostou? Então prepare sua fantasia para comemorar o Halloween deste ano e até semana que vem!!! 

22/11/2017

Olá pessoal, vocês já ouviram falar de Luís de Camões? Com certeza sim, através de Os Lusíadas, na escola. 
 
Camões viveu por volta dos anos de 1550, foi um poeta nacional de Portugal, e inspirado nas obras clássicas “Odisseia”, de Homero, e a “Eneida”, de Virgílio, que são epopeias que narram as conquistas do povo grego, em Os Lusíadas, Camões narra as conquistas do povo português na época das grandes navegações, sua mais importante obra, que conta com dez cantos, 1.102 estrofes num total de 8.816 versos decassílabos. 
 
Diz a lenda, que Camões se apaixonou por uma jovem chinesa chamada Tin Nam Men, a doce Dinamene, e durante uma viagem marítima, foram pegos por uma forte tempestade que fez afundar o navio. Em meio às ondas furiosas, Camões viu de um lado a amada se debatendo e de outro, a obra a qual se dedicou a meses. Temos Os Lusíadas em mão hoje, e Dinamene imortalizada nos sonetos que Camões passou a produzir depois da difícil escolha. 
 
Não se sabe ao certo quantos sonetos Camões chegou a publicar, esses possuem a base filosófica do neoplatonismo, o amor espiritual, que evidenciam o amor por alguém que se foi, como no soneto da imagem, que nos faz acreditar na lenda de Dinamene.  

29/11/2017

Olá pessoal, hoje vamos navegar pela literatura brasileira, mais especificamente, pela vida de João Guimarães Rosa, considerado um dos maiores escritores brasileiros. 
 
Guimarães Rosa nasceu em 1908, com menos de 7 anos já começava estudar Francês por conta própria, ao longo de sua vida aprendeu mais de 20 idiomas diferentes e se formou em medicina, Guimarães também foi escritor, diplomata, novelista, contista e membro da Acadêmia Brasileira de Letras. 
 
Após se formar em medicina, Guimarães exerceu sua profissão em Itaguara- MG, por dois anos, onde passou a ter contato com elementos do sertão, que serviram de inspiração para suas obras. 
 
Guimarães fez parte da terceira geração do modernismo, com fortes características do regionalismo, fazia uso da linguagem popular e era muito conhecido por inventar palavras. Uma de suas principais obras foi o livro de contos “Sagarana”, com a linguagem inovadora, a estrutura singular das narrativas e a riqueza da simbologia de seus contos, a obra garantiu a Guimarães lugar de destaque no panorama da literatura brasileira. Infelismente João Guimarães Rosa veio a falecer 3 dias após ser empossado na Academia Brasileira de Letras. 
 
As obras de Guimarães enriqueceram muito nossa literatura, deixo como dica de leitura da semana um dos contos do livro Sagarana, são contos inspirados no sertão e que se passam no interior de Minas Gerais.  

06/12/2017

Olá pessoal, mais uma vez trago Carlos Drummond para vocês, os versos a baixo fazem parte do poema A Máquina do Mundo, considerado o melhor poema brasileiro do século 20, por críticos e escritores.  
 
Vale muito apena ler o poema completo, que mostra a visão de Drummond em relação ao funcionamento do mundo. O livro Claro Enigma, publicado em 1951, de onde foi retirado o poema, apresenta questões reflexivas sobre a condição humana. 
 
Deixo como dica de leitura da semana o poema "A Máquina do Mundo", e se possível alguns poemas do livro Claro Enigma.  

13/12/2017

Olá pessoal, hoje vamos falar de um dos mais importantes nomes da literatura brasileira: Joaquim Maria Machado de Assis, nascido em 1839, no Rio de Janeiro, neto de escravos alforriados. Em sua adolescência foi ambulante, balconista e aprendiz de tipógrafo, quando mais velho foi redator, revisor, crítico, tradutor, cronista e censor teatral. 
 
Em 1855, Machado de Assis publicou seu primeiro poema “Ela”, no jornal Marmota Fluminense, ao longo de sua vida escreveu 9 romances, 9 peças teatrais, 200 contos, 5 coletâneas de poemas e sonetos, e mais de 600 crônicas. Podemos separar suas obras em duas fases, a primeira, marcada por características do Romantismo, e a segunda, mais amadurecido, possui uma aproximação com o Realismo.  
 
Com tantas obras, o que não falta é dica de leitura, para sugerir algo novo, diferente do que vimos na escola como Dom Casmurros, Memórias Póstumas de Brás Cubas, entre outras, deixo aqui o nome de três dos melhores poemas de Machado de Assis: Carolina, Círculo Vicioso e O Verme.

20/12/2017

Olá pessoal, como faltam 5 dias para o Natal, deixo aqui Poema de Natal, de Vinícius de Moraes, publicado em 1946. 
 
POEMA DE NATAL 
Para isso fomos feitos:  
Para lembrar e ser lembrados  
Para chorar e fazer chorar  
Para enterrar os nossos mortos -  
Por isso temos braços longos para os adeuses  
Mãos para colher o que foi dado  
Dedos para cavar a terra.  
 
Assim será a nossa vida:  
Uma tarde sempre a esquecer  
Uma estrela a se apagar na treva  
Um caminho entre dois túmulos -  
Por isso precisamos velar  
Falar baixo, pisar leve, ver  
A noite dormir em silêncio.  
 
Não há muito que dizer:  
Uma canção sobre um berço  
Um verso, talvez, de amor  
Uma prece por quem se vai -  
Mas que essa hora não esqueça  
E por ela os nossos corações  
Se deixem, graves e simples.  
 
Pois para isso fomos feitos:  
Para a esperança no milagre  
Para a participação da poesia  
Para ver a face da morte -  
De repente nunca mais esperaremos...  
Hoje a noite é jovem; da morte, apenas  
Nascemos, imensamente. 
 
E a dica de leitura da semana é o conto de Carlos Drummond, chama-se Organiza Natal. 

27/12/2017

Olá pessoal,  
Em tempos de Natal e Ano Novo falamos muito sobre recomeçar, mudar e melhorar, vemos a virada de ano sempre nos trazendo novas oportunidades. Por isso, trouxe um Poeminha de Ano Novo de Mário Quintana:  
 
ANO NOVO 
Lá bem no alto do décimo segundo andar do ano 
Vive uma louca chamada Esperança 
E ela pensa que quando todas buzinas 
Todos os tambores 
Todos os reco-recos tocarem: 
– Ó delicioso vôo! 
Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada – outra vez criança 
E em torno dela indagará o povo: 
– Como é o teu nome, meninazinha dos olhos verdes? 
E ela lhes dirá 
( É preciso dizer-lhes tudo de novo ) 
Ela lhes dirá bem alto, para que não se esqueçam: 
– O meu nome é ES – PE – RAN – ÇA …

03/01/2018

Olá pessoal, já ouviram falar de Haikai? Haikai é uma forma de poesia japonesa que surgiu no século XVI, composta por três versos, com cinco, sete e cinco sílabas. Geralmente tem como tema a natureza e as estações do ano, mas hoje em dia, encontramos haikais sobre diversos temas.

Trouxe para vocês três haikais de Matsuo Bashô, o samurai e poeta mais famoso no Japão, considerado o primeiro e maior poeta desse estilo. 
-
Vozes das aves.
Nessas horas, um poeta 
não tem mais mundo. 
-
Borboletas e 
aves agitam voo:
Nuvem de flores. 
-
Que lua, que flor
nada, bebo umas doses 
aqui sozinho.

10/01/2018

Olá pessoal, hoje vim falar de um livro que li nessas férias e recomendo para todos.

O livro A Mais Pura Verdade de Dan Gemeinhart, publicado em 2015, fala da jornada vivida por Mark, uma criança normal com seu cachorro, em certo sentido, Mark é diferente das outras crianças, pois possui uma doença, daquelas que não melhoram. Por isso, Mark decide fugir em direção ao maior desafio que poderia viver, escalar até o topo do Monte Rainier. 

O livro possui uma estória surpreendente, nos trás grandes reflexões e nos mostra que nunca é tarde demais para viver a maior aventura da nossa vida. Com certeza vale a pena ler!!!

17/01/2018

Olá pessoal, hoje vim falar de um filme maravilhoso que está em cartaz, o filme Extraordinário baseado no livro de R. J. Palácio.

O filme conta a história de Auggie, um menino de 10 anos que nasceu com uma deformidade facial e vai começar a ir para escola, nos mostra o desafio de Auggie para passar para seus colegas que, apesar das aparências, ele é uma criança adorável e comum.

Para evitar spoilers encerro por aqui e convido todas a assistirem esse filme maravilhoso que possui uma história muito comovente. 

“Não precisamos de olhos para amar, certo? Apenas sentimos dentro de nós”

24/01/2018

Olá pessoal, hoje vamos falar de ciência! Vocês sabem que o prêmio Nobel é um conjunto de prêmios internacionais concedidos, todo ano, em reconhecimento aos avanços culturais e científicos?

No ano de 2017, concederam o Nobel de Medicina à três cientistas americanos que demonstraram a genética por trás do “relógio biológico”. Apesar do prêmio ser recente, a pesquisa foi feita em 1984, quando Jeffrey Hall, Michael Rosbash e Michael Young isolaram um gene que através de mutações alterava o relógio biológico de moscas, eles descobriram que a proteína codificada pelo gene se acumulava de noite e se degradava de dia e esse feedback do gene com relação a luminosidade explica as reações de nosso corpo a partir da luz. 

Resumindo, o gene fornece informações para que nosso corpo se adapte às diversas fases do dia geradas pelas rotações da Terra. A descoberta do funcionamento desse mecanismo nos ajuda a entender as alterações na saúde e bem estar causadas pelo desregulamento no relógio biológico, como quando acostumamos a dormir e acordar tarde nas férias, e depois voltamos a rotina de dormir e acordar cedo, nos explica também porque nosso corpo é mais alerta em certos horários do dia.

Incrível saber como funcionamos né? Saber que somos capaz de mandar informações para nosso organismo sem nem sequer perceber que estamos fazendo isso!

24/01/2018

Olá pessoal, hoje vamos falar de ciência! Vocês sabem que o prêmio Nobel é um conjunto de prêmios internacionais concedidos, todo ano, em reconhecimento aos avanços culturais e científicos?

No ano de 2017, concederam o Nobel de Medicina à três cientistas americanos que demonstraram a genética por trás do “relógio biológico”. Apesar do prêmio ser recente, a pesquisa foi feita em 1984, quando Jeffrey Hall, Michael Rosbash e Michael Young isolaram um gene que através de mutações alterava o relógio biológico de moscas, eles descobriram que a proteína codificada pelo gene se acumulava de noite e se degradava de dia e esse feedback do gene com relação a luminosidade explica as reações de nosso corpo a partir da luz. 

Resumindo, o gene fornece informações para que nosso corpo se adapte às diversas fases do dia geradas pelas rotações da Terra. A descoberta do funcionamento desse mecanismo nos ajuda a entender as alterações na saúde e bem estar causadas pelo desregulamento no relógio biológico, como quando acostumamos a dormir e acordar tarde nas férias, e depois voltamos a rotina de dormir e acordar cedo, nos explica também porque nosso corpo é mais alerta em certos horários do dia.

Incrível saber como funcionamos né? Saber que somos capaz de mandar informações para nosso organismo sem nem sequer perceber que estamos fazendo isso!

24/01/2018

Olá pessoal, hoje vamos falar de ciência! Vocês sabem que o prêmio Nobel é um conjunto de prêmios internacionais concedidos, todo ano, em reconhecimento aos avanços culturais e científicos?

No ano de 2017, concederam o Nobel de Medicina à três cientistas americanos que demonstraram a genética por trás do “relógio biológico”. Apesar do prêmio ser recente, a pesquisa foi feita em 1984, quando Jeffrey Hall, Michael Rosbash e Michael Young isolaram um gene que através de mutações alterava o relógio biológico de moscas, eles descobriram que a proteína codificada pelo gene se acumulava de noite e se degradava de dia e esse feedback do gene com relação a luminosidade explica as reações de nosso corpo a partir da luz. 

Resumindo, o gene fornece informações para que nosso corpo se adapte às diversas fases do dia geradas pelas rotações da Terra. A descoberta do funcionamento desse mecanismo nos ajuda a entender as alterações na saúde e bem estar causadas pelo desregulamento no relógio biológico, como quando acostumamos a dormir e acordar tarde nas férias, e depois voltamos a rotina de dormir e acordar cedo, nos explica também porque nosso corpo é mais alerta em certos horários do dia.

Incrível saber como funcionamos né? Saber que somos capaz de mandar informações para nosso organismo sem nem sequer perceber que estamos fazendo isso!

31/01/2018

Olá pessoal, hoje vamos falar um pouco de artes, ou melhor sobre a vida de um grande artista! Vicent Van Gogh, holandês nascido em 1853, foi um dos artistas mais influentes dos últimos tempos.
Van Gogh possuia uma saude mental debilitada e acessos de loucuras e trocava cartas com um de seus irmãos, Theo, que morava em Paris. Sempre gostou de desenhar, mas só resolveu seguir a carreira artísticas em 1886, quando se mudou para Paris, próximo do irmão, e conheceu o movimento Impressionismo, o qual se identificou muito. 
Dois anos depois, quando foi morar com um amigo, Gauguin, passou a ter crises de agressividades, uma das quais cortou a própria orelha. Foi diagnosticado com depressão e se internou em um sanatório, onde, inspirado pelas paisagens locais, passou a pintar um quadro por dia. 
Pintou mais de 800 telas, mas só vendeu uma enquanto estava vivo. Van Gogh se matou dois meses depois que saiu do sanatório, em 1890. Só ficou famoso depois de sua morte, mas teve uma vida impressionante.
Queria deixar como dica da semana, o filme que foi lançado em Novembro de 2017, inspirado em mais 400 obras, o filme “Com Amor, Van Gogh”, é uma animação, que tenta entender e explicar a vida e morte de Van Gogh!!

07/02/2018

Olá pessoal, em vésperas de carnaval não poderia deixar de trazer algo sobre o tema, trouxe um samba-enredo em homenagem ao meu queridinho, Carlos Drummond de Andrade! O samba-enredo “O Reino de Palavras” foi tema da escola de samba Estação Primeira Mangueira do Rio de Janeiro em 1987, ano de morte de Drummond.

O reino das palavras
Mangueira
De mãos dadas com a poesia
Traz para os braços do povo
Este poeta genial
Carlos Drummond de Andrade
Suas obras são palavras
De um reino de verdade
Itabira
Em seus versos ele tanto exaltou
Com amor
Eis aí a verde e rosa
Cantando em verso e prosa
O que ao poeta inspirou
É dom quixote ô
É zé pereira
É charlie chaplin
No embalo da mangueira
Olha as carrancas
Do rio são francisco
Rema rema remador
Primavera vem chegando
Inspirando o amor
O rio toma conta do sambista
Como o artista imaginou
Na ilusão dos meus sonhos, achei
O elefante que eu imaginei

Link da música cantada: https://www.youtube.com/watch?v=ksIDn2_GuSo 

07/02/2018

Olá pessoal, em vésperas de carnaval não poderia deixar de trazer algo sobre o tema, trouxe um samba-enredo em homenagem ao meu queridinho, Carlos Drummond de Andrade! O samba-enredo “O Reino de Palavras” foi tema da escola de samba Estação Primeira Mangueira do Rio de Janeiro em 1987, ano de morte de Drummond.

O reino das palavras
Mangueira
De mãos dadas com a poesia
Traz para os braços do povo
Este poeta genial
Carlos Drummond de Andrade
Suas obras são palavras
De um reino de verdade
Itabira
Em seus versos ele tanto exaltou
Com amor
Eis aí a verde e rosa
Cantando em verso e prosa
O que ao poeta inspirou
É dom quixote ô
É zé pereira
É charlie chaplin
No embalo da mangueira
Olha as carrancas
Do rio são francisco
Rema rema remador
Primavera vem chegando
Inspirando o amor
O rio toma conta do sambista
Como o artista imaginou
Na ilusão dos meus sonhos, achei
O elefante que eu imaginei

Link da música cantada: https://www.youtube.com/watch?v=ksIDn2_GuSo 

07/02/2018

Olá pessoal, em vésperas de carnaval não poderia deixar de trazer algo sobre o tema, trouxe um samba-enredo em homenagem ao meu queridinho, Carlos Drummond de Andrade! O samba-enredo “O Reino de Palavras” foi tema da escola de samba Estação Primeira Mangueira do Rio de Janeiro em 1987, ano de morte de Drummond.

O reino das palavras
Mangueira
De mãos dadas com a poesia
Traz para os braços do povo
Este poeta genial
Carlos Drummond de Andrade
Suas obras são palavras
De um reino de verdade
Itabira
Em seus versos ele tanto exaltou
Com amor
Eis aí a verde e rosa
Cantando em verso e prosa
O que ao poeta inspirou
É dom quixote ô
É zé pereira
É charlie chaplin
No embalo da mangueira
Olha as carrancas
Do rio são francisco
Rema rema remador
Primavera vem chegando
Inspirando o amor
O rio toma conta do sambista
Como o artista imaginou
Na ilusão dos meus sonhos, achei
O elefante que eu imaginei

Link da música cantada: https://www.youtube.com/watch?v=ksIDn2_GuSo 

21/02/2018

Oláa irmãs!! Hoje vim falar de um super filme que está em cartaz, Pantera Negra, que lançou no Brasil, dia 15 desse mês.

Pantera Negra é marco para representatividade negra nos filmes de super-heróis, é o primeiro filme da Marvel com um elenco negro e o maior filme dos últimos tempos com 90% dos atores negros. Além de bater o record de bilheteria em uma segunda-feira nos EUA, impressionou público e críticos obtendo 100% de avaliações positivas. Com uma trama bem construída e efeitos visuais de ponta esse pode ser o melhor filme do momento!!

Vamos a sinopse: Após a morte do rei T'Chaka, o príncipe T'Challa retorna a Wakanda para seguir os passos do pai, tanto como líder quanto como Pantera Negra, o defensor da nação. Na cerimônia de coroação são reunidas as cinco tribos que compõem o reino, sendo que uma delas, os Jabari, não apoia o atual governo. T'Challa logo recebe o apoio de Okoye, a chefe da guarda de Wakanda, da irmã Shuri, que coordena a área tecnológica do reino, e também de Nakia, a grande paixão do atual Pantera Negra, que não quer se tornar rainha. Juntos, eles estão à procura de Ulysses Klaue, que roubou de Wakanda um punhado de vibranium, alguns anos atrás.

Por enquanto é só, não deixem de assistir o filme, porque vale super a pena!!!

A dica de hoje veio da irmã Juliana Mansano do B09, quer indicar algo para suas irmãs? Deixe no comentário sua dica sobre literatura, artes e ciências que ela pode aparecer na na quarta da bibliotecária!! 

21/02/2018

Oláa irmãs!! Hoje vim falar de um super filme que está em cartaz, Pantera Negra, que lançou no Brasil, dia 15 desse mês.

Pantera Negra é marco para representatividade negra nos filmes de super-heróis, é o primeiro filme da Marvel com um elenco negro e o maior filme dos últimos tempos com 90% dos atores negros. Além de bater o record de bilheteria em uma segunda-feira nos EUA, impressionou público e críticos obtendo 100% de avaliações positivas. Com uma trama bem construída e efeitos visuais de ponta esse pode ser o melhor filme do momento!!

Vamos a sinopse: Após a morte do rei T'Chaka, o príncipe T'Challa retorna a Wakanda para seguir os passos do pai, tanto como líder quanto como Pantera Negra, o defensor da nação. Na cerimônia de coroação são reunidas as cinco tribos que compõem o reino, sendo que uma delas, os Jabari, não apoia o atual governo. T'Challa logo recebe o apoio de Okoye, a chefe da guarda de Wakanda, da irmã Shuri, que coordena a área tecnológica do reino, e também de Nakia, a grande paixão do atual Pantera Negra, que não quer se tornar rainha. Juntos, eles estão à procura de Ulysses Klaue, que roubou de Wakanda um punhado de vibranium, alguns anos atrás.

Por enquanto é só, não deixem de assistir o filme, porque vale super a pena!!!

A dica de hoje veio da irmã Juliana Mansano do B09, quer indicar algo para suas irmãs? Deixe no comentário sua dica sobre literatura, artes e ciências que ela pode aparecer na na quarta da bibliotecária!! 

28/02/2018

Olá pessoal!! Hoje eu trouxe sobre mais um lançamento do mês, o livro de contos A Cidade Dorme de Luiz Ruffato, publicado no dia 16.

O livro reúne 20 contos escritos nos últimos 15 anos pelo autor. Nas histórias, Ruffato traz reflexões sobre o Brasil, relações familiares e suas memórias, apresenta o ponto de vista do trabalhador urbano e a realidade nos grandes centros e periferias. Com uma linha do tempo lógica, o livro possui contos da infância à vida adulta, partindo de 1960, fala sobre futebol, ditadura, drogas e a violência urbana, mesclando assuntos que em algum momento fez parte da vida do autor. Na obra, Luiz Ruffato apresenta um Brasil triste, e acredita que a literatura possa incomodar e transformar. 

São contos que valem super a pena ler, que vão te fazer refletir e enxergar as coisas por um outro ponto de vista. Fica a dica para leitura da semana! ;)

Por hoje é só galerinha, quer indicar algo para suas irmãs? Deixe nos comentários sua dica sobre literatura, artes ou ciências que ela pode aparecer na quarta da bibliotecária!! 

07/03/2018

Olá pessoal!! Vocês já ouviram falar no Prêmio São Paulo de Literatura? Criado em 2008, pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, vem premiando os escritores dos melhores livros de ficção, no gênero romance, escritos em língua portuguesa e publicados no Brasil. 

Reconhecido internacionalmente como um difusor credenciado da literatura brasileira contemporânea, é um dos prêmios mais importantes do país, se tornando uma referência no circuito literário para instituições, agentes e organizações do mercado editorial. 

No ano passado, os vencedores foram: Maria Valéria Rezende com o livro Outros Cantos, Franklin Carvalho com o romance Céus e Terras e o campineiro Maurício de Almeida com A Instrução da Noite. 

Por hoje é só galerinha, quer indicar algo para suas irmãs? Deixe nos comentários sua dica sobre literatura, artes ou ciências que ela pode aparecer na quarta da bibliotecária!! 

14/03/2018

Olá pessoal!! Vocês já ouviram falar da Arte Mesopotâmica? Provavelmente ouviram um pouquinho na escola! 

Mesopotâmia era a região entre os rios Tigres e Eufrates, onde hoje é a maior parte do Iraque e do Kuwait, nesta região passou diversos povos, entre eles os sumérios, assírios e babilônicos. A arte em si, se desenvolveu ao longo de vários anos, e se manifestou com grande originalidade e valor estético.

Uma das arte que mais se desenvolveu foi a Arquitetura, embora não ser tão notável quanto a egípcia. Caracterizados pelo exibicionismo e pelo luxo, construíram templos e palácios que eram considerados iguais aos existentes no céu. Nas construções usavam tijolos, ladrilhos e argila. Zigurate, é um dos templos que representa as características da arquitetura mesopotâmica, é uma torre piramidal de base retangular, com vários andares, cada um menor que o anterior.

A arte mesopotâmica também se trata de pinturas, esculturas e cerâmicas, algumas dessas obras estão em museus e são separadas pelas características dos diferentes povos que habitaram a região.

A grande pergunta é como que, com pouquíssima tecnologia, conseguiam construir grandes palácios, templos e esculturas? Não só o tamanho espanta, mas os detalhes, aperfeiçoamentos e a simetria, para que essas obras suportasse e durasse centenas de anos. 

Por hoje é só galerinha, sempre bom aprender um pouquinho sobre as artes da antiguidade.

Quer indicar algo para suas irmãs? Deixe nos comentários sua dica sobre literatura, artes ou ciências que ela pode aparecer na quarta da bibliotecária!! 

21/03/2018

Olá pessoal!! Hoje trouxe 3 grandes mulheres que contribuíram muito para ciência ao longo da história. Elas são: Hildegard de Bingen (1098-1179), Ada Lovelace (1815 -1852) e Marie Curie (1867 -1934).

A contribuição feminina na ciência começou muito antes de existir o Dia da Mulher e movimentos de revolução feminista. 

Hildegard de Bigen na idade média ajudava em conventos e escreveu livros sobre botânica e medicina, suas habilidades de médica eram confundidas com milagres, seus feitos se tornaram tão famosos que batizaram um asteroide em sua homenagem: o 898 Hildegard.

Ada Lovelace foi a primeira programadora do mundo, fez pesquisas em motores analíticos que foram base para invenção dos primeiros computadores, sua pesquisa gerou os primeiros algoritmos conhecidos.

E para finalizar Marie Curie, que é muito famosa por sua pesquisa pioneira sobre radioatividade, por descobrir os elementos polônio e rádio, e por conseguir isolar isótopos desses mesmos elementos. Foi a primeira mulher a ganhar um Nobel e a primeira pessoa a ser premiada duas vezes: a primeira vez em Química e a segunda em Física.

Essas foram só algumas das dezenas de mulheres que contribuíram com a ciência, existe ainda mulheres não tão notadas, mas que todo dia doam seu sangue para fazer uma sociedade melhor para todos.

28/03/2018

Olá pessoal!! Hoje vamos falar de trovadorismo, a primeira manifestação literária da língua portuguesa, que surgiu em 1189 e foi até 1416, quando iniciou o Quinhentismo. 

O Trovadores, em geral, eram nobres que escreviam e cantavam cantigas (poesia cantada). Nesta época, a Igreja Católica possuía considerável influência nos aspectos artísticos e literários, por tanto, as cantigas trovadoras são, em sua maioria, de caráter religioso.

As cantigas, são divididas em líricas (de amor e amizade) e satíricas (de escárnios e mal-dizer). Nas cantiga de amor, o trovador costuma destacar a qualidade da mulher amada, se colocando sempre como inferior a ela; nas cantigas de amizade, o eu-lírico é uma mulher que lamenta pela falta de um amor (a palavra amigo se refere a um namorado); as cantigas de escárnio são sátiras, com indiretas e duplos sentidos, e as cantigas de mal-dizeres, possuem sátiras diretas e bem explícitas.

E para encerrar, trouxe uma cantiga de Amigo, de Martim Codax:

Paráfrase 

Ondas do mar de Vigo 

Se vires meu namorado! 

Por Deus, (digam) se virá cedo!

Ondas do mar revolto, 

Se vires o meu namorado! 

Por Deus, (digam) se virá cedo!

Se vires meu namorado, 

Aquele por quem eu suspiro! 

Por Deus, (digam) se virá cedo!

Se vires meu namorado 

Por quem tenho grande temor! 

Por Deus, (digam) se virá cedo! 

04/04/2018

Já ouviram falar sobre arte gótica? 

A arte gótica designa uma fase da história da arte ocidental, que possui características próprias de contexto social, político e religioso em conjunto com os valores estéticos e filosóficos.
Foi um movimento cultural e artístico que se desenvolveu durante a Idade Média, no Século XII, na França, em diversas áreas. Os primeiros sinais de arte gótica foi no campo da arquitetura (mais especificamente na construção de catedrais) e possui influências religiosas. 
Na arquitetura o Gótico vai possibilitar uma ampliação na altura das construções com uma série de inovações técnicas, como por exemplo, o uso sistemático do arco quebrado (ogival), que aliviaram o peso das paredes e coberturas e permitiram ao mesmo tempo ampliar as aberturas e dar maior leveza visual aos interiores. Trouxe arquiteturas maiores e que não eram apoiadas em nenhuma parede externa, somente em colunas, desta forma, imensas paredes espessas foram excluídas dos edifícios de género gótico e foram substituídas por vitrais e rosáceas que iluminavam o ambiente interno.

O estilo gótico é muito marcado nas catedrais europeias, entre elas, a de Notre-Dame que é patrimônio mundial da Unesco. 

11/04/2018

Monteiro Lobato, um dos primeiros autores de literatura infantil em nosso país e de toda américa latina, mais conhecido por “Sítio do Pica-Pau Amarelo”, é um dos autores do Pré Modernismo, e suas obras possuem caráter nacionalista e social.

Apesar de suas obras mais famosas serem infantis, ele começou escrevendo obras adultas, cartas, artigos para jornais e revistas e desenhava caricaturas. Seus artigos, cartas e discursos muitas vezes possuíam um tom agressivo e crítico. Só depois de publicar livro infantil “Narizinho Arrebitado” para literatura nas escolas, que ele começou a se especializar mais nessa área, e dar continuação aos personagens.

Uma de suas frases conhecida é: “De escrever para marmanjos já estou enjoado. Bichos sem graça. Mas para crianças um livro é todo um mundo.” 

Monteiro Lobato, marcou a vida de muitas pessoas, quem não começou a ler com um de seus livros infantis, com certeza assistia a série inspirada nos mesmos, ria com uma boneca, admirava a inteligência de um sabugo de milho e se divertia com as aventuras de Narizinho e Pedrinho!

18/04/2018

Olá galerinha!! Vocês sabiam que amanhã é dia do Índio? Esse dia, 19 de Abril, foi criado em 1943 e foi proposto pelas lideranças indígenas do nosso continente que participaram do Congresso Indigenista Interamericano, realizado no México em 1940. Neste congresso foi criado o Instituto Indigenista Interamericano, que tem como função zelar pelos direitos dos indígenas na América. 

A data é considerada um motivo de reflexão sobre os valores culturais dos povos indígenas e a importância de preservação e respeito a esses valores. 

Os índios possuem um modo de viver bem diferente do nosso, costumam morar em aldeias, sua alimentação é baseada em raízes, como mandioca e batata doce, além da caça e pesca, e produzem os objetos que são necessários para sua sobrevivência e para o dia-a-dia, como arco e flecha, vasilhas de cerâmicas, cestos de palhas, etc.

A população indígena teve um papel fundamental na formação cultural e étnica da população brasileira, estavam aqui muito tempo antes dos colonizadores europeus, e desenvolveram uma rica cultura formada por diversos costumes, línguas e saberes que ainda se mostram vivos no interior da sociedade brasileira.

É muito importante que façamos um momento de conscientização da preservação do povo indígena ao nosso país.

28/04/2018

A dança é uma das três principais artes cênicas da antiguidade, ao lado do teatro e da música. Na Grécia, a dança era muito vinculada aos jogos olímpicos. A dança caracteriza-se pelo uso do corpo seguindo movimentos previamente estabelecidos ou improvisados. Na maior parte dos casos, a dança, com passos ritmados ao som e compasso de música envolve a expressão de sentimentos potenciados por ela.

O significado da dança vai além da expressão artística, podendo ser vista como um meio para adquirir conhecimentos, como opção de lazer, fonte de prazer, desenvolvimento da criatividade e importante forma de comunicação. Através da dança, uma pessoa pode expressar o seu estado de espírito. A dança pode ser acompanhada por instrumentos de percussão ou melódicos, ou ainda pela leitura de diferentes textos.
A dança pode existir como manifestação artística, como forma de divertimento ou em cerimônia.

Hoje existem várias modalidades de danças, como dança de rua, dança do ventre, dança de salão, etc. E é muito as pessoas praticarem para relaxar e sair do cotidiano, tem também aquelas pessoas que dançam todos os dias e fazem isso por amor.

Curiosidade: no dia 29 de Abril é comemorado o dia da dança no mundo inteiro! 

Por hoje é só, espero que tenham gostado de saber um pouquinho mais sobre dança, vamos procurar praticar mais, para manter a mente relaxada e até semana que vem!! 

02/05/2018

O Dia do Trabalho ou Dia Internacional dos Trabalhadores é uma festa internacional cuja origem é a campanha dos trabalhadores pela redução do tempo de trabalho a uma jornada de oito horas, no fim do século XIX. É celebrado anualmente no dia 1º de Maio em quase todos os países do mundo.

Nesta data também é homenageada a luta dos trabalhadores que reivindicavam por melhores condições trabalhistas. Graças à coragem e persistência desses trabalhadores, os direitos e benefícios atuais dos quais usufruímos foram conquistados.

Vocês sabiam o porquê desse dia existir? Muito interessante não? 

Para homenagear todos os trabalhadores, trouxe esse breve poeminha da professora Kátia Morato, de Minas Gerais.

Dia do Trabalho
Eu sou pequeno, quero estudar,
quando crescer, vou trabalhar.

Eu quero ser doutor, doentes vou curar,
Eu quero ser professor, para as crianças ensinar.

Eu serei aviador, pelos ares voarei,
Eu serei um motorista, passageiros levarei.

Eu pedreiro, eu engenheiro, eletricista, encanador.
Eu pintor, eu carpinteiro, a casa está um primor.

Olhe aqui o lavrador, o dono da plantação.
Eu aqui o criador, cuidarei da criação.

É útil o funcionário: O bombeiro, o carcereiro;
Na cidade é necessário, seja o lixeiro ou o carteiro.

E vamos brindar o trabalhador,
que sabe trabalhar com fé e com amor!

09/05/2018

Essa semana é para homenagear as mulheres mais importante em nossas vidas, nossas mães, as responsáveis por nossa criação, as que nos amavam bem antes de nascermos, que passavam noites sem dormir, preocupadas com nosso conforto, que vem nos ajudar a qualquer chamado, e que mesmo com todo trabalho que damos a elas, continuam a nos amar.

Minhas palavras nunca serão suficientes para descrever essas mulheres, que são persistentes e duras como uma pedra, capaz de enfrentar o mundo por nós, e ao mesmo tempo são doces e amáveis, com o abraço mais reconfortante do mundo.

Para me ajudar nessa homenagem, trouxe um poeminha de Mario Quintana:

MÃE...

São três letras apenas,

As desse nome bendito:

Três letrinhas, nada mais...

E nelas cabe o infinito

E palavra tão pequena

Confessam mesmo os ateus

És do tamanho do céu

E apenas menor do que Deus!

16/05/2018